sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Fuja do conspiracionismo antes de ficar paranoico!


Os conspiracionistas devem estar rindo à toa, pois, a cada dia, surgem mais cristãos paranoicos, neuróticos, que não estudam as Escrituras, não frequentam a Escola Dominical e preferem ser manipulados por vídeos de Alex Jones e cia. Apresentando-se como os propagadores das “verdades ocultas”, aquelas que os pastores não têm coragem de dizer, os web-aterrorizadores de plantão têm conseguido convencer muitos web-incautos de que tudo à nossa volta é conspiração da Nova Ordem Mundial.

Segundo o conspiracionismo, desde 1816 os Estados Unidos, 
“o grande satã”, já assumiram o controle da Amazônia, o maior e mais rico bioma das Américas. E a prova disso seria uma página de um livro didático chamado An Introduction to Geography, de um certo David Norman.

Na mencionada página, o mapa do Brasil aparece sem a Floresta Amazônica, e essa informação estaria supostamente sendo difundida nas escolas norte-americanas. 
Já vi até um famoso deputado federal evangélico (não me pergunte o nome dele!) visitando igrejas, em época de campanha, para apresentar tal informação...

Bem, vamos aos fatos. A história do tal livro didático é uma grande falácia! Uma mentira, para ser mais claro. Em 2001, mais precisamente no dia 2 de dezembro, o jornal O Estado de S. Paulo apurou que a tal página (imagem acima) teve origem na comunidade acadêmica da Unesp e da Unicamp, em São Paulo. Não existe livro didático nenhum registrado na Biblioteca do Congresso! Ademais, a página evidencia que o seu autor tem precários conhecimentos da língua inglesa...


Tenho visto muitos crentes assustados com tudo o que acontece no mundo. Não falam mais da vinda de Jesus, não oram, não estudam a Bíblia, não evangelizam... Só querem saber de falar em Nova Ordem Mundial e acusam, sem provas concretas, pastores e igrejas de estarem ligados a sociedades secretas. Veem o predomínio da maçonaria em governos, ONGs, empresas, igrejas, escolas, produtos, etc.

Veja abaixo uma pequena lista de invencionices, especulações e inverdades que vêm sendo difundidas pelos conspiracionistas de plantão, mediante DVDs, palestras em hotéis, vídeos no YouTube, etc. E infelizmente há cristãos desavisados embarcando nessa canoa furada...

- A Bíblia foi produzida pelos papas e deturpada pela religião evangélica. Não acredite nisso, prezado internauta. A Bíblia sempre foi a Palavra de Deus!
- A maçonaria está no controle do mundo desde o tempo de Salomão. A maçonaria surgiu na Idade Média. Salomão não tem nada a ver com essa decadente (isso mesmo: decadente) sociedade secreta.
A ONU é controlada pelos illuminatis. Os illuminatis não existem formalmente, pois a sociedade secreta illuminati, fundada por maçons, foi extinta pelo governo alemão no século XVIII.
- Os pastores fulano e beltrano são maçons. É claro que alguns pastores (pastores?) são maçons, mas ninguém tem o direito de acusar este e aquele pastor de pertencer à maçonaria só porque a sua igreja possui formas geométricas...
- Os Estados Unidos são os verdadeiros autores dos atentados de 11 de setembro de 2001. Não sou estadunidólatra, mas quem tem bom senso sabe que os norte-americanos jamais matariam o seu próprio povo. Leia o artigo que escrevi para este blog no dia 11 deste mês.
- A vacina contra a Influenza A (H1N1) foi produzida para reduzir a população, a mando dos illuminatis. Depois que as pessoas começaram a tomar a vacina, diminuiu o número de mortes.
- Osama bin Laden nunca foi terrorista; era um agente da CIA. Sem comentários...


Devemos priorizar o estudo da Bíblia Sagrada, e não a “caça às bruxas”. Os conspiracionistas têm feito com que cristãos neófitos e incautos se tornem paranoicos, inimigos de Israel, antiamericanos, inimigos de qualquer forma de governo, bem como opositores das igrejas e dos pastores, etc. Em decorrência disso, também não respeitam o primado da Palavra de Deus e procuram símbolos satanistas e maçônicos em tudo.

Como se vê, as teorias da conspiração em nada contribuem para uma vida cristã saudável. Estejamos, pois, atentos ao que diz a Palavra do Senhor acerca dos falsificadores da Palavra de Deus (2 Co 2.17; 2 Pe 2.1,2). Fujamos das questões loucas e das falsas ciências (1 Tm 6).

Em Cristo,


Ciro Sanches Zibordi

13 comentários:

Ricardo Marques disse...

Prezado Pr. Ciro:

Parabenizo-o pelo seu artigo. Sou cientista por gormação, mas também terapeuta e neuropsicólogo, e tenho, entre meus pacientes, pessoas - inclusive cristãs - que sofrem de paranóia em graus diversos; e, dentre estas, há algumas acometidas pelo que chamo de "paranóia pseudocristã", com a mente repleta de invencionices.

Entretanto, antes de aceitar Jesus fui um místico envolvido com sociedades secretas, magia e ocultismo. Após minha conversão, passei 30 anos estudando as Escrituras e a sã doutrina, vivendo igreja e lecionando arqueologia bíblica e teologia do AT e do NT em seminários e escolas bíblicas. Também sou analista de inteligência, havendo prestado serviços, nos anos 80 e 90, para órgãos de informação no exterior. Essa trajetória me permite analisar com profundidade e certa isenção assuntos como as "conspirações", que têm virado moda no meio evangélico. Tanto que no Consciência Cristã/2011 fui convidado para esclarecer "mitos e verdades" sobre Nova Ordem Mundial e outros temas polêmicos nessa linha.

Posso afirmar que os fatos REAIS demonstram dois pontos inequívocos: 1. Há, sim, muito exagero, paranóia e mentiras nas teorias conspiracionistas pseudocristãs; 2. Porém, entremeadas a tais exageros, há, sim, verdades conspiratórias envolvendo sociedades secretas, nova ordem mundial, apostasia e anticristo - e, diga-se de passagem, com fundamentação 100% bíblica e profética.

Modestamente, eu diria que a melhor recomendação para os crentes de juízo no lugar seria: "tenha discernimento na hora de julgar o que há de verdade e de mentira nas teorias conspiratórias". Aí, sim.

Agradeço sua atenção e consideração, e disponho-me a trocar informações sobre este e outros assuntos, caso ache relevante.

Ciro Sanches Zibordi disse...

Caro Ricardo Marques,

Agradeço-lhe por sua valiosa contribuição. É claro que podemos examinar tudo. Mas, quando eu digo "fuja", é porque até hoje não encontrei nenhuma teoria conspiratória que mereça crédito. E olha que já investiguei bastante o assunto. O próprio nome "teorias da conspiração" já é uma indicação de que elas não merecem crédito.

Quanto às sociedades secretas, a maçonaria está em total decadência. Não é mais o que foi antes, quando se pensou até em um plano de domínio global. A illuninati só existe em sites sensacionalistas. E os bilderbergs nunca existiram! Foram inventados pelos conspiracionistas, logo após a Segunda Guerra Mundial, por causa de uma reunião envolvendo magnatas no Hotel Bilderberg, na Holanda. Essa reunião, aliás, ainda ocorre. Na época, ela teve como objetivo a reconstrução da Europa pós-guerra.

Agora, é inegável a influência da Nova Era, que é um movimento mundial. Os conspiracionistas "cristãos" costumam confundir Nova Era com Nova Ordem Mundial e, partir daí, dão asas à imaginação no melhor estilo Dan Brown.

Por fim, caro Ricardo, conheço o seu trabalho e o parabenizo por ele. Espero revê-lo na VINACC 2012.

Um abraço.

CSZ

tiagolinno disse...

Nossa. Cada vez que leio seus posts sobre esse assunto, apenas sinto vontade de rir.

A Bíblia é bem clara em nos alertar que o conhecimento evita erros. Vejo-o comentar com certeza e segurança sobre esses assuntos que alimentam ilusões na mente de muitos evangélicos e continuo com a certeza desse aviso bíblico. Quem segue a Bíblia, não perde tempo com essas invencionices.

Você já escreveu sobre o tal do cd girado ao contrário, pastor? Tem muito isso também. E hoje em dia já acusam até cantores evangélicos, tocando seus cds ao avesso. Estudo engenharia eletrônica e não poucas vezes já simulei "vozes" em laboratórios, e quando vejo uma acusação dessas, também rio.

Deus abençoe!

LeonardoSN disse...

Misericredo! ... Pois é Pr. Ciro, hoje a Segunda Vinda de Cristo não "vende" mais, santificação não "vende" mais, então o "pessoal" corre atrás de novidade como essas heresias bravas aí que o senhor alerta.
Meu coração se regozija ao saber que o pastor tem colocado o "que tem na mão" ao serviço do Rei Jesus.
Um grande abraço, Pr. Ciro.
Leonardo Sánchez

rodrigo disse...

No assunto posto em foco o prezado pastor se vestiu com a indumentária da realidade dos fatos.
Gosto de ler suas postagens, ainda que, discordando de algumas, fico, contudo, satisfeito em saber que alguns pastores Assembleianos não se deixam impressionar pela mitologia louca desses prefalados agentes conspiratórios. É uma realidade factual que tais historietas são fábricas de paranóicos, portanto, devem ser de pronto combatidas para o bem geral da nação cristã.
Abraços.

Angela disse...

Pastor!! Sábias palavras. Eu assisti ao 1° dvd da Série "Prepare-se" e isso me deixou muito assustada, fazendo-me perder a confiança em Deus. O mundo pode jazer no maligno, mas Do Senhor é a terra e a sua plenitude. Decidi não assistir aos demais dvd's, como o pastor disse, isso não acrescenta em nada na nossa vida cristã.

Christofer disse...

A mais nova: Osama Bin Laden era agente da cia e foi morto pelos federais porque sabia demais (queima de arquivo).

Ninguém merece...

Ciência e religião ao alcance de todos disse...

Pastor Ciro,
o senhor mais uma vez tornou a tocar no assunto, e mais uma vez vou ter algo a falar a respeito de seu texto.

Primeiro, parece que nos dois primeiros parágrafos o senhor lançou os fatos como se o "conspiracionismo" fosse um movimento unificado, como se todos que acreditam em algumas teorias de conspiração acreditam em todas. Isso é uma generalização equivocada. Eu por exemplo, simpatizo com algumas teorias, mas sei que de fato muitas outras são ridiculamente falsas. Não existe (que eu saiba) um movimento unificado de conspiracionismo, os teóricos da conspiração são independentes.

Além disso, adiante em seu texto o senhor parece insinuar uma relação entre o comprometimento com as conspirações e o descomprometimento com a oração, leitura da palavra, evangelismo, etc... ora, o que tem a ver uma coisa com a outra? Tudo bem que à medida que você dedica tempo a uma, perde tempo da outra (por isso sou contra a militância conspiracionista), mas e se você apenas acredita em uma ou outra conspiração, e mesmo assim é perseverante na vida devocional e ministerial? É o mesmo "erro"?

Por último, realmente discordo de muitas das hipóteses que o senhor citou... mas sobre Osama Bin Laden ser agente da CIA, isso não é nem conspiração, é fato. Provavelmente em 2001 ele não era mais, mas há evidências de que ele havia sido antes, na época da Gierra Fria.

Abraços, Paz de Cristo.

Ciro Sanches Zibordi disse...

Caro "Ciência e religião a serviço de todos",

Sinceramente, depois de o irmão dizer que Osama bin Laden era, de fato, un agente da CIA, fico sem resposta. Não disponho de fontes privilegiadas, melhores do que as da grande imprensa, para fazer uma afirmação desse tipo. Bem, se Osama era da CIA, então está comprovado: foram os Estados Unidos mesmo que derrubaram o WTC! Foi tudo uma incenação. Os Estados Unidos são mesmo o "grande satã".

Caro irmão, me perdoe... As teorias conspiratórias, T-O-D-A-S, sem exceção, são inverossímeis, falaciosas e fantasiosas. E, por isso mesmo, são teorias da conspiração. Elas podem conter alguma verdade isolada. Mas a verdade mesclada com a inverdade é igual a mentira.

Grato por sua participação.

CSZ

Tamar disse...

Tento dividir os temas em Escatologia Aterrorizante e Teoria da Conspiração para ficar mais fácil de entender, mas por falar em escatologia até as Noites do Terror no Playcenter embarcaram na onda. O tema é "Profecias Macabras". O cartaz é um horrorzinho parece tirado de um mangá. O canal a cabo NatGeo também tá passando um blá-blá-blá sobre profecias. O troço é viral e já se tornou um marketing poderoso para vender entretenimento.

Anônimo disse...

Eu não sei,mas conspiracinismo é loucura. Teophilo Noturno, Apocalipse Total, Julio Severo observem. Discirnam,existem até um pastor que possui um blog chamado Hora da Verdade que também é conspiracionista. Obrigado pela Atenção.

LeonChrist disse...

Concordo com o Pastor. Essa coisa de querer ver ocultismo em tudo e conspirar sobre tudo, ligando todo tipo de simbologia e linguagem a essa suposta NOM (não que esta não exista de fato), já tá virando um quadro psicótico grave que pode não ter reversão, e que talvez nem Freud explique.

Essa conspiração tem sido uma grande fonte de heresias absurdas que está levando muitos incautos a um erro que pode não ter mais retorno, e o maior alvo disso são jovens cristãos (principalmente evangélicos) pouco instruídos da Palavra de Deus, fato este que representa um perigo, pois os jovens de hoje são os que "instruirão" os de amanhã.

Eu creio que o que instiga muitos cristãos a vislumbrarem esse futuro domínio global e a conspirarem sobre como isso se dará é a própria ciência que eles têm sobre o que a Bíblia nos alerta com relação aos "últimos dias". Mas, infelizmente, pelo menos 99% desses cristãos que vislumbram esse fim apocalítico pouco se baseiam de fato na Bíblia, para entender o que a Palavra de Deus realmente nos alerta.

Essa coisa de ver os Estados Unidos como o grande "império" mal do mundo é um grande perigo. Não que os EUA esteja imune de qualquer crítica, jamais. Mas isso demonstra o quão "longe" muitos cristãos evangélicos conspiracionistas passam do real entendimento da profecia destes últimos dias. Essas pessoas mal sabem distinguir o que é o real "espírito do anticristo" no mundo segundo o critério que a própria Bíblia mostra e tanto tenta nos alertar, o que dirá outras coisas proféticas descritas em maiores detalhes. Os conspiracionistas não visualizam e analisam fatos concretos, não se atentam ao que de fato a sociedade ocidental está passando e qual será seu destino.

Sem dúvidas estamos vivendo tempos difíceis, onde existe uma grande mobilização política e intelectual (elite) que tenta à todo custo ridicularizar a Bíblia e desconstruir os valores cristãos.

Embora hoje exista pessoas influentes em vários setores da sociedade que se opõem e as vezes até perseguem tudo ligado que está ao cristianismo, e apesar da Bíblia nos alertar sobre esses tempos difíceis de pouca fé na terra e de toda sorte de blasfêmia que presenciamos hoje, o que a mesma Bíblia define de forma mais específica em quê realmente consiste e de onde vem o grande (digamos assim) espírito anticristo no mundo não se cumpre exatamente nesse movimento anti- valores cristão que vemos na sociedade moderna, mesmo que tudo isso que presenciamos hoje tenha sido fomentado por uma elite (não necessariamente secreta, mas certamente comunista, de esquerda).

Meus caros, o grande espírito anticristo que a Bíblia profetiza e que tem, sim, anseio de dominar o mundo (e muitos aqui não têm a noção disso e subestima essa possibilidade) é o Islã, é o mundo muçulmano, o mesmo que considera EUA o grande satanás e Israel o pequeno satanás (Israel tb é alvo dessas conspirações, os conspiracionistas usam a estrela de Davi como simbolismo oculto, e o inimido adora). O própio EUA tem como presidente um liberal anticristão que todo mundo sabe que é e teve formação muçulmana, é considerado por muitos o presidente mais antiamericano da história da mais poderosa nação do mundo. A Europa vem sofrendo com baixos índices de natalidade de sua população nativa por conta do secularismo, isso enquanto sofre forte imigração de povos africanos e do oriente médio, ambos de maioria absoluta muçulmana. Na Europa, quando uma Igreja não vira um museu ou uma biblioteca, ela vira uma Mesquita (templo muçulmano), e as estatísticas indicam que daqui há alumas décadas alguns países europeus correm sérios riscos de se tornarem muçulmanos justamente em decorrência dessa baixíssima natalidade nativa europeia em contrapartida à alta imigração e altíssima procriação das famílias muçulmanas.

Muitos não dão "ouvidos" o que a Bíblia realmente diz, ignoram o fato de que ela tem como foco Israel e nações circunvizinhas.

Por enquanto é só. Espero que a moderação aprove meu comentário.

LeonChrist disse...

Concordo com o Pastor. Essa coisa de querer ver ocultismo em tudo e conspirar sobre tudo, ligando todo tipo de simbologia e linguagem a essa suposta NOM (não que esta não exista de fato), já tá virando um quadro psicótico grave que pode não ter reversão, e que talvez nem Freud explique.

Essa conspiração tem sido uma grande fonte de heresias absurdas que está levando muitos incautos a um erro que pode não ter mais retorno, e o maior alvo disso são jovens cristãos (principalmente evangélicos) pouco instruídos da Palavra de Deus, fato este que representa um perigo, pois os jovens de hoje são os que "instruirão" os de amanhã.

Eu creio que o que instiga muitos cristãos a vislumbrarem esse futuro domínio global e a conspirarem sobre como isso se dará é a própria ciência que eles têm sobre o que a Bíblia nos alerta com relação aos "últimos dias". Mas, infelizmente, pelo menos 99% desses cristãos que vislumbram esse fim apocalítico pouco se baseiam de fato na Bíblia, para entender o que a Palavra de Deus realmente nos alerta.

Essa coisa de ver os Estados Unidos como o grande "império" mal do mundo é um grande perigo. Não que os EUA esteja imune de qualquer crítica, jamais. Mas isso demonstra o quão "longe" muitos cristãos evangélicos conspiracionistas passam do real entendimento da profecia destes últimos dias. Essas pessoas mal sabem distinguir o que é o real "espírito do anticristo" no mundo segundo o critério que a própria Bíblia mostra e tanto tenta nos alertar, o que dirá outras coisas proféticas descritas em maiores detalhes. Os conspiracionistas não visualizam e analisam fatos concretos, não se atentam ao que de fato a sociedade ocidental está passando e qual será seu destino.

Sem dúvidas estamos vivendo tempos difíceis, onde existe uma grande mobilização política e intelectual (elite) que tenta à todo custo ridicularizar a Bíblia e desconstruir os valores cristãos.

Embora hoje exista pessoas influentes em vários setores da sociedade que se opõem e as vezes até perseguem tudo ligado que está ao cristianismo, e apesar da Bíblia nos alertar sobre esses tempos difíceis de pouca fé na terra e de toda sorte de blasfêmia que presenciamos hoje, o que a mesma Bíblia define de forma mais específica em quê realmente consiste e de onde vem o grande (digamos assim) espírito anticristo no mundo não se cumpre exatamente nesse movimento anti- valores cristão que vemos na sociedade moderna, mesmo que tudo isso que presenciamos hoje tenha sido fomentado por uma elite (não necessariamente secreta, mas certamente comunista, de esquerda).

Meus caros, o grande espírito anticristo que a Bíblia profetiza e que tem, sim, anseio de dominar o mundo (e muitos aqui não têm a noção disso e subestima essa possibilidade) é o Islã, é o mundo muçulmano, o mesmo que considera EUA o grande satanás e Israel o pequeno satanás (Israel tb é alvo dessas conspirações, os conspiracionistas usam a estrela de Davi como simbolismo oculto, e o inimido adora). O própio EUA tem como presidente um liberal anticristão que todo mundo sabe que é e teve formação muçulmana, é considerado por muitos o presidente mais antiamericano da história da mais poderosa nação do mundo. A Europa vem sofrendo com baixos índices de natalidade de sua população nativa por conta do secularismo, isso enquanto sofre forte imigração de povos africanos e do oriente médio, ambos de maioria absoluta muçulmana. Na Europa, quando uma Igreja não vira um museu ou uma biblioteca, ela vira uma Mesquita (templo muçulmano), e as estatísticas indicam que daqui há alumas décadas alguns países europeus correm sérios riscos de se tornarem muçulmanos justamente em decorrência dessa baixíssima natalidade nativa europeia em contrapartida à alta imigração e altíssima procriação das famílias muçulmanas.

Muitos não dão "ouvidos" o que a Bíblia realmente diz, ignoram o fato de que ela tem como foco Israel e nações circunvizinhas.

Por enquanto é só. Espero que a moderação aprove meu comentário.