quarta-feira, 25 de maio de 2011

Veja por que o pretenso kit anti-homofobia do MEC é totalmente impróprio e inoportuno

8 comentários:

Newton Carpintero, pr. e servo disse...

Prezamado e nosso pr. ciro Zibordi,

A paz de Cristo, o nosso Senhor!

E permita sugerir: Um verdadeiro nojo!

Se eu morasse no Brasil, certamente já estaria preso. Não duvido, pois, estaria já denunciando com veemência este indesejável instrumento de afronta a Família conforme o Criador.

Sentiria vergonha de minhas filhas e de minhas netas, por calar-me, e permitir que irresponsáveis como este secretário do governo, brinque com os verdadeiros ensinos que devem prover as escolas e não a evidência à submissão gay que está ocorrendo neste famigerado governo, que tenta sufocar os alicerces de uma sociedade basada nos princípios da moral.

Siguamos em frente realizando com as nossa forças, o que de melhor podemos aplicar ao nosso caminhar para evitar, mesmo com a perseguição e a morte, o que convém aos endemoniados que procedem desta forma destrutiva.

É melhor morre por Jesus Cristo, do que viver sem Ele!

O Senhor seja contigo, amad atalaia!

O menor de todos os menores.

JCavalheiro disse...

Prezado Pastor! Muito pertinente o alerta.
Cruzar os braços e deixar as coisas acontecerem é muito confortável. Deixar acontecer porque não nos dizem respeito é viver em paz com o mundo e as coisas dele. Afinal isso não me diz respeito pois não tenho e nunca tive problema com os gays! Poderiam dizer alguns. Assim também se comportaram os povos da primeira metade do século XX, enquanto as raízes do nazismo se estendiam e minavam toda a juventude e sociedade em geral daquela época. Nas escolas era ensinada a doutrina nazista e as pessoas não se preocupavam, pois isso só dizia respeito aos judeus e velhos. Quando se deram por conta quase uma geração inteira estava perdida e por pouco a calamidade não se estendeu por toda a humanidade e implantada como regra. Só sendo contida a custo de muitas vidas,

Calar num momento destes é abrir a guarda para a legalização de toda a sorte de imoralidade e perversidade entre as quais a pedofilia. Afinal já não existem países onde é tolerado este tipo de comportamento? Veja-se culturas onde são feitos casamentos de meninas com oito ou dez anos! Afinal, alguém diria: Isto é uma exceção? Pois toda a exceção tolerada, vira moda e torna-se regra.
Causa-me espanto alguns líderes religiosos que abertamente vem fazendo declarações em favor da legalização de tais comportamentos de exceçao!

Talvez esteja na hora da colheita e, nesta hora veremos quem é joio e quem é trigo.

Oremos para que Deus nos dê visão espiritual, e como Igreja do Senhor sairmos da indolência e do comodismo e não deixarmos as coisas acontecerem.
Deus nos abençoe!

João Q. Cavalheiro
http://www.aramasi.blogspot.com/

Tamar disse...

O kit é apenas a demonstração de como o MEC é incompetente na questão da realidade das escolas no país.

Aqui em São Paulo nas escolas públicas já tem meninas se agarrando e se beijando no banheiro feminino.
Muita coisa nociva, como fumar, se faz em banheiro de escola desde que o mundo é mundo.
No Japão as crianças são espancadas por valentões no banheiro.
Nesse caso o que parece inofensivo pode virar bulling dos piores no caso dos banheiros masculinos frequentados por marmanjos de dezesseis anos bem alimentados pela farinha de soja da merenda.

COOP.J.PAULO disse...

graça e paz , reverendo
o que vem do homem ja nao me assuta
eu tinha orgulho de ser brasileiro agora acho que tenho vergonha principalmente de certos governantes ;quero ver quando Jesus voltar como e que esta gente vai se explicar

COOP.J.PAULO disse...

graça e paz reverendo
eu tinha um certo orgulho de ser brasileiro , mas o que vem do homem ja nao me assusta muito principalmente desses politicos
meia boca .
quero ver quando Jesus voltar como e que esses camaradas vao se explicar diante do Mestre
pastor estou postando varios alertas
para amigos e irmaos em Cristo

um grande abraço meu amado

silvania disse...

É este é só o inicio da batalha da igreja,pelo jeito vamos ter que orar muito ainda.Gostei muito de ter visto estas reportagens na record,e vejo a resposta de nossas orações,quando vejo nossa Presidenta não aprovar a divulgação deste conteúdo nas escolas.Estou preocupada,porque como eu estudo,jamais aceitaria assistir um vídeo como este.

ednass disse...

se eles tivessem o que fazer não passariam 3 meses discutindo, se beija ou não, socorro! isso é um absurdo, e ainda ri, naao se sabe se do assunto, ou da cara do povo brasileiro que paga seu gordo salario.

Elias Alves disse...

Prezado Pr. Ciro Zibordi
A paz do Senhor.
Encontrei um site de uma instituição Catolica que está com uma iniciativa interessante. Neste site é possivel assinar uma carta já redigida que é enviada aos senadores com o pedido de arquivamento da PL 122.
O movimento está com força e no momento que fiz este comentario, já havia quase 2 milhões de assinaturas. seria interessante divulgar isto em seu blog para que se espalhe ainda mais. o linck é:
http://www.ipco.org.br/home/assine-a-carta-de-protesto-ao-senado-federal-contra-a-lei-da-homofobia?origem=8