domingo, 31 de outubro de 2010

Qual é a relação entre o Dia da Reforma, o Dia das Bruxas e o Dia das Eleições?


Na manhã de 31 de outubro de 1517, véspera do Dia de Todos os Santos, Martinho Lutero — sacerdote romanista, professor de teologia e filho de um minerador bem-sucedido — começou a questionar de modo mais contundente a Igreja Católica e a atacar a autoridade do papa, ao afixar na porta da Catedral de Wittenberg (pronuncia-se vitemberk) um pergaminho que continha 95 declarações. Estas, conhecidas como teses, eram quase todas relacionadas com a venda de indulgências (pacotes caros pagos pelo perdão, inclusive das pessoas que já haviam partido para a eternidade).

Lutero foi excomungado por uma bula — decreto do papa que continha o seu selo oficial — no mês de junho de 1520. Mas, no dia 10 de dezembro daquele ano, com ousadia, ele queimou esse documento em reunião pública, à porta de Wittenberg, diante de uma assembleia de professores, estudantes e o povo. No ano seguinte, foi intimado a comparecer ante as autoridades romanistas, em Worms. E declarou: “Irei, ainda que me cerquem tantos demônios quantas são as telhas dos telhados”.

Em 17 de abril de 1521, Lutero apresentou-se à Dieta do Concílio Supremo, presidida pelo imperador Carlos V. Para escapar da morte, teria de se retratar. Mas ele não faria isso, a menos que fosse desaprovado pelas próprias Escrituras. E asseverou perante todos: “Aqui estou. Não posso fazer outra coisa. Que Deus me ajude. Amém”.

Considerado herege, ao regressar à sua cidade Lutero foi cercado e levado por soldados ao castelo de Wartzburg, na Turíngia, onde ficaria “guardado”. Ali, ele traduziu o Novo Testamento para o alemão, obra que, por si só, o teria imortalizado. Ao regressar a Wittenberg, reassumiu a direção do movimento a favor da Igreja Reformada, e a partir daí os princípios da Reforma Protestante se espalharam por toda a Europa, com ajuda de homens de valor, como Ulrico Zuínglio, João Calvino, Jacques Lefevre, João Tyndale, Tomás Cranmer, João Knox, etc.


Assim como muitos teólogos estão fazendo hoje, os católicos romanos haviam substituído a autoridade da Bíblia pela autoridade da igreja. Eles ensinavam que a igreja era infalível e que a autoridade da Bíblia procedia da tradição. Os reformadores afirmavam que as Escrituras eram a sua regra de fé, de prática e de viver, e que não se devia aceitar nenhuma doutrina que não fosse ensinada por elas. A Reforma devolveu ao povo a Bíblia que se havia perdido, passando a considerá-la a fonte primária de autoridade.

31 de outubro também é o Dia das Bruxas, o Samhain ou Halloween (Ano Novo céltico). Isso tem alguma conexão com a Reforma? Não. Mas tem com o Dia de Todos os Santos da Igreja Católica Romana, o qual era originalmente celebrado em maio, e não no primeiro dia de novembro. No ano 608, o imperador romano Focas apaziguou o populacho dos territórios pagãos recentemente conquistados, permitindo-lhe combinar o antigo ritual de Samhain com o Dia de Todos os Santos. E, assim, o panteão de Roma, templo edificado para a adoração de uma multiplicidade de deuses, foi transformado em igreja.

Foram os imigrantes europeus, especialmente os irlandeses, que introduziram o Halloween nos Estados Unidos. Hoje, o Dia das Bruxas é muito importante para os lojistas, inclusive no Brasil. Salém, em Massachusetts (Estados Unidos), é a sede da bruxaria norte-americana. Ali celebra-se, na época do Halloween, o Festival da Assombração, para expandir a temporada turística de verão. Tudo parece uma grande brincadeira, mas — conscientemente ou não — os participantes dessa festa estão se envolvendo com o ocultismo e o satanismo.

Mas, que conexão existe entre o Dia da Reforma, o Dia das Bruxas e o Dia das Eleições? De que modo eles se relacionam? Neste dia, existe um grande risco de os bruxos vencerem as eleições. Quem lê entenda. E, por isso, a oração de todos os santos que prezam a Reforma Prostestante é: “Senhor, não permita que os bruxos sejam eleitos”.

Ciro Sanches Zibordi

21 comentários:

Lidiane V. Bôas disse...

A Paz Pr.
Muito interessante a história de Martinho Lutero.
E o dia das Bruxas (em pensar que uma prática satânica como essa, ainda tem "crente" que inventa o tal de *ALELOIM* que absurdo!!!)
Gostei muito da relação entre os 3.


"Senhor, não permita que os bruxos sejam eleito" Amém!!!

Que Deus abençoe nosso País depois dessa eleição

Lidi :)

Anônimo disse...

Qual das opçoes é a melhor?.Seja qual for,o Brasil não está de parabéns que o SENHOR JESUS tenha mesericórdia de todos.A Paz do Senhor.
Uma Portuguesa

Lauri Franco Villas Bôas disse...

A paz pastor! Estou enviando as minhas saudações e ao mesmo tempo agradecer por ter referendado o meu nome como um dos pastores sérios do sudeste deste Brasil... Deus te abençoe abundantemente... A família Villas Bôas está sempre orando por ti... Abraços!!!

Carlos Chagas disse...

Ainda bem que Deus é maior e a Sua Reforma dura para sempre!!!

Clébio Lima de Freitas disse...

Caro pastor Ciro,

O que mais me deixa triste é saber que existem "cristãos" que não aceitam que se fale de política pra eles, pois é "coisa do Diabo" e acham que os bruxos tem de ser eleitos para que as profecias se cumpram... Vai entender... O Senhor é contigo, pr. Ciro!

Clébio Lima de Freitas
clebiolima.blogspot.com

Pedro Henrique disse...

A Paz do Senhor, Pr. Ciro!

Gostei muito do artigo, como também aprendi muito com ele.

Que Deus o abençoe em Cristo Jesus!

Abraços fraternos,

P.H.

carlos disse...

muito bom!!!

Ciro Sanches Zibordi disse...

Querida amiga Lidi,

A paz do Senhor!

O pior é que existem mesmo versões "evangélicas" do Halloween, que chamam de "Aleloim" (como você disse" e também "Elohin". Veja se pode!

Que Deus abençoe o nosso país e o guarde!

Um abraço.

CSZ :)

Ciro Sanches Zibordi disse...

Querido pastor e amigo Lauri Villas Bôas,

A paz do Senhor!

Agradeço-lhe pelo comentário! De fato, o irmão é um referencial para o Rio de Janeiro e para o Brasil, como pregador e ensinador da Palavra de Deus.

Desejando revê-lo em breve,

CSZ

vagner disse...

Gostei dos trocadilhos no final da matéria.
Quantas similaridades daqueles tempos, antes da reforma, com os dias atuais
Quantos homens morreram ou quase, para que a bíblia pudesse ser mais importante
que as tradições e experiências humanas.
Hoje já não se mata literalmente, fisicamente, porém, mata-se de outras maneiras

Blog do Jeancarlo disse...

Caro amigo e pastor Ciro,
A Paz do Senhor!

É com muita tristeza que recebi a notícia que o pastor não é mais colunista da CPAD NEWS.

Sinceramente é difícil de acreditar. Mas Deus é contigo varão valoroso continua escrevendo, pregando e defendendo o Evangelho de Cristo Jesus.

Um forte abraço do seu amigo
Jeancarlo Figueiredo

Ciro Sanches Zibordi disse...

Querido amigo e pastor Jeancarlo,

A paz do Senhor!

Agradeço-lhe pelas sinceras palavras, mas não há motivo algum para tristeza, pois a nossa vida está nas mãos do Senhor e, sendo assim, nada acontece por coincidência ou por acaso.

Além disso, meu amigo, ali era mais um espaço em que eu reproduzia o que já está publicado aqui. Se os meus textos não são bem-vindos ali, só tenho a agradecer à direção daquele portal por, pelo menos, ter me "suportado" por algum tempo...

Transmita a minha saudação à família, ao pastor e amigo Eli Felete e a todos os queridos irmãos da AD Rocha Eterna em Lisboa, Portugal.

Em Cristo,

CSZ

Gesiel Moraes disse...

A paz do Senhor a todos que leem este pequeno comentário,
O romanismo do tempo de lutero, os lixos dos Estados Unidos, a hipocrisia e a luta por superioridade da politica, tem invadido as igrejas e a mente de muitos que dizem ser representantes do evangelho na terra.
Porém certa feita Deus deu uma pequena e eficaz resposta ao profeta Elias que vale muito nos dias de hoje
"EU fiz ficar em Israel sete mil que não se dobraram a Baal.
Deus conserve a todos na sua paz.

Xavier Campos Joaquim disse...

Acredito que o que o
povo brasileiro precisa orar muito
nesse dia senao será um caos
esse País.

Graça e paz pr. Ciro.

Honório Guedes disse...

A Paz do Senhor do Pr. Ciro, parabéns pelo texto muito bem articulado, por nos lembrar de Lutero, o catolicismo romano e suas relações com os ritos pagãos, e se depender de meu voto e de minha família a bruxaria não sobe a rampa do palácio da alvorada. Que Deus tenha misericórdia de nossa nação!

Fraternalmente em Cristo,

Leir Villas Bôas disse...

A paz pastor Ciro.
Quero agradecer pelo carinho com a minha família. Admiro o seu trabalho e tenho orado pelo senhor e sua família, homens que falam a verdade devem estar cobertos de oração. O seu trabalho é muito importante para nós e muito esclaredor. Que o Senhor Jesus continue te dando muita sabedoria e direção em tudo o que o amado irmão escreve. Um abraço.

Leir.

Leir Villas Bôas disse...

É um absurdo que, no meio do povo evangélico encontramos crentes que compactuam com essas coisas através de festinhas e até se fantasiam à caráter. Estes tais precisam de uma verdadeira reforma protestante, pois os tais não estarão aptos para estarem juntos dos eleitos de Deus.
Um abraço pastor.

Leir.

Imagem Livre disse...

Amado Pastor Ciro,
A Paz do Senhor!
Tenho acompanhado os seus artigos desde os mais antigos através de publicações da CPAD, até os mais recentes de hoje na era virtual. Admiro muito a sua obra e a sua forma de ministrar a Palavra de Deus. O seu discernimento aliado ao seu dom de escrever são virtudes concedidas através do Esírito Santo de Deus que fala verdadeiramente aos corações dos homens. Meus parabéns! Me sinto honrado e feliz de ter conhecido o seu valiosíssimo trabalho evangelístico... (fiquei emocionado) e mais ainda: cristocêntrico!!!
Com relação ao post, ele me leva a refletir que, é lamentável que a maior parte da população está cometendo os mesmos erros de séculos atrás.
Ainda não aprenderam a ouvir e muito menos a enxergar, pois há muitos ainda em que os seus "véus" não se rasgaram.
Alguns me perguntam sobre minha posição na urna, parafraseando digo que escolhi dois números que são maiores que os primeiros. Respeito a posição e a opinião de cada cidadão mas confesso que vejo esta transição com muita delicadeza e preocupação, Mas Deus com certeza na sua soberania e onisciência está no controle desta e de qualquer outra situação.

Muitas bênçãos ainda o Senhor tem para ti. E que o fruto do seu trabalho seja testemunho fiel e verdadeiro dos verdadeiros homens de fé na obra do Senhor Jesus.

Que Deus continue te iluminando imensamente os seus caminhos.

José Luiz,

Oziel Castanho disse...

Caro Pastor Ciro,
É verdade que Lutero era antissemita? Já li que ele seria um dos que culpavam os judeus pela crucificação de Cristo, e achavam que eles deveriam pagar por isso.
Seria isso verdade (o que não elimina a fundamental contribuíção em prol da Reforma Protestante, e suas demais virtudes), ou se trata de informação inverídica ou maldosa?
Em outras publicações que só tecem comantários virtuosos sobre o reformador não há uma linha sobre essas acusações (nem confirmando, nem desmentindo).
A Paz do Senhor.

CANTOR MOISÉS VIEIRA disse...

Pastor Ciro! Que maravilha, tenho um seminário pra apresentar na faculdade exatamente sobre Martinnho Lutero e sua postagem só vai enriquecer a apresentacao do meu trabalho. Obrigado. Que o
Senhoor Jesus continue a iluminá-lo a cada dia. Além de seu "seguidor"no blog sou seu fã viu, continue assim ousado, transparente, fiel e digno. O Senjhor é contigo . Abraços!

Fábio disse...

Boa lembrança, mas se não me engano as 95 teses não foram em princípio uma tentativa de levante contra o Papa, e sim uma resposta aos vendedores de indulgências e especialmente Tetzel.

Talvez Lutero tenha subestimado a influência de Tetzel, ou quem sabe sua fé na igreja romana não o tenha deixado enxergar o óbvio, o fato é que Leão X ficou ao lado de "Simão, o Mago" e creio que foi nesse momento que a "ficha caiu".

Um abraço em Cristo