sábado, 4 de setembro de 2010

Comprovado: o homem foi à Lua

Estamos em 2010 e, por incrível que pareça, ainda há pessoas com dúvidas a respeito da visita do homem à Lua. Isso porque muitos formadores de opinião se contrapõem à histórica viagem espacial de 1969, realizada pelos astronautas da Apolo 11: Neil Armstrong, Edwin Aldrin e Michael Collins. Mas é importante observar que os principais interessados no assunto, os russos, nunca contestaram o feito norte-americano.

Uma das argumentações mais usadas pelos conspiracionistas, como o escritor Bill Kaysing, o qual trabalhou em uma empresa que prestou serviços à NASA por ocasião do Projeto Apollo, é a respeito da bandeira fincada na Lua. Como ela poderia estar esticada ou tremulando se ali não havia condições atmosféricas para isso ocorrer?

Tive o privilégio de visitar, há alguns dias — juntamente com o querido pastor José Lopes, da Assembleia de Deus em Newark, NJ, Estados Unidos, sua amada esposa, irmã Nerlei, e o maestro Nilton Didini Coelho —, o Museu da Aeronáutica e do Espaço, em Washington, D.C. Quem visita esse museu se convence, de uma vez por todas, de que o homem foi mesmo à Lua, pois ali estão as provas incontestáveis do feito, as quais eu pude ver e fotografar.

Como se vê na foto acima, os astronautas norte-americanos, sabendo das condições da Lua, usaram uma bandeira com duas hastes: uma vertical e outra horizontal. Não faria sentido fincar no solo lunar uma bandeira com uma única haste vertical, posto que ela precisaria estar esticada, visível. O emprego da haste horizontal faz-nos ter a impressão de que a bandeira estava tremulando ao vento.

Portanto, acredite: o homem foi à Lua.

Ciro Sanches Zibordi

27 comentários:

Anônimo disse...

PR. Ciro á paz do senhor Jesus!, terminei de ler o seu livro "Auto-ajuda ou ajuda do alto?", e nele o senhor diz que é uma incoerência convidar as pessoas a "Aceitarem a Jesus", gostaria de saber o porquê desse seu posicionamento, e qual é a maneira correta de fazermos o convite ao pecador.

Abraços no amor de Cristo - PB.João Eduardo - AD. Min. Belém - SP.

Anônimo disse...

se vc me dissesse que eles tivesem ido a lua hoje , até acreditaria mas em 69 que nem aviao funcionava direito???!!! fora os outros detalhes tecnologicos que as pessoas ainda "apanham" hoje em dia pra fazer funcionar direito!!!

Wesner disse...

Acreditar que o homem foi ao espaço é coerente e é verdadeiro.., mas acreditar que o homem pisou em solo lunar.....
impossível....haja vista que há um campo de radiação que envolve a terra e é Imposssível alguma forma humana transpassá-lo sem se ter danos mortíferos....
E a respeito do dízimo....hoje há algum pastor que é da tribo de Levi?E se houver algum ...deixo as palavras do apóstolo de Cristo(Por nome Paulo) que disse aos gálatas que "aquele que vive da lei se desliga da graça".
Forte abraço Ciro Sanches
Que o Altíssimo continua a nos abençoar em Cristo.

Ciro Sanches Zibordi disse...

Caro anônimo,

Em 1939, na Alemanha, 30 anos antes da viagem à Lua (!), ocorreu o primeiro voo à JATO.

Em 1947, nos EUA, houve o primeiro voo SUPERSÔNICO.

Em 1952, ocorreu o primeiro voo comercial à JATO, entre Londres e Joanesburgo.

E, em 1969 (ano da viagem à Lua), houve o primeiro voo do Concord, avião comercial SUPERSÔNICO!

Investique melhor antes de falar do que não conhece.

CSZ

Ciro Sanches Zibordi disse...

Wesner,

O dízimo não está em discussão aqui.

Quanto ao incontestável FATO de que o homem pisou na Lua, em 1969, acredite se quiser.

Um abraço.

CSZ

Ciro Sanches Zibordi disse...

Caro Pb. João Eduardo,

A paz do Senhor!

No livro, eu me referi ao episódio envolvendo Jesus e a mulher samaritana. A resposta dEle a ela foi: “Mulher, podes crer-me
que a hora vem, quando nem neste monte, nem em Jerusalém
adorareis o Pai. Vós adorais o que não conheceis; nós adoramos
o que conhecemos, porque a salvação vem dos judeus” (Jo 4.21,22). Isso mostra que, se o coração daquela mulher não tivesse sido mudado de antemão por Deus, jamais
ela teria concordado com o fato de que a salvação vem dos judeus, como lhe disse Jesus.

A iniciativa para salvação do pecador é sempre de Deus. É ele quem nos aceita, a despeito de ter se tornado comum nos apelos a pergunta: "Você deseja aceitar a Jesus como seu Salvador?" Dizemos com isso que, se a pessoa estiver convencida de que o Senhor é mesmo o Salvador, deve crer nEle para a vida eterna.

É usual dizer "Aceite a Jesus". Mas, à luz da Soteriologia Bíblica, é o Senhor quem nos aceita, conquanto sejamos miseráveis pecadores. Nós, na verdade, nos arrependemos e cremos no Evangelho, ao sermos convencidos pelo Espírito Santo (Jo 16.8-11).

Em resumo, o ser humano deve, mediante o livre-arbítrio, receber a salvação, ao ser convencido pelo Espírito. E, ao tomar essa decisão, ele demonstra isso atendendo ao convite. Eu, geralmente, digo: "Se você deseja receber a Jesus como Senhor e Salvador da sua vida, levante a sua mão".

Creio que é importante o irmão reler todo o capítulo do livro, se tiver tempo, a fim de entender melhor o que este autor quis dizer.

Um grande abraço!

CSZ

disse...

Então porque eles não voltaram mais a lua?? estranho né? Paz querido!

disse...

Se 1969 eles foram, Hoje com avanço da Tecnologia eles deveriam esta passeando a lua Pr Ciro. Paz!

Ciro Sanches Zibordi disse...

Querida irmã Rô,

De 1969 para cá, houve muitos avanços no âmbito das pesquisas aeroespaciais. Vários astronautas foram levados ao espaço. Houve experimentos com naves não tripuladas, etc. O alvo passou a ser Marte, de onde fotos tiradas por um robô foram enviadas à Terra.

É claro que não se encontrou vida fora da Terra. Mas todas as pesquisas aeroespaciais resultam em avanço tecnológico. Muito do que existe nos aviões modernos advém de tais pesquisas.

No jornal "Mensageiro da Paz" de agosto/2010 há uma matéria pela qual se responde a várias perguntas sobre a visita do homem à Lua. Uma delas está ligada à sua pergunta:

"(7) O homem não voltou à lua ainda por questões políticas. Depois que os Estados Unidos chegaram à lua, os soviéticos resolveram brincar de 'eu nem queria mesmo' e deram uma bela desacelerada em seu programa lunar, mantendo apenas as sondas Luna. A URSS preferiu gastar seu tempo e dinheiro com a estação espacial Mir, e nessa eles derrotaram os americanos, que jamais conseguiram colocar a sua Freedom em órbita e acabaram adaptando o projeto para virar a Estação Espacial Internacional. A Nasa, por sua vez, viveu uma crise financeira numa época em que o governo americano acreditava que o povo não se importava com o programa espacial. Mais tarde, preferiu concentrar seus esforços nos ônibus espaciais, com a esperança de tornar as missões mais rotineiras. Agora, no entanto, tudo parece que vai mudar. Com a aposentadoria dos ônibus espaciais no fim de 2010, os americanos estão investindo em novas naves: as Orion, que parecem muito mais com as Apollo do que com os gigantescos ônibus. A principal missão da nave é levar o homem de volta à lua".

Em Cristo,

CSZ

disse...

Que bom que o senhor me tirou esta dúvida Pr Ciro. Obrigada. Paz!

Rose disse...

Olá!
Que postagem bacana!
Deus o abençoe!
Seria um prazer te-lo como amigo no meu blog: http://rosebrytto.blogspot.com
Vivendo a fé!
Um abraço!

Georges disse...

Pr. Ciro, tópico interessante; eu sou daqueles que duvidam, ou pelo menos questionam, a ida à Lua. Ainda esta semana estava lendo, em minha coleção de Seleções do Readers Digest, numa edição de 1961, onde se colocava a tremenda dificuldade de se realizar essa façanha. Outra coisa que pesa contra é que não mais voltaram lá; também nenhum telescópio consegue ver nada que os americanos teriam deixado lá. Cadê os aparelhos, os "pés" dos módulos lunares que lá ficaram, que ninguém consegue ver daqui? Para não espichar muito o comentário,permita-me recomendar o filme "Capricórnio Um", se não me engano de 1980, com o Telly Savallas (o "Kojak"), que fala de uma maracutaia da NASA para enganar o povo sobre uma viagem a Marte que nunca aconteceu de fato. No filme é tudo de mentira. FIcção imitando a realidade? É pra se pensar... Apesar de tudo, vou procurar ler o jora que o sr. indicou. Um abração e obrigado pela oportunidade. Estou te seguindo no twitter.

Flávio Alves disse...

Caro pastor,

Creio que este assunto não é muito pertinente a proposta do seu blog. Adimiro muito sua pessoa e seu ministério. Apesar de discordar em poucos pontos, creio que seu ministério tem contribuído de forma singular e positiva para o Reino de Deus e para a Assembleia de Deus no Brasil.
Mas, acho que este post tão afirmativo é um pouco infeliz, pois existem provas convincentes de que tudo foi uma montagem.
http://www.afraudedoseculo.com.br/

Contudo, não sou descrente quanto ao que tecnologia humana pode alcançar em relação à Lua, ou até mesmo outro planeta.

Em matéria de Astronomia, prefiro ficar com reservas, pois sou um pastor e teólogo e não astrônomo.

Graça e paz pastor, sou seguidor do seu blog, e convido-o para visitar o meu singelo blog.

Forte abraço.

Pr. Flávio Alves

www.ministerioflavioalves.blogspot.com

Ciro Sanches Zibordi disse...

Caro pastor Flávio Alves,

Agradeço-lhe pelas palavras de incentivo e pelo convite, mas também discordo da sua discordância.

Primeiro: o assunto em pauta está em total harmonia com a proposta do Blog do Ciro e com o pensamento deste autor. Haja vista a série escatologia aterrorizante, na qual tenho tratado de várias teorias da conspiração, entre elas a ideia falaciosa e equivocada de que o homem não foi à Lua.

Segundo: o artigo é afirmativo e contundente porque tenho certeza ABSOLUTA de que que três astronautas, a bordo da Apollo 11, foram à Lua, em julho de 1969. Há provas cabais e inquestionáveis disso. E eu vi com os meus olhos e fotografei documentos, imagens, roupas usadas, modelo da bandeira, nave espacial, tipo de alimentação, etc. O Museu do Espaço, em Washington, é realmente muito rico em detalhes sobre o assunto.

Terceiro: os próprios russos (ou soviéticos, à época) não contestaram o feito dos Estados Unidos. Os astrônomos, em sua maioria, inclusive russos, confirmam tal visita.

Quarto: é um pouco infeliz de sua parte defender uma teoria conspiratória como essa, pois todas as contestações "convincentes" dos conspiracionistas já foram rebatidas, e com relativa facilidade. Veja a tese da bandeira tremulando ao vento: fragilíssima, posto que não considera a realidade dos fatos. Leia o "Mensageiro da Paz" de agosto. Ali há abalizadas opiniões de pessoas versadas em astronomia, as quais confirmam a visita do homem à Lua.

Quinto: em matéria de astronomia, prefiro ficar com a opinião dos peritos no assunto. E repito: a maioria deles abona a visita à Lua, inclusive os russos, que teriam muitos motivos (em razão da Guerra Fria) para contestar o grande feito estadunidense.

Em Cristo,

CSZ

Ciro Sanches Zibordi disse...

Caro Georges,

Acredite se quiser (risos). Mas creio que já respondi às suas indagações nos meus comentários acima. E não tenho nenhuma dúvida de que o homem foi mesmo à Lua, em 1969.

A paz do Senhor!

CSZ

NilmaBostonRio disse...

1) Pois eu sempre acreditei na ida do homem a lua ( mesmo apos ter conhecimento dessas constentacoes ).

2) Assunto como esses sao pertinentes sim com a proposta do seu Blog, pois diversifica os temas tratados - que este possa ser o primeiro de muitos que virao.

Eu sou da opiniao de que o cristao - neste mundo globalizado - deve procurar se informar de pelo menos o basico, de assuntos importantes como esses.

3) Muito interessante esse seu esclarecimento sobre a famosa frase usada em nossos cultos " quem quer aceitar a Jesus".

4) Que historia e essa, pastor Ciro, de ter vindo aqui nos States em visita a Washington D.C. e nao ter vindo aqui em Boston? Assim nao vale!( rsrsrs ).



by Nilma Boston Rio

Anônimo disse...

Não se encontrou vida no Sistema Solar, pastor! Mas ninguém provou ainda que não exista vida na Via Lactea ou outras galaxias.
No mais, parabéns pelo tópico e a lua para quem ainda não sabe, faz parte da nossa Terra. rs Gira em torno de nós.
Qto a Marte, ele trabalha em prol do nosso planeta funcionando como uma especie de para raios para que asteroides não se choquem com a Terra.
Só mesmo o Grande Deus para reger tudo isso!
Qdo lembro das grandes dimenções das estrelas que ficam milhões de anos do nosso minusculo Sistema Solar, MAIS EU ACREDITO NO GRANDE DEUS!
ALELUIA.
E em pensar que os Céus não são nada disso ainda, por ser um lugar não Físico, Eu fico mais maravlhado ainda Com esse grande Arquiteto que é o nosso Senhor Deus!
Aleluia!

Afrânio Barroso

Tiago Rosas disse...

Um obreiro sensato deve procurar conhecer de tudo um pouco, afim de não viver uma alienação nem científica nem teológica! Artigos como esse, deixam claro que o ilustre pr. Ciro está atendendo bem ao conselho paulino: manusear bem a palavra da verdade! Ora, esse bom manuseio das Escrituras não é compatípel com a alienação, e, portanto, pesquisar e discutir um pouco de ciência também é importante para a Apologética cristã! Aliás, é por nós sempre dizermos "pastor não tem que discutir ciência, astronomia, filosofia..." que estamos abrindo brechas para lobos devoradores entrarem em nossas igrejas e conduzirem inúmeros crentes à heresia! Portanto, queiro aqui deixar, na condição de um mestre-aprendiz, os meus muitos parabéns ao nobre pr. Ciro, que com dedicação, esmero e sabedoria tem defendido a sanidade do Evangelho contra a avalanche de heresias tão disseminadas pela Terrologia! Deus nos abençoe, e o homem foi à Lua sim! Pronto e acabousse! (risos)

Ciro Sanches Zibordi disse...

Querida irmã Nilma,

A paz do Senhor!

Peço-lhe perdão, mas dessa vez não foi possível estar em Boston. Estive em Newark, New York City, Philadelfia, Baltimore e Washington. Espero, em breve, ter o privilégio de visitar a sua cidade. Mas, no dia em que estive em Baltimore, estava acontecendo um jogo beiseball entre Baltimore e Boston Red Sox.

Um abraço.

CSZ

Cristo a única Esperança disse...

A Paz do Senhor Pastor!

Eu creio em tudo o que a bíblia diz;

Adimiro o Sr. defendendo a idéia de que o homem foi a Lua, e fico me perguntando quais os motivos desta crença que o Sr. está abraçando;

Ciro Sanches Zibordi disse...

Caro Josué Sousa,

Também fico admirado quando vejo pessoas esclarecidas como o irmão não crendo na viagem do homem à Lua! O que o leva a abraçar tal falácia? Será que, para ser cristão, é preciso ser conspiracionista e acreditar em todo o tipo de invencionice?!

CSZ

Anônimo disse...

Em sua capacidade de pensar e refletir, o ser humano sempre perguntou-se a respeito da possibilidade de haver vida inteligente em outros planetas. Essa curiosidade foi alimentada no decorrer da história, por possíveis aparecimentos de extra-terretres e OVNIS (Obejtos Voadores Não Identificados). Para nós, cristãos, o problema dos ET's está ligado à questões bem mais complexas. Pois, se os ET's forem reais, como fica a questão da Criação do Universo, na visão Bíblia? Ela não menciona a existência de vida fora da Terra. Acredito que se um dia comprovada a existência dos extra-terrestres, em nada a Bíblia perderá sua credibilidade, pois ela foi e sempre será a Revelação Divina para os homens e mulheres deste planeta e não de outros. Se os Et's existem, certamente foram criados por Deus e o Senhor pode ter se revelado aos mesmos de outro modo. Para nós aqui na Terra, Deus se revelou por meio da Santa História do povo hebreu, que culminou na Obra Redentora de Seu Filho. Para os extra-terrestres, Deus como criador deles (também), pode ter se revelado de outra maneira, uma vez que as criaturas são singulares em suas espécies, capacidades e necessidades. O fato da Bíblia não mencionar a presença de seres de outros planetas (se é que eles existem), é porque ela retrata a História de amor entre Deus e os habitantes inteligentes deste planeta e não de outros. A Bíblia foi escrita para nós, por isso, conta apenas nossa história. Se existir vidas inteligentes em outros lugares do Universo, Deus se revelou ou se revelará para eles de acordo com suas necessidades e capacidades de entendê-lo, amálo e aceitá-lo como Senhor e Criador de tudo. E se Jesus nasceu e morreu apenas em nosso planeta, é porque era aqui que se precisava chegar a Salvação. E se em outro lugar do Universo necessitar da Salvação Divina, como outrora nós necessitavamos, a Santíssima Trindade saberá agir para fazê-la acontecer aos que precisam. A Bíblia é a História de Deus e dos habitantes dessa Terra.

Newton Carpintero, pr. e servo disse...

Nosso prezamado pr. Ciro Zibordi,

A paz do Senhor!

Incrível a capacidade de alguns em teimar sobre a possibilidade do homem não ter pisado na Lua, mas o importante é que o irmão verificou pessoalmente nos EUA, muitos contrastes com o que se gesticula no meo dos homens.

Muito alegre me senti, com a sua visita aos EUA.

Creio que foi o primeiro passo de muitos outros, que se confirmará neste país, bem como. Dezenas de outros pelo mundo. Prepare-se! Ele o escolheu para ser parte desta grande responsabilidade no exército de muitos.

Encontrei na distância da Florida até o norte dos EUA, a impossibilidade de estar ao seu lado, como apenas um pequeno servo.

Siga em frente com coragem e a sensibilidade de um atalaia bem revestido do poder e da ajuda do alto.

Conviva sempre com a mensagem em Isaías: 52:7: Quão formosos são, sobre os montes, os pés do que anuncia as boas novas, que faz ouvir a paz, do que anuncia o bem, que faz ouvir a salvação, do que diz a Sião: O teu Deus reina!

O Senhor seja contigo, nobre amigo!

O menor de todos.

Johnatas Silva disse...

Paz,

Gostei do texto, mas confesso que ainda tenho minhas dúvidas acerca deste feito.

O senhor poderia postar algo mais a respeito disso?

Deus o abençoe, muito!

Expert disse...

A Paz do Senhor Pastor Ciro.

Desculpe a intromissão no seu blog (novamente ^^), mas gostaria de dar uma palavra pro caro anônimo que acredita em vida fora da terra.

1° A Bíblia não relata a criação de vida fora da terra (extra-terrestre), então o que se diz a respeito, enquanto não comprovado científicamente, é mera especulação. Detalhe: Até hoje não foi encontrada uma única célula viva fora de nosso planeta.
2° Acreditar em vida extra-terrestre nos leva a acreditar na "ciência". Bem, sabemos que "ciência" e Bíblia não se dão muito. Me responda agora: se existem mesmo os ets, então eles tbm tem corpo, alma e espírito. Se eles tem corpo, alma e espírito então eles, conseqüentemente, são conhecedores do bem e do mal (vide que o diabo tbm os tentaria para pegar, como fez com Adão). Se eles são conhecedores do bem e do mal, então eles podem pecar, se eles pecarem uma única vez, então eles não dignos de entrar no céu, por conseguinte, precisariam ser lavados com o sangue de Jesus. Então me responda, Jesus teria que nascer de novo, morrer de novo para perdoar os pecados deles? Mas não é a própria Bíblia que relata que Jesus jamais será vituperado novamente?

Viu com não há consenso entre a Bíblia e a "ciência". Acreditar nessas coisas nos levará a desacreditar na Bíblia, em Deus, em Jesus e no Espírito Santo.

Irmão abra os seus olhos!!

Angela disse...

Caramba! e eu que pensava que só minha bisavó não acreditava..rsrsrs, é sério! ela me chama de boba e tudo!rsrs

Gostei muito do seu blog, espero sua visita no meu www.firmesnapalavra.blogspot.com

Anônimo disse...

É, já que o homem não foi à lua, talvez foi um ET que deixou os espelhos que refletem lasers da terra lá ou até mesmo o espelho foi sozinho.