segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Erros que os animadores de auditório mirins devem evitar


Tem surgido, no meio evangélico, uma nova “onda”: a dos animadores de auditório mirins. Eles são espalhafatosos, alguns usam suspensório, berram ao microfone, mandam o povo dizer isso e aquilo, pegar na mão do irmão, abraçá-lo, beliscá-lo, etc. Uns chegam até a usar bordões do tipo: “Pentecostal que não faz barulho tem defeito de fabricação”. E outros dão aqueles “aleluias” prolongados, como se fossem pôr as entranhas pela boca.

Queridos pais e pastores que têm apoiado essa nova modalidade de pregação (pregação?) infantil, dirijo-me aos irmãos com muito respeito e zelo da parte de Deus. É muito bom que as crianças louvem ao Senhor Jesus e preguem a Palavra de Deus em nossos templos. Mas, por favor, deixem os infantes viver essa linda fase da vida!

Será que a vida (vida?) do astro Michael Jackson, que não teve infância, e sempre foi infeliz por causa disso, não lhes serviu de exemplo? A criança precisa brincar, aproveitar a infância, e não ser submetida a essa insana e agressiva adultização precoce, que já ocorre no mundo (atores, apresentadores e jogadores de futebol mirins, etc.), e agora surge com força entre nós!

Não estou contra os meninos pregadores. Por graça de Deus, comecei a pregar muito cedo e me alegro quando vejo crianças pregando a Palavra do Senhor. Mas alegro-me muito mais quando as vejo pregando naturalmente, com simplicidade, falando como criança, gesticulando como criança, reagindo como criança, sem esses trejeitos espalhafatosos dos pregadores malabaristas.

Deus criou todas as fases da vida, para que elas sejam vividas. O próprio apóstolo Paulo afirmou: “Quando eu era menino, falava como menino, sentia como menino, discorria como menino...” (1 Co 13.11). E a chamada para ser pregador é um ato soberano de Deus (1 Tm 2.7; Mc 3.13). Se Ele quiser fazer, desses pequeninos, pregadores do evangelho, o fará, mas no tempo certo. Não há necessidade de que sejam “fabricados” animadores de auditório mirins...

Bem, se essa “onda” continuar, eu, com a ajuda da minha filhinha de 5 anos, estamos pensando em escrever o livro Erros que os Pregadores Mirins Devem Evitar...

Ciro Sanches Zibordi

53 comentários:

Fabio disse...

Fabio ( Sorocaba, SP)

A paz do Senhor pr Ciro, como andam as coisas nessa cidade maravilhosa em que você mora?
Não me esqueci dos dias em que estive ai, foi muito bom, aliás, maravilhoso.
Ah, a Cristiane disse que falta conhecer o CRISTO REDENTOR e passear no BONDINHO.
Peço ao Criador para continuar te abençoando.
Fique com Deus, um abraço a irmã luciana e a pequena Julia. Caso precise escrever esse novo livro não esqueça de nos avisar. risos

Pr. Carlos Roberto disse...

Caro Pr. Ciro,
Graça e Paz!

Em que pese ter aumentado os eventos com crianças pregando, sua colocação é uma realidade, pois na verdade muitas dessas crianças findam apenas por imitaro nomes famosos, e portanto não mais vivem sua fase infantil, o que lhes fará falta futuramente.

Agora mesmo, a pedido, acabei de divulgar em meu blog um evento de uma das igrejas ligadas à nossa convenção, destinado a pregadores e csantors mirins.

Oremos e ensinemos a esse respeito.

Um grande abraço!
Pr. Carlos Roberto

Saulo Vale disse...

Querido Pr. Ciro,
É a pura verdade. Na maioria das vezes essas crianças se espelham em pregadores do reteté, se vestem como eles, falam como eles, gesticulam como eles...É uma pena vê-las não aproveitando esse tempo tão bom da vida. As crianças podem pregar, mas não podem perder a sua infância.
Paz do Senhor!

a verdade do evangelho disse...

Confesso que também tenho me preocupado ao ver estes pregadores mirins pregando (imitando seus heróis) em algumas igrejas.
Me preocupo porque sei que elas estão pregando porque acham bonito, ou se espelham em alguém e querem ser igual ao seu herói, mas não por convicção e senso de urgência em transmitir o oráculo de Deus.
Me preocupo porque logo chegará a fase do namoro, da conclusão dos estudos, e é aí que tais crianças irão perceber que não é bem assim como pensavam, só chegar no púlpíto e pregar.
Pois pregar não se resume a fazer um discurso no púlpito, mas é uma vida entregue nas mãos de Deus. É luta, perseguição, choro, renuncia, sacrificio, abnegação, jejum, oração, leitura (muita leitura)interpretação, exegese, suportar criticas e calunias, e originalidade.
Que os pastores que porventura tem em suas igrejas crianças e adolescentes que pregam, possam mostrá-las o outro lado do púlpito para as tais, pois se realmente foram chamados para tal ofício, hão de se submeter ao preparo.

Pb. Edinei, Th.B

Anônimo disse...

É bom que os líderes das igrejas parem de contratar esses pregadores mirins. Isso cheira a exploração de trabalho infantil. Se não houver mercado consumidor, não haverá produto em oferta.
Tamar Souza
São Paulo

Marcelo Mitrach disse...

A pastor Ciro, tenho na congregação aonde sou dirigente (pela graça de Deus) uma sala para as crianças na EBD, e na hora do culto, elas louvam com o conjunto e quando chega a hora da pregação elas se dirigem para esta sala e assistem ao culto infantil. Não precisamos fazer as crianças ouvirem pregações difíceis de se entender até mesmo por alguns adultos, temos que preservar nossas crianças.

Marcel Victor Sousa disse...

Perfeito, pr. Ciro!

Palavras sábias e que servem para a nossa reflexão.

Deus o abençoe.

Francisco A. Barbosa disse...

Paz,
Lancei um link em meu blog para este artigo, precisamos divulgar isso...

Hélio disse...

Caro Pastor Ciro,

Em 25/01/07 eu escrevi um texto sobre esse "fenômeno" no meu antigo blog (http://inadequado.blog.uol.com.br/arch2007-01-21_2007-01-27.html), do qual reproduzo uma parte abaixo:
----------

Triste mesmo é ver este fenômeno se repetindo na igreja, em que pais irresponsáveis animam seus filhos a serem pastores mirins, escondidos atrás da velha e boa desculpa "isso vem do Senhor". Triste é ver que não há ninguém na igreja ou próxima da família que alerte para os riscos (e abusos psicológicos) que a criança está sofrendo. Criança é criança, deve fazer as coisas de criança, e se esquece facilmente o que o próprio Paulo disse em 1ª Coríntios 13:11: "Quando eu era menino, falava como menino, pensava como menino e raciocinava como menino. Quando me tornei homem, deixei para trás as coisas de menino".



De fato, dos pequeninos é o reino dos céus, mas deixem que as crianças cheguem a ele pela sua simplicidade de coração, e não por vãs repetições do que os adultos dizem. Pelo menos, uma prática comum das igrejas é desmascarada. Como é natural que a criança repita tudo o que os adultos falam, as falas da pastora-mirim revelam os chavões usados na igreja, unção, inimigo, aleluia, ô glória, etc., o que mostra que muito pouca gente está realmente interessada em ler a Bíblia e pregar o que ela ensina. Bem diferente de Timóteo, que, segundo Paulo disse, desde criança conhecia as sagradas letras (2ª Timóteo 3:15). Peço a Deus que Ele poupe essa garota dos graves danos psicológicos que uma exploração desse tipo geralmente causa.
-----------
Graça e paz!

Anônimo disse...

Tudo o que o senhor falou sobre os males do nepentecostalismo e teologia da prosperidade, acontece nos Gideões Missionáriso da ultima Hora em Camboriu SC.
Amado pastor, venho fazer um convite ao senhor para na proxima sexta feira(6ª feira) ligar seu computador na internet apartir de 12:00 (meia noite, horário do Braisl) e entrar no site do GMUH e ligar na TV Gideões posi vai passara vigilai deles.

Garanto que o snehor nunca viu coisa igual. Vai pasmar assim como eu.
Eh uma vigílica onde vendem bençãos de 1.000,00 depois 500,00 depois 200, 100, 50,00 e até 1,00 reeal.
Começam pedindo dinehiro e prometem prosperidade! depois o pregadro oficial - sim esa vigilia tem pregador astro conhecido nacionalmente toda sexat feira, aí esse pregador começa de novo pedindo oferta em troca de prospridade.
Ai fica vendo visões e profetizando.
O trágico de tudo isso é que essa vigilia tá ficando famosa em Santa Catarina, e tem um publico estimado de quase 1.000 pessoas!! Pasme!!! Só não tem mais pq eles fecham a porta!
Aí a mesma eh retransmitida na rádio Gideões e pela intenet (rádiooe tV)
com records de acessos pelo público.

Pergunto: até onde vamos chegar?

Cicero Leandro Junior disse...

A paz do Senhor!

Este texto foi bem oportuno, Pr. Ciro. O que temos visto de crianças imitando certos "pastores assembleianos modernos" não é brincadeira. Já não basta esses lobos apóstatas subverterem os membros adultos da Igreja do Cordeiro, ainda querem subverter também as nossas crianças! Que Deus tenha misericórdia e que muitos líderes sejam como o irmão Marcelo Mitrach, que instituiu em sua igreja o culto infantil. Precisamos sim de crianças que amem o evangelho e saibam manejar a palavra da verdade, mas que sejam o que elas são de fato: crianças.

Que Deus o abençõe Pr.Ciro, e a toda suas família.

Em Cristo,
Cícero Leandro Júnior.
Assembléia de Deus em Teotônio Vilela/AL

Newton Carpintero, pr. disse...

Prezamado e Nosso pr. Ciro Zibordi,

A Paz do Senhor!

Incrível! Convidei a minha esposa, neste Sábado, para verificar ao meu lado a quantidade de vídeos com crianças "pregadoras".

permita-me utilizar este seu espaço para afirmar: Caso de Polícia!

É extremamente IRRESPONSÁVEL a exploração de crianças em todos os âmbitos, e muito mais, na pregação da Palavra de Deus, que não é nenhuma brincadeira ou passatempo - apesar de muitos adultos pensarem ser apenas passatempo.

Qual a experiência exata com Deus que estas crianças possuem. Nenhuma!

É pura exploração de pastores que não conhecem ao Senhor e somernte vivem uma vida religiosa e sem nenhuma perspectiva real com a Palavra de Deus.

Conhecem a história bíblica, mas não conhecem de verdade o Senhor. Pois, se conhecessem não o fariam e justificariam aos pais que o púlpito não é lugar de diversão - apesar que muitos pastores pensam que sim.

É revoltante esta atitude dos pais que estão colocando um nó no pescoço de seus filhos com uma responsabilidade, além da nossa considerada capacidade de entender.

Creio, amado pr. Ciro, chegou a hora deste novo livro.

Aproveito para transferir o que ouvi do nosso querido Danilo Miguel, e concordo firmemente:

"-chegou a hora do pr. Ciro Zibordi, escrever o livro com o título: Erros que os bloguistas não devem cometer."

Fica a sugestão que por mim é aprovada, pois, considero que alguns podem ultrapassar o necessário e correto na demonstração do que significa um blog aopologético.

O Senhor seja contigo meu amigo,

pr. Newton Carpintero
www.pastornewton.com
www.editoresapologeticos.com

PC@maral disse...

Pr Ciro, estava navegando e encotrei o link para este artigo em um blog que acompanho. Já estou seguindo seu blog também.

Sobre o assunto, realmente é algo preocupante. Há cerca de dois anos atrás minha esposa trouxe para casa, emprestado, um CD de um "menino pastor", aqui do Rio de Janeiro, de uma igreja do bairro de Madureira. Todo o modo de preleção e de apelo que o menino fazia refletia um outro lider religioso (permita-me não citar nomes). Ou seja, era uma cópia fiél, porém mirim. Uma criança pulando etapas da vida.

Que grande peso estão colocando os pais sobre os ombros destas crianças. Elas, certamente não sabem a imensa responsabilidade que é pastorear um rebanho comprado pelo sangue de Jesus, e o peso da cobrança de Deus sobre os exercem esse ministério e para os "outros" que assim se intitulam ou fazem uso para si próprios do ministério pastoral.

Também não sou contra o ministério mirim. Se existe o talento e chamado, quem somos nós para criticar. Mas a realidade tem mostrado que a grande maioria não tem nem chamado, nem preparo, só talento. São cópias de líderes que fazem mais shows do que pregam a palavra de salvação e arrependimento.

Gostaria de publicar em meu blog com os devidos créditos.

Obs: E, já pode ir preparando seu livro junto com sua filha.

Meu nome é Paulo Cesar Amaral

Meu blog http://blogdopcamaral.blogspot.com

Que Deus o Abençoe!

roberto & sheila disse...

paz do senhor meu querido irmão ciro,
é verdade hoje os pais estão querendo que os filhos sejam igual os seus idolos.
e ensinando errado o caminho do senhor.
quando devia ensinar a adorar só a Deus e aprender dele e emita-lo.
ser antes de um pregador famoso ser crente salvo.
e aprender do senhor antes de pregar viver o que prega.
e antes de aprender a prega, aprender a orar, jejuar e ler a bíblia

não se fala mais em culto doméstico, onde as crianças aprendem naturalmente em casa. mais o negocio não adorar a Deus e sim ser famoso e rico.

tenho 3 filhos o mais velho de 9 anos,uma menina de 6 anos e o mais novo de 4 anos
sempre fazemos culto domestico e eles aprendem muito,pela palavra e não imitando pregador {como o irmão falou animadores de auditório}mais com a palavra.
e sem fossa a barra que é mais importante
tenho um vidio no meu blog http://robertosheila.blogspot.com/ do meu mais novo cantando ele esta de cinto suspensorio por que ganho da tia dele, mais só deixei vestir quando o pregador deixou de usar.
e falei pra ele, que é feio copia os outros.

que podemos querer, que nossos filhos sejam ídolos só do nosso Deus e imita-lo no verdadeiro amor.

Deus nós der sabedoria. amém


apropósito aquela postagem que falei, já esta postada ATÈ QUE PONTO O ENTERECE PODE NÓS CEGAR E PRIVAR DA VERDADE gostaria muito de ter uma posição sua.
fica na paz

Pastor Geremias Couto disse...

Bem, como Paulo mencionou e o irmão citou em seu post, menino faz coisas de menino. Ponto final. Que ele (ou ela) pregue, se for o caso, como menino (ou menina)!

O pior são aquelas "fatiotas", às vezes maior do que o próprio corpo, que lhe obrigam vestir, como se fosse um adulto em miniatura.

Deixem as crianças ser crianças!

Jean Patrik disse...

Paz do Senhor pastor Ciro!

Eu também concordo, menino tem que ser menino, ou seja, brincar como menino, falar como menino, agir como menino e até pregar como menino.

Mas uma coisa que não podemos fazer, é não achar que, Deus também não possa usar essas crianças na palavra, é claro que isso seria exceções, como foi com Samuel e Jesus que por um curto espaço na bíblia foram usados por Deus, e depois com certeza foram viver normalmente, até chegar o tempo que Deus os iria usar, mas com responsabilidade e com entendimento.

Bom é, que esses meninos mostre uma certa vocação para isso, mas não podemos usa-los, dessa forma; com certeza nós que somos pais temos que ter essa mentalidade; que menino simplesmente é menino, e como pastor Geremias disse: e ponto final.

Um grande abraço pastor Ciro!

Jean Patrik disse...

Esqueci, se puder de uma olhada no meu Blog.

paz do Senhor.

JORGE MÉLO disse...

A BIBLIA é bem clara quando diz :Ensina a criança no caminho que deva andar..... Provérb. 22.6, para que ele venha a crescer na graça e no conhecimento de nosso SENHOR E SALVADOR JESUS CRISTO 2 Pedro 3. 18.
É para isto que estes pais devem atentar para seus filhos, e não de receberem vanglórias para si próprio atráves dos filhos.
DEUS continue abençoando o Pastor Ciro e família.
RECIFE - PE

Ciro Sanches Zibordi disse...

Irmão Jean Patrick,

No próprio texto eu deixei claro que Deus usa crianças. O irmão leu o texto por inteiro e com atenção? Creio que sim. O irmão pode estar se referindo a outras pessoas que têm a opinião errada de que Deus não usa crianças.

Eu tenho certeza de que Deus usa meninos, e há exemplos disso na Bíblia. Mas o Senhor não descaracteriza o infante. A minha ponderação é quanto à "fabricação" de animadorezinhos de plateia, cópias fiéis de seus mentores.

Em Cristo,

CSZ

Felipostagens disse...

Amém, uma vida que pula etapas é uma vida frustada, tudo deve surfir naturalmente em nós e não imposto.Ou o Espírito Santo opera em nós, o querer e o efetuar segundo a sua boa vontade ou seremos drasticamente frustados. Assim e da mesma maneira deve acontecer com estas crianças!!

adriano disse...

Adriano Lima

Ilustre Pastor,

É lamentável mesmo que as nossas crianças sejam impedidas de viverem a melhor fase da vida, fase essa que se não vivida da forma como tem que ser vivida poderá causar grandes consequencias. Tenho lido alguns livros e artigos de sua autoria e a minha sincera oração a Deus é para que Ele levante mais e mais homens com COMPROMISSO com a VERDADE e com coragem assim como o ilustre Pastor. Estou junto com o senhor em defesa do Evangelho de nosso Senhor Jesus Cristo.




um abraço , na Paz de Cristo Jesus.

Ciro Sanches Zibordi disse...

Caro pastor Carlos Roberto,

A paz do Senhor.

Reitero que nada tenho contra as crianças pregarem. Deus usa a quem Ele quiser usar. Entretanto, a minha crítica, nesse caso, é bastante específica. Alude, como já disse, à "fabricação" de miniaturas de pregadores malabaristas, que absorvem de seus incentivadores todos os seus trejeitos.

Em Cristo,

CSZ

Ciro Sanches Zibordi disse...

Grande amigo Fábio,

A paz do Senhor.

Assim que o irmão e sua família desejar nos visitar novamente, estamos de portas abertas. Quanto ao livro, é só uma brincadeira, pois os erros não são dos pregadores mirins, e sim dos animadores que auditório que os influenciam.

Um grande abraço a todos os amados irmãos da Assembleia de Deus em Sorocaba-SP e à sua família, especialmente.

CSZ

Jean Patrik disse...

Paz do Senhor pastor!

Concordo com que o irmão escreveu, e sei que foi ponderada as suas palavras acerca desse assunto; mas o que escrevi foi apenas uma observação, para que não haja exageros ou generalização em nossos comentários.

Falo isso não me referindo ao senhor.

Queremos ver com o irmão uma possibilidade de estar aqui em cariacica; Espírito Santo, em outubro do ano que vem no congresso da EBD, para ministrar três dias se possível.

Um grande abraço!

Cidinha disse...

Pastor Ciro ,sou professora da EBD ,para alunos de 9a 11 anos,pois bem oque vejo são crianças sem inetresse nenhum pela palavra de Deus,com muita luta e muita oração conseguimos levar o evangelho a essas crianças,mas qdo vejo essa exploração infantil me revolta muito ,como há anos lido com crianças sei que tudo que esses pregadores mirins fazem são imitações toscas onde não há proveito algum em pró do Reino de Deus,existiu um desses pregadores mirins em minha igreja ,e falo para ti na EBD era o que dava mais trabalho ,não tinha disciplina,não era obediente ,enfim nada de proveito,
Eu digo que tudo isso é responsabilidade dos pais que acham bonitinho esses imitadores sem conteúdo nenhum.
Igreja tem que investir mais nos professores dep. infantil da EBD ,dar melhores condições para podermos ensinar,crianças que participam dos "cultinhos" a idade não pode ultrapassar 9 anos pq ai já vira um fardo as "tias",dizer aos pais que a igreja não é a disney ,que é lugar de oração .
Desculpe-me pastor pelo desabafo,mas se não educarmos essas crianças vamos ter muitos "pregadores mirins" infelizmente.

Em Cristo

Glauceli disse...

Graça e paz querido pastor!
Dói na alma ver como anda a igreja de Cristo. Fico feliz por ainda haver homens compromissados com a VERDADE, mantenho as orações para que permaneçam assim.
Peço a Deus que continue abençoando o senhor e sua família.

Valter Miranda disse...

Olá prezado Pr. Ciro,

Por que tudo isso acontece?

A Igreja em nossos dias, se cansou da liturgia.

A liturgia atual desenvolvida nos cultos, para os liberais, está ultrapassada.

É preciso acompanhá-la com música para ver se os irmãos se emocionam de alguma forma.

Os liberais querem ter um momento de prazer, de contentamento e de descontração, assim sendo, não serão alertados pelo Espírito de Deus pelos seus pecados. Ou será que não somos mais pecadores e não precisamos ser aperfeiçoados até o dia de Cristo Jesus? Ef 1.6.

A pregação (quando há tempo) deve ser sempre gritada. O grito é sinônimo de espiritualidade. Com temas motivacionais, carregadas de marketing e até de auto-ajuda “diga para teu irmão ao teu lado.....”.

Ser Jovem fará a diferença: Dizer que somos jovens, que estamos em outra época, que hoje as coisas são diferentes(modernas) para invalidar ou menosprezar àqueles que trouxeram a AD até os dias de hoje, parece ser o motivo que levam muitos a querer uma mudança.

Roboão, filho de Salomão desprezou os anciãos para consultar os jovens. 1 Rs 12.8 Vejam o que aconteceu com este rei nos capítulos 12, 13 e 14.

Não me considero velho com 48 anos de idade, porém, devemos respeitar todos aqueles que estiveram ou estão na liderança da igreja.

Porém, a Bíblia afirma que quanto mais o tempo avançar, mais fria a igreja ficará. Mt 24.12. Quem lê/estuda a Bíblia ou freqüenta o culto de ensino ou a EBD sabe que não deve se conformar com este mundo Rm 12.2. Não conformar (não ter a forma do mundo). Cada dia que passa a formatação do mundo tem entrado na igreja. Que Deus tenha misericórdia de nós!

Na lição 12 da EBD – 2009 – 3 trimestre, nos ensinou que uma das características do crente que tem um testemunho interno é a obediência. O interessante notarmos é que os liberais tem uma predisposição para agir contrariamente. Notem isso!

O “evangelho” do entretenimento não transforma o homem para melhor. Se ele responde mal aos pais, continua. Se ele não se relaciona bem com algum irmão, continua. Se as 20:45 horas do domingo, ele inicia a desaceleração dentro do culto, guarda seu instrumento musical, mantém sua conversa paralela e troca alguns torpedos dentro da igreja, isso ele também continua.

Prezados irmãos, fiquemos firmes aguardando aquele precioso dia da volta de Jesus!

Ora vem Senhor Jesus.

Amém.

Felipe disse...

Graça e paz, pastor Ciro.
Muito bom post! O senhor reverendo fez bem em denunciar esses pecados que se praticam nas igrejas.
Puxa, como podem? Como podem os pais dessas crianças permitirem algo assim?
Criança precisa ser criança! Precisa brincar, se divertir, aprender!
Porque será que os ministros responsáveis pela Palavra, na Bíblia, são chamados de anciãos?
Ah, esses irmãos...vêem uma criança no púlpito e dizem "Oh glória, a criança esta sendo usada!" (é pura emoção mesmo...sem edificação, nem para a criança, nem para a congregação)
Que o Eterno tenha misericórdia de nós todos.
A paz!

Valdeci do Carmo disse...

Pr Ciro como leu faço pra criar um link sobre este artigo...já era hora de alguém escrever sobre isso.

Valdeci do Carmo

Alessandre Quintino disse...

A Paz Santa e agradável do Senhor e Salvador Jesus Cristo!
Meu amado, eu glorifico a Deus pela sua vida, pois Deus tem te usado grandemente na pregação da Sã Doutrina!
Amado, eu gostaria de obter repostas de e-mails enviados a mais de 8 meses e ainda não obtive respostas, pois preciso de conselhos.
você continua com os e-mails: ciro.zibordi@uol.com.br e ciro.sanches@uol.com.br? Se sim estou enviando novamente o e-meil.
Tenha uma ecelente semana e a Paz.

Alexsander Piau Alves disse...

A paz do SENHOR pastor CIRO! Magnífico texto, sem dúvidas infelizmente estamos presenciando está triste realidade a onde vemos crianças filhos de pais (pais?) inrresponsáveis que exploram essas pequenas e ingênuas crianças à servirem como meios lucrativos de ganhar DINHEIRO para si manipulando-as e intitulando-as de pregadores mirins sendo estas inocentes treinadas e usadas como marionetes a imitarem os pregadores-idolos da atualidade que não passam de espalhafatosos e malabaristas de púlpitos e charlatões desta nova e falsa geração de tal de apaixonados; este triste quadro parece com aqueles que obrigam as suas crianças a pedirem dinheiro aos motoristas nos semáfaros das grandes cidades do nosso País, não estou exagerando; é como o nosso amigo e querido pastor Newton Carpintero expressou ISTO É CASO de POLÍCIA!!! só DEUS para ter de Misericórdia!Um grande abraço pastor continue nesta marcha DEUS o abençoe! Ah se o senhor pastor vier aqui em SÃO PAULO ainda quem sabe no decorrer do final deste mês até o inicio do próximo e te sobrar um tempinho não se esqueça de dar um pulinho aqui no nosso templo sede no Belém pois o senhor sabe que poraqui estamos na 63.E.B.O. e será para mim uma grande honrra em conhece-lo pessoalmente. Alex A.D.Belém.

Antonio Jamerson disse...

Olá, meu nome é Antonio Jamerson, sou acadêmico de teologia, gostaria de saber se posso postar seus artigos em meu blog. Lembrando que sempre coloco coloco a fonte e o autor no final do artigo.

A paz do Senhor!

Daniel Pereira disse...

Pastor Ciro de uma olhada neste link http://pointrhema.blogspot.com/2009/09/gideoezinhos-missionarios-10-12-de.html

Anônimo disse...

A paz do Senhor, após ler alguns comentários cheguei à conclusão que:
a)Deus usa sim as crianças(principalmente porque os adultos não querem ser usados);
b)A maioria das crianças(quase todos)estão imitando pregadore famosos;
c)Normalmente essas crianças quando crescem se desviam ou esfriam espiritualmente;
d)Todo mundo sabe disso mas niguém tem coragem de falar para os pais ou a criança pregador;
Obrigado

Márcio Cruz disse...

A Paz do Senhor Pastor.

LEI Nº 8.069, DE 13 DE JULHO DE 1990.
Vide texto compilado
Dispõe sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente e dá outras providências.
O PRESIDENTE DA REPÚBLICA: Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

Título I
Das Disposições Preliminares

Art. 1º Esta Lei dispõe sobre a proteção integral à criança e ao adolescente.

Art. 2º Considera-se criança, para os efeitos desta Lei, a pessoa até doze anos de idade incompletos, e adolescente aquela entre doze e dezoito anos de idade.
Parágrafo único. Nos casos expressos em lei, aplica-se excepcionalmente este Estatuto às pessoas entre dezoito e vinte e um anos de idade.

Art. 3º A criança e o adolescente gozam de todos os direitos fundamentais inerentes à pessoa humana, sem prejuízo da proteção integral de que trata esta Lei, assegurando-se-lhes, por lei ou por outros meios, todas as oportunidades e facilidades, a fim de lhes facultar o desenvolvimento físico, mental, moral, espiritual e social, em condições de liberdade e de dignidade.

Art. 4º É dever da família, da comunidade, da sociedade em geral e do poder público assegurar, com absoluta prioridade, a efetivação dos direitos referentes à vida, à saúde, à alimentação, à educação, ao esporte, ao lazer, à profissionalização, à cultura, à dignidade, ao respeito, à liberdade e à convivência familiar e comunitária.

Parágrafo único. A garantia de prioridade compreende:
a) primazia de receber proteção e socorro em quaisquer circunstâncias;
b) precedência de atendimento nos serviços públicos ou de relevância pública;
c) preferência na formulação e na execução das políticas sociais públicas;
d) destinação privilegiada de recursos públicos nas áreas relacionadas com a proteção à infância e à juventude.

Art. 5º Nenhuma criança ou adolescente será objeto de qualquer forma de negligência, discriminação, exploração, violência, crueldade e opressão, punido na forma da lei qualquer atentado, por ação ou omissão, aos seus direitos fundamentais.

Art. 6º Na interpretação desta Lei levar-se-ão em conta os fins sociais a que ela se dirige, as exigências do bem comum, os direitos e deveres individuais e coletivos, e a condição peculiar da criança e do adolescente como pessoas em desenvolvimento.

Preciso dizer algo mais?

Na Paz de Cristo,

Márcio Cruz

Márcio Cruz disse...

A Paz do Senhor Pastor.

LEI Nº 8.069, DE 13 DE JULHO DE 1990.
Vide texto compilado
Dispõe sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente e dá outras providências.
O PRESIDENTE DA REPÚBLICA: Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

Título I
Das Disposições Preliminares

Art. 1º Esta Lei dispõe sobre a proteção integral à criança e ao adolescente.

Art. 2º Considera-se criança, para os efeitos desta Lei, a pessoa até doze anos de idade incompletos, e adolescente aquela entre doze e dezoito anos de idade.
Parágrafo único. Nos casos expressos em lei, aplica-se excepcionalmente este Estatuto às pessoas entre dezoito e vinte e um anos de idade.

Art. 3º A criança e o adolescente gozam de todos os direitos fundamentais inerentes à pessoa humana, sem prejuízo da proteção integral de que trata esta Lei, assegurando-se-lhes, por lei ou por outros meios, todas as oportunidades e facilidades, a fim de lhes facultar o desenvolvimento físico, mental, moral, espiritual e social, em condições de liberdade e de dignidade.

Art. 4º É dever da família, da comunidade, da sociedade em geral e do poder público assegurar, com absoluta prioridade, a efetivação dos direitos referentes à vida, à saúde, à alimentação, à educação, ao esporte, ao lazer, à profissionalização, à cultura, à dignidade, ao respeito, à liberdade e à convivência familiar e comunitária.

Parágrafo único. A garantia de prioridade compreende:
a) primazia de receber proteção e socorro em quaisquer circunstâncias;
b) precedência de atendimento nos serviços públicos ou de relevância pública;
c) preferência na formulação e na execução das políticas sociais públicas;
d) destinação privilegiada de recursos públicos nas áreas relacionadas com a proteção à infância e à juventude.

Art. 5º Nenhuma criança ou adolescente será objeto de qualquer forma de negligência, discriminação, exploração, violência, crueldade e opressão, punido na forma da lei qualquer atentado, por ação ou omissão, aos seus direitos fundamentais.

Art. 6º Na interpretação desta Lei levar-se-ão em conta os fins sociais a que ela se dirige, as exigências do bem comum, os direitos e deveres individuais e coletivos, e a condição peculiar da criança e do adolescente como pessoas em desenvolvimento.

Preciso dizer algo mais?

Na Paz de Cristo,

Márcio Cruz

thiagolima31 disse...

Pr. Ciro, gostaria de recomendar os videos do link seguinte: www.youtube.com.br/evangelismobiblico

podemos evitar muitos erros seguindo essas instruções biblicas...

gostaria que vc comentasse no seu blog esses videos... estou cansado do "evangelho moderdo"("venha pra Jesus... vc vai ser feliz...vai encontrar a verdadeira paz...basta fazer uma oraçãozinha...").Muitos nao falam sobre pecado, arrependimento, sacrificio de Cristo... aguardo seus comentarios!!!

Girleide disse...

Graça e Paz, Pr. Ciro!

Muito apropriado falar sobre isso. Já fazia muito tempo que eu me perguntava sobre esses pastores-mirins. Eu pensava que estava pecando achando errado essas crianças, que em vez de estarem aprendendo naturalmente na EBD, apareciam em programas de TV falando como se adultas fossem.

Quando uma criança-pastora aparece na TV em algum programa qualquer, ela é vista da mesma forma como um prodígio que soma números astronômicos como se tivesse uma calculadora mental, e outras bizarrices. Ninguém ali presta atenção no que a criancinha diz, a não ser como motivo de chacota. Nós, cristãos, em nossa ingenuidade, achamos aquilo lindo, afinal, "antes ali do que no crime, certo?"

Só fico pensando como vai ser essa criança quando for adolescente. Pastorear não é apenas pregar, é um luta diária, incansável e constante! E a adolescencia é muito difícil (estou saindo dela) e nessa época somos extremamente passivos de escorregões e tropeços, dúvidas e turbilhões de hormônios. É uma carga pesada para um adulto, que dirá uma criança de 8 anos!

Mas, acham isso maravilhoso, e ai de quem disser o contrário...

João Lemos dos Santos disse...

Pr. Ciro, concordo que Deus pode usar crianças, mas não para pregar na igreja. A pregação não é apenas uma repetição de chavões pentecostais ou o relatar de uma história bíblica. A pregação requer, no mínimo, a capacidade de fazer exegese de textos bíblicos, uma compreensão real (e não apenas o conhecimento das palavras corretas) das doutrinas da fé cristã, um sistema teológico minimamente coerente, intimidade profunda com o Espírito Santo, e experiência de vida que possibilite a aplicação da mensagem bíblica na vida de seus ouvintes. Que criança de dez, doze anos tem isso; ou o tem suficientemente para exercer uma das obras mais rigorosas do ministério? Uma criança pode memorizar as palavras corretas; mas não pode pregar realmente.

Marcelo disse...

Amado Pr Ciro,

Realmente os dias são maus. Como se não bastasse as crianças serem exploradas pelos pais (pais?) em semáforos, no campo, em trabalhos forçados, agora o são também pelos pais (pais?) evangélicos (evangélicos?).
Acredito, como o senhor bem citou, que Deus pode sim usar crianças, mas de modo esporádico, e não contínuo, pois o próprio Deus respeita a infantilidade, haja vista Jesus ter chamado a Si as criancinhas. Além do mais, que experiência de vida tem uma criança para pregar o evangelho de Cristo, que base de conhecimento ela tem, senão frases decoradas de DVD's e CD's de animadores de auditório. Falam somente chavões e frases pré-concebidas. E o pior é que os crentes e líderes cegos dizem amém a essa exploração infantil dentro da igreja. Onde vamos parar com crentes tão irresponsáveis e descentralizados da Vontade do Eterno Deus expressa nas páginas Sagradas. Deus tenha misericórida de nós!!!

Em Cristo,

Marcelo Lima
Coop. da AD em São José dos Campos

George disse...

saudações na Paz do Senhor

pastor ciro, DEUS te abençoe mais e mais, mas permita-me usar seu blog para discordar do pastor carpinteiro (um excelente nome pra pastor! hehehe)

"Qual a experiência exata com Deus que estas crianças possuem. Nenhuma!
"

concordo com o geral que todos os irmãos falaram, mas discordo somente dessa opinião. caro pastor, creio que o senhor é um homem de DEUS, mas ouso dizer para o senhor que não podemos usar a palavra "nenhuma" para falar de TODAS as crianças. a palavra "nenhuma" é abrangente até demais.

o que o senhor entende por "exata"? por favor, me tire (pastor carpinteiro) essa dúvida e posso até mudar de opinião quanto a esse ponto.

No mais, resta-me agradecer a DEUS por ter usado e levantado tantas pessoas apologistas do verdadeiro evangelho

A paz do SENHOR a todos

george harryson, 25, ceará

Luan disse...

ooii amados Irmãos
como vai?
Bom, minha opniao é:
Deus usa cada um de um jeito,Deus usa criança, Jovens, adultos e Idosos; Como esta escrito no texto (DEUS USA AS CRIANÇA).
Sim temos que nos preocupar com isso, mas quando a criança é escolhida por Deus, Deus pode agir sobrenaturalmente na vida dela.
Hoje ainda tenho 15 anos de idade e sei que tenho que aprender muita coisa com a vida, mas como diz a palavra de Deus ´NÃO PREOCUPEIS COM O DIA DE AMANHÃ`, O dia de amanha pertence só a Deus.
Namoro, Casamento, Familia condiçoes financeiras, sei que Deus pode prover, como diz em Lc 1:37 POIS PARA DEUS NADA É IMPOSSIVEL.
EU AINDA NÃO SOU MISSIONARIO OU PASTOR MAS SEI QUE UM DIA VOU SER, CREIO NAS PROMESSAS DE DEUS E CREIO QUE DEUS VAI CUMPRIR;
Como creio que Deus ira comprir na minha vida tenho certeza e absoluta certeza que Deus ira cumprir isso não apenas em minha vida como na vida de muitos Adolescentes ou jovens ou Crianças.
Jesus começou a pregar desde cedo, e missões ou seja Missionarios de qualquer idade é algo inexplicavel que vem do coração não é apenas algo de fora e que faz isso impussionado pelos Pais ou por diversão ou para imitar seus Idolos(NÃO) MAS sim, porque é Deus.
Jeremias era um moço Jovem e Deus disse para ele:
Jeremias Capitulo 1 Vers 5,
ANTES QUE EU TE FORMASSE NO VENTRE TE CONHECI, E ANTES QUW SAISSE DA MADRE, TE SANTIFIQUEI; ÁS NAÇÕES TE
DEI POR PROFETAS...
Bom em meu ponto de vista eu acho isso, peço Perdão a Deus se eu estiver errado e peço a Deus que me mostre o certo....
Mas acho que Deus pode usar uma pessoa de 1 até 1.00000 de anos,
não entedemos a vontade de Deus.
A Graça e Paz do Nosso Senhor Jesus Cristo Meus Amado Irmãos.

Ciro Sanches Zibordi disse...

Caro pregador Luan,

A paz do Senhor!

Gostei muito da sua resposta. O irmão expôs a sua opinião sem nenhum melindre, o que demonstra que entendeu a minha preocupação, penso. Mas não se apresse. Se o Senhor o chamou, e o irmão demonstra ter certeza disso, então espere tão somente nEle.

E que fique claro: não tenho nada contra os pregadores mirins. Considero isso uma bênção, aliás! Mas me preocupo com os animadores de auditório mirins, que estão começando errado, aprendendo errado, seguindo a exemplos errados.

FELIZ 2010!

CSZ

BLOG PONTO DE VISTA disse...

Boa colocação, sei que as crianças são a igreja de hoje e não do amanha como dizem por ai, mas dai colocar elas para pregar. quem prega sabe que o pregador paga um preço pelo que ele prega, ele é provado no prega. pergunta: Uma criança teria estrutura para assumir um posto deste? "Não se poe alguem que esta na hora de tomar leite para comer buchada"
grande abraço
APDS

Paulo disse...

meu irmão vc tem que ajudar essas crianças não critica-las,ore por elas pois através da vida delas muitas almas estão sendo salvas, então querido agradeça a Deus por suas famílias ensina-las a pregar a palavra de Deus.que Deus te abençoe e te dei sabediria.

Ciro Sanches Zibordi disse...

Paulo,

Quem disse que não estou ajudando essas crianças? Você não sabe ler? Ou não leu o texto? Ele visa a ajudar as crianças.

CSZ

simone ferreira disse...

pr eu sou mãe de um menino de 7 anos que preg a palavra , mas eu nunca o incentivei , nem o induzi , ele começou a pregar com 5 anos sem eu esperar e ele hj le a palavra e ministra muito bem , gostaria muito q o pr conhecesse ele é um menino normal brinca ,faz bagunça , mas ama as coisas de Deus , eu sou muito grata `a Deus por essa dádiva , é claro que existe alguns excessos , mas o meu filho é bem espontaneo e natural , nem todos são iguais , entendo sua preocupaçao e confesso que também me preocupei no inicio , hj estou mais tranquila , não posso impedir a obra de DEus na vida do meu filho , apaz do senhor !

Ciro Sanches Zibordi disse...

Irmã Simone,

Glória a Deus!

Teria prazer em conhecer o seu filho!

CSZ

simone ferreira disse...

http://www.youtube.com/watch?v=a--NyizTxBI pr esse é o endereço de um dos vídeos do meu filho somos do rio de janeiro , da ass de deus de bangu espero que goste dele eu o admiro muito , principalmente sua coragem , intrepidez e ousadia na pregaçao da palavra continue assim pr , poucos tem essas características, mas Deus sabe quem chama , pedradas são normais , é o preço por pregar a verdade.

Anônimo disse...

Pr Ciro mais uma vez de forma coerente o Sr comentou algo que é cada vaz mais comun, na minha cidade dois destes pregadores mirins já vieram, um na igreja que sirvo ma DEUS e outro em praça pública trazido por outra igreja para pregar em seu congresso e a "pregação" é sempre a mesma levanta a mão, profetize para o seu irmão e etc não há naturalidade e nem mensagem, são réplicas de alguem, mas não os estou criticando, porquê sei que DEUS pode e usa criançãs mas o problema é que estes estão "deixando" de ser criançãs, para ser aquilo que alguem acha que eles devem ser.Jeziel costa Anapu-pará

Anônimo disse...

Pr Ciro, uma dúvida: é verdadeira aquela teoria de que os seis dias da criação são uma ilustração de seis mil anos que o homem viveria na terra? e que o setimo dia representa o setimo milenio, com Cristo reinando aqui???

A Paz do Senhor!

Anônimo disse...

Pr Ciro, fiquei muito pensativo ao ler os textos de Moacir R. S. Junior, em que ele diz provar complicadas relações matemáticas na bíblia. já ouviu falar sobre o "arquivo7"? suas teorias? qual a sua opinião a respeito? Por favor, responda-me.
A paz do Senhor!

Tia Rosy ( joaninha) disse...

Olá meu pr não imagina como gostei desse artigo, sempre achei precosse ver ma criança pregando, ou seja, imitando uma adulto pregando.
Mas também existem os preletores infantis que acham que devem falar como as crianças, que falar errado como a maioria das crianças significa pregar para eles.
Sabe meu pr ministrar pra criança é privilegio de poucos, ao contrario do que a grande maioria pensa, não é facil falar para os pequeninos, tem que ter o chamado o dom... até porque uma criança pra crescer saudavel fisicamente ela precisa de uma boa alimentação, espiritualmente também. Enganam-se os que acham que criança come qualquer comida, eles precisam do melhor, da excelência, de ministros preparados e cheios da unção de Deus.

Eu quero esse livro ok

Paz meu pr!