domingo, 5 de julho de 2009

Bomba! Pastor assembleiano recebe “proposta indecente” de um cristão-do-brasil


Um cristão-do-brasil me escreveu: “Olá, Ciro. A paz de Deus! Sou da Congregação Cristã no Brasil e estou enviando pra você três estudos sobre o Dízimo, o Véu e o Ósculo Santo. Gostaria que você se filiasse ao nosso ministério, mas isso não é tão fácil quanto se pensa, pois você é pastor e gosta do rebanho onde está. Apenas reflita sobre os estudos; eles foram feitos por pessoas mais entendidas que muitos assembleianos e pastores mercenários”.

A despeito de eu respeitar as pessoas que fazem parte da Congregação Cristã no Brasil, não vejo com bons olhos certas doutrinas e estratégias adotadas por essa igreja, como a conhecida “pescaria em aquário”. Jesus chamou-nos para sermos pescadores de almas, à semelhança de seus primeiros discípulos (Mt 4.19), mas devemos pescar onde há muitos peixes, e não nas igrejas dos outros (Jo 4.35). O apóstolo Paulo disse, em Romanos 15.20: “E desta maneira me esforcei por anunciar o evangelho, não onde Cristo houvera sido nomeado, para não edificar sobre fundamento alheio”.

Creio que essa “pescaria em aquário” seja praticada pelos cristãos-do-brasil em razão de acreditarem que assembleianos como eu ainda não são salvos. É como se um crente pertencente a outra denominação fosse apenas um primo, estando a um passo da graça. Embora esses irmãos da Congregação Cristã no Brasil tenham os seus motivos para serem sectários quanto à salvação, gostaria de reiterar que tenho certeza absoluta da minha salvação e sei em quem tenho crido (Rm 8.16; 2 Tm 1.12).

Outrossim, ao me enviar estudos sobre o dízimo, o véu e o ósculo santo, o mencionado irmão — que também deve me considerar primo — demonstrou que está preso a religiosidade, legalismo e coisas afins. É claro que o dízimo é necessário para manutenção da obra de Deus, devendo ser entregue voluntariamente, além das ofertas alçadas. Quanto ao véu, por que a mulher precisa usá-lo se o cabelo lhe foi dado no lugar do véu (1 Co 11.15)? Já o ósculo está atrelado a uma antiga cultura oriental, o que pode ser substituído, hoje, sem prejuízo, por um aperto de mão, por exemplo. O cristianismo não é ritualista ou cerimonialista.

O irmão cristão-do-brasil disse, finalmente, que não é fácil me convencer a aceitar o convite de integrar à Congregação Cristã do Brasil — e não é mesmo. A igreja à qual estou filiado não é perfeita (até porque ela dividiu-se e subdividiu-se, desde 1911). Reconheço que há várias Assembleias (com os mais variados sistemas doutrinários, eclesiásticos e consuetudinários) que usam a denominação Assembleia de Deus. E, por causa isso, existem também muitos enganadores e mercenários pseudo-assembleianos em nosso meio. Mas a minha recusa à sua “proposta indecente” decorre, sobretudo, de minhas convicções e fidelidade à sã doutrina, pois o Deus da Assembleia está acima da Assembleia de Deus.

Respeitosamente,

Ciro Sanches Zibordi, assembleiano, mas sobretudo seguidor de Cristo e amante da Palavra de Deus

27 comentários:

Moisés Carneiro disse...

Depois dessa sua resposta creio que o cristão-do-brasil no mínimo deixará de pescar no aquário alheio, e com uma pitada de otimismo, creio também que é possível que o mesmo chegue ao ápice, que é a meditação e a correta da Bíblia, de modo a favorecer não a sua denominação, mas a Cristo e a sua Igreja Unversal (ops. não me refiro a igreja do bispo Macedo, mas todos os discípulos de Cristo, espalhados no mundo inteiro).

Mateus Nogueira da Silva disse...

Bom, não posso julgar toda a igreja (que tem sim diversos percalços doutrinários), pela atitude de apenas um de seus membros. Infelizmente, este tipo de atitude é comum em nossos dias. Pessoas tratando o evangelho como meio de arrecadar dinheiro como já relatava o Ap. Pedro (II Pe 2.3). É triste ver a igreja do Senhor sendo conduzida por empresários da fé... É o capitalismo gospel em ação!! Um dia desses apareceu um sujeito ligando para nossa igreja oferecendo pregações e conferencistas - "amados, temos pregador de prosperidade, testemunhos, pregador de fogo..." - nosso pastor prontamente deu a resposta bem sabia: "irmão, pode mandar qualquer um, mas, mande junto com o pregador uma oferta para nossa igreja que está em obra missionária em um povoado de Sergipe que nem aparece no mapa", ele não ligou mais...

Rinaldo Santana disse...

Graça e paz,
Pastor Ciro a Congregação do Brasil é o ministério? Uma vez que não tem ministros e eles mesmos se dizem ser uma seita?!

Em Cristo

José Rinaldo de Santana

Wallace disse...

Insisto, seria um prazer ver um artigo falando sobre os abusrdos das novas versões de tradução da Bíblia, NTLH, BLH, NVI, ARA, etc...

Remove passagens, modifica e deixa em cheque a expiação pelo sangue de Cristo, deidade de Cristo, etc etc etc...

Robson Silva de Sousa disse...

A Paz do Senhor, amado Pastor Assembleiano Ciro Zibordi.

Peço vênia para dirigir ao amigo “cristão-do-brasil” algumas palavras aqui nesse seu espaço.

Prezado CDB,

Louvo a Deus a cada dia pelo privilégio de ser um "cristão no Brasil". Não fosse assim certamente não seria um ASSEMBLEIANO, mas um provável ICARiano (sacou essa?), Luterano, Muçulmano... Kardecista, talvez...

Mas aprouve a Deus me fazer um BRASILEIRO – nato – da cidade de Duque de Caxias, RJ.

Sou filho dessa pátria amada chamada Brasil, que de “idolatrada” passou à condição de IDÓLATRA, nas mãos de uma igreja falida, corrompida e mergulhada numa multidão de pecados, crendices e dogmas anti-bíblicos; até de feitiçarias.

Mas o Eterno, por Sua infinita misericórdia, fez brotar – quase que das cinzas – uma centelha de fogo; uma chama viva; um tição tirado com tenaz do altar pentecostal, para incendiar essa nação, tornando-a o berço do pentecostalismo apostólico em pleno século XX.

Assim nasceu a Assembleia de Deus; igreja da qual tenho orgulho de ser membro – a despeito de suas imperfeições (como bem dissera nosso pastor Ciro) –, na qual somos aperfeiçoados e moldados à imagem de Cristo, para a Glória do Deus Pai.

Perdoe-me o prezado irmão “cristão-do-brasil” pela paráfrase, mas eu GOSTARIA MUITO QUE VOCÊ SE CONVERTESSE A CRISTO E PASSASSE A FAZER PARTE DA UNIVERSAL IGREJA, DA QUAL NÓS ASSEMBLEIANOS TAMBÉM SOMOS MEMBROS, E NÃO APENAS DE UM MINISTÉRIO. MAS ISSO NÃO É TÃO FÁCIL QUANTO SE PENSA, AFINAL DE CONTAS VOCÊ ESTÁ PRESO A UM LEGALISMO DO QUAL FOMOS LIBERTOS HÁ MUITO, PELO SACRIFÍCIO VICÁRIO.

Não que eu queira convencê-lo a abandonar a vossa "fé" (se é que crestes verdadeiramente que Cristo é Senhor, e que pela sua graça somos salvos, mediante o sacrifício vicário e não de bodes ou de cordeiros, como na antiga aliança, mas por um novo e vivo caminho, o qual Ele mesmo nos preparou, a saber: pelo seu próprio sangue.

Apenas reflita sobre essas palavras, afinal elas foram escritas por um assembleiano, que se não mais entendido que muitos de vocês, mas pelo menos crente na pessoa de Cristo, e não por um mercenário.

Para vossa meditação deixo Mt 9:36 – “E, vendo as multidões, teve grande compaixão delas, porque andavam cansadas e desgarradas, como ovelhas que não têm pastor.”

Se for este teu caso, saibas que as Assembleias de Deus possuem centenas de milhares de amorosos e dedicados pastores à espera de ovelhas famintas e sedentas; não precisa nos “roubar” o Ciro Zibordi.

Abraços,

Em Cristo, nosso Senhor,

Robson Silva
Prossigo para o Alvo... Fp 3:14

Apologeta E.F.O. disse...

Paz do Senhor Pastor Sanches! Sou eu Eduardo da Bahia que falei com o senhor pelo telefone há uns dois dias lembra? Bem quanto ao artigo postado tenho algumas considerações a fazer:

1º) É muita audácia desse falso profeta querer chamá-lo à sua seita para que fizesse parte dela. Ele acabou de quebrar um dos maiores mandamentos da sua seita que é só pregar o "evangelho" dentro de sua denominação e não nas ruas ou esquinas das praças como eles erroneamente interpretam Mateus 6:5 e 6. Infelizmente Jesus disse que eles "viriam até nós" (Mateus 7:15) (sic).

2º) Quanto à questão de ele ser irmão, isso é muito sério, pois além do fato da CCB não considerar nenhuma igreja como verdadeira além de si mesma, o que de certa forma é subjetivo, pois algum deles ao ler esse artigo diriam que estou aqui "puxando a sardinha para o meu lado", eles têm muitos outras doutrina que a tornam seita. Se não vejamos:

1º) Dizem que a propagação do evangelho só pode ser feita dentro dos templos e chama qualquer que violar tal mandamento de hipócrita distorcendo o sentido ao qual Jesus falou em Mateus 6:5 e 6 (que mencionei acima)

2º) Dizem que o ósculo santo é mandamento e quem não pratica comete pecado, tornando o supérfluo fundamental e o fundamental supérfluo.

3º) Não aceitam a ordenação de pastor, com isso desfazendo da organização bíblica da igreja tão comentada no livro de Atos e nas epístolas de Efésios e Coríntios.

4º) Cometem um erro legalista terrível ao dizer que o Deus Onipresente (Sl 139; Hb 4:13) só ouve orações se estivermos de joelhos, reduzindo a capacidade infinita de Deus
(Sl 147:5) de ouvir todas as orações que são feitas nos mais variados idiomas ao mesmo tempo no mundo e assim Deus fica ”preso” à obra humana pois só pode agir mediante o esforço humano e isso é condenado em e por toda a Bíblia, pois qualquer que seja o esforço humano, por trás dele existe o agir de Deus.

5º) São exclusivistas e consideram a salvação reduzida as suas denominações violando o mandamento-mor do Evangelho dizendo que a salvação está em Cristo e não na CCB (Congregação Cristã no Brasil), Testemunhas de Jeová, Adventistas do Sétimo Dia e os Mórmons, isso só para citar as maiores e mais notáveis seitas pseudo-cristãs.

Por isso considero baseado na Santa e Infalível Palavra de Deus a CCB uma seita herética e pseudo-cristã e muitos infelizmente tem caído no erro de considerá-los como irmãos. Tomemos cuidado, pois nem tudo que parece, é (Provérbios 14:15)

Evangelista Eduardo França (Pentecostal, Fundamentalista e Apologista-Polemista).

Ciro Sanches Zibordi disse...

Caro irmão Francisco Costa Oliveira, da Congregação Cristã no Brasil,

A paz do Senhor Jesus, o nosso Deus. Agradeço-lhe pelas suas palavras e pelo pedido de perdão em nome da sua igreja. Mas não concordo com o irmão quando afirma que a Santíssima Trindade é um dogma pagão.

Segundo a Palavra de Deus, a Trindade é uma doutrina inquestionável. Deus é triúno, formado por três Pessoas: o Pai, o Filho e o Espírito Santo (Jo 14.1,16,17; Mt 28.29; 2 Co 13.13; Rm 5.1-5, etc.).

Quem nega a Trindade, nega a Bíblia, a teologia (pois a Trindade é chave para o entendimento de várias doutrinas bíblicas), o Senhor Jesus, o Espírito Santo e o plano da salvação (Gl 4.4,5; Jo 17.4,5; 19.30; 16.8-11).

Em Cristo,

CSZ

Valney Ribeiro Jr. disse...

Já passei por situação parecida, isso é uma vergonha!

Edson Gravataí-Rs disse...

Paz Pr.Ciro e amados irmãos.
Ainda estou aprendendo a comentar se não estiver certo o Pr. me oriente para que eu possa postar também.
è triste quando muitas pessoas estão rumando para a morte para a perdição e alguns que professam conhecer a verdade nem sequer se importam,tem de ir á igrejas distitas "ganhar"suas almas rsrsrsrs
Também é de se esperar pois é o Espírito Santo que convence o homem do pecado da justiça e do juizo,sem ele não há como converter e em detrimento a esse só se convence,
Que Deus nos livres desses dogmas e falsos pescadores e que sejamos nós,pescadores e ganhadores de almas.
Paz do Senhor!

clayton disse...

A Paz do Senhor Pr. Ciro.Alguns livros de heresiologia apresentam a CCB como motivo para estudos, um exemplo de citação sobre esta denominação consta no livro de Raimundo de oliveira:
"Apesar dos seus equívocos doutrinários, não chega a ser considerada uma seita herética, ainda que grande número das doutrinas que esposa sejam verdadeiras heresias, uma vez que são mantidas em prejuízo da integridade do Evangelho. Só este aspecto dessa igreja justifica o seu estudo no contexto deste livro."(Raimundo de Oliveira, Seitas e Heresias,editora CPAD,pág.141).
Sou assembleiano, e sempre considerei os membros da CCB como irmãos em Cristo, porém ao visitar o blog do nobre Gideões da ccb(http://gideoes-ccb.blogspot.com/) encontrei princípios doutrinários bastante estranhos e anti-bíblicos , como exemplos:
"Nós cremos em um só Deus ..., criador de todas as coisas e em Jesus Cristo o Filho de Deus que entregou a sua vida para salvar a todos nós João 17; 3, em cuja dualidade há dois Seres distintos; Deus o Pai Espiritual a fonte da vida de onde Emanaram todos os Espíritos e Nosso Senhor Jesus Cristo Homem-material; (Ef, 4:6; João 17; 3). Dizer não à santíssima trindade da ICAR."
"Nós cremos que Jesus Cristo, o filho de Deus, é a palavra feita carne, (João 1; 1) havendo assumido uma natureza humana no ventre de Maria Virgem, possuindo Ele, Um dos Sete Espíritos de Deus (Apoc. 4; 5 Mat. 3; 16)”
" Assim sendo, Jesus homem não é Deus o Criador, Nele habitou um dos Sete Espírito de Deus Col. 1; 20, Rom. 5; 10 e 11 que veio para reconciliar o mundo e nos dar o ministério da reconciliação".A partir destas afirmações, retirados do blog do caro Gideões da ccb, podemos concluir que os membros da ccb não reconhecem o Espírito Santo como uma pessoa, e ainda por cima afirmam que Jesus em seu ministério terreno era apenas uma avatar do espírito de Deus, portanto não poderia ser considerado Deus.Caso a confissão doutrinária da CCB seja realmente baseada nestas afirmações, podemos concluir realmente que esta denominação é extremamente herética, pseudo-cristã, sem compromisso com as verdades biblícas.
Visto que falta material para pesquisa sobre esta denominação, fica a pergunta:A confissão de fé da CCB realmente se baseia nestas afirmações, ou são apenas delírios do caro Gideões da ccb? Por favor pr.Ciro, caso o sr. tenha conhecimento sobre esta causa, seria muito bom um esclarecimento, visto que se estas afirmações são verdadeiras, podemos colocar a cbb no mesmo patamar onde se encontram os mórmons e os testemunhas de Jeová.
Clayton Góis

clayton disse...

A paz do Senhor Pr. Ciro.
Pesquisei melhor e achei um site da CCB com seus pontos doutrinários(http://www.cristanobrasil.com/index.php?ccb=pontosdoutrina_e_fe).Na realidade são bem diferentes dos apresentados no blog Gideões da ccb.Portanto o caro Francisco Costa Oliveira que assina o blog Gideões da ccb não passa de um apóstata de sua própria fé.O sr.Francisco Costa Oliveira ainda tem a coragem de afirmar em seu blog que a Assembléia de Deus e a Congregação no Brasil no ínicio lutavam juntas contra a doutrina da trindade;
"Consecutivamente a Assembléia de Deus, um ano mais nova, a propagou pelo nordeste do país, em pouco tempo ambas estariam presentes em todo território nacional batalhando pela a Fé que uma vez foi dada aos santos.
Ambas com um único objetivo: combater as heresias da ICAR e sua doutrina pagã a "santíssima trindade" essa guerra não pode parar, a CCB e a AD precisam voltar ao primeiro amor, ambas focalizar no alvo número um da missão primitiva: combater a heresia da ICAR e seu credo pagão a trindade"(fonte:http://gideoes-ccb.blogspot.com/2009/06/os-cem-anos-da-ccb.html)
Esta afirmação é absurda, visto que as Assembléias de Deus e as CCB ,acreditam veemente na doutrina da Santíssima Trindade.Portanto os pontos de "fé" apresentados no blog Gideões da ccb(http://gideoes-ccb.blogspot.com/2009/07/o-cristianismo-verdadeiro.html) não são compartilhados pelos demais membros da CCB,cuja verdadeira confissão de fé pode ser encontrada no endereço (http://www.cristanobrasil.com/index.php?ccb=pontosdoutrina_e_fe ).
Clayton Góis

Daniel Pereira disse...

Irmão Ciro,

A paz do Senhor,

Há muito tempo acompanho seu blog, e vinha pensando no dia em que os teus belos textos tratariam da minha denominação: a Congregação Cristã.

Ocorre, amado Pastor Ciro, que muitos, infelizmente, tem dado mais valor aos ensino heréticos praticados por nossos ministros do que para a nossa doutrina, impressa, e distruibuida a todos os membros.

Doutrina essa que nos faz crentes como qualquer outro. Com doutrinas claras e objetiva sobre Bíblia, Cristo, Trindade, Salvação, Volta de Cristo, Demônios, Línguas, Fé, etc...

Infelizmente as pseudas revelações, que você tanto critica, também se faz presente em nosso meio,e pior, pois não há o hábito de se provar os profetas e suas profecias, como você mesmo reconhece que também acontece em outras igrejas, tidas como cristãs.

Fato é que o irmão em apreço, não considerou que os estudos oferecidos a você trata de assuntos secundário, de costumes, e que não nos separa do amor do Senhor.

Peço perdão, como fez o irmão Franciscon, pela afronta que você possa ter sentido.

Mas a Congregação vem sofrendo mudanças radicais nos últimos anos, e acredito quem em pouco tempo, estes erros que você citou serão corridos pela Bíblia Sagrada.


Quanto ao irmão Francisco, é lema dele combater a Trindade, inclusive em nosso meio.

Gostaria de pedir aos caros irmãos que prontamente teceram comentários sobre a Congregação, que buscassem na história a comunhão que teve Louis Franciscon e Gunnar Vigren em São Paulo nos distantes 1928...

E quanto aos nossos costumes, não são apenas nossos, a maioria das igrejas oriundas do movimento pentecostal italiano, seguem estes mesmos costumes, como pode ser conferido nos sites oficiais da Assembleia de Deus Italiana (ADI), na Igreja Cristã da América do Norte (CCNA), na Assembleia Cristã Argentina, entre outras que podem ser vistas em meu blog.

Por tanto irmãos, peço consideração,para tema em questão, e que o amor de Cristo possa preencher alguma ferida que veio a ser aberta.

Em Cristo, que nos salvou independente de nossa denominação.

Vosso irmão em Cristo,

Daniel Pereira disse...

Detalhe: a confissão de fé da CCB é esta:

1. Nós cremos na inteira Bíblia e aceitamo-la como infalível Palavra de Deus, inspirada pelo Espírito Santo. A Palavra de Deus é única e perfeita guia a nossa fé e conduta, e a Ela nada se pode acrescentar ou d'Ela diminuir. É, também, o poder de Deus para salvação de todo aquele que crê. (II Pedro, 121, II Tim., 3:16,17; Rom. 1:16).

2. Nós cremos que há um só Deus vivente e verdadeiro, eterno e de infinito poder, Criador de todas as coisas, em cuja unidade há três pessoas distintas: o Pai, o Filho e o Espírito Santo. (Ef. 4:6; Mat. 28:19; I João, 5:7).

3. Nós cremos que Jesus Cristo, o Filho de Deus, é a Palavra feita carne, havendo assumido uma natureza humana no ventre de Maria virgem, possuindo Ele, por conseguinte, duas naturezas, a divina e a humana; por issoé chamado verdadeiro Deus e verdadeiro homem e é o único Salvador, pois sofreu a morte pela culpa de todos os homens. (Luc. 1:27,35; João 1:14; I Pedro 3:18)

4. Nós cremos na existência pessoal do diabo e de seus anjos, maus espíritos que, junto a ele, serão punidos no fogo eterno. (Mat. 25:41)5. Nós cremos que a regeneração, ou o novo nascimento, só se recebe pela fé em Jesus Cristo, que pelos nossos pecados foi entregue e ressuscitou para nossa justificação. Os que estão em Cristo Jesus são novas criaturas. Jesus Cristo, para nós, foi feito por Deus sabedoria, justiça, santificação e redenção. (Rom. 3:24 e 25; I Cor., 1:30; II Cor., 5:17).

6. Nós cremos no batismo na água, com uma só imersão, em nome de Jesus Cristo (Atos, 2:38) e em Nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. (Mat., 28:18,19)

7. Nós cremos no batismo do Espíto Santo, com evidência de novas línguas, conforme o Espírito Santos concede que se fale. (Atos, 2:4; 10:45-47; 19:6).

8. Nós cremos na santa ceia. Jesus Cristo, na noite em que foi traído, tomando o pão e havendo dado graças, partiu-o e deu-o aos discípulos, dizendo "Isto é o meu corpo, que por vós é dado; fazei isto em memória de mim". Semelhantemente tomou o cálice, depois da ceia, dizendo: "Este cálice é o Novo Testamento no meu sangue, que é derramado por vós". (Luc. 22:19,20; I Cor., 11:24,25).

9. Nós cremos na necessidade de nos abster das coisas sacrificadas aos ídolos, do sangue, da carne sufocada e da fornicação, conforme mostrou o Espírito Santo na assembléia de Jerusalém. (Ato, 15:28,29; 16:4; 21:25).

10. Nós cremos que Jesus Cristo tomou sobre Si as nossas enfermidades. "Está alguém entre vós doente? Chame os presbíteros da Igreja, e orem sobre ele, ungindo-o com azeite em nome do Senhor. E a oração da fé salvará o doente, e o Senhor o levantará; e se houver cometido pecados, ser-lhe-ão perdoados." (Mat. 8:17; Tiago, 5:14,15).

11. Nós cremos que o mesmo senhor (antes do milênio) descerá do céu com alarido, com voz de arcanjo e com atrobeta de Deus; e os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro. Depois nós, os que ficarmos vivos, seremos arrebatados juntamente com eles nas nuvens, a encontrar o Senhor nos ares, e assim estaremos sempre com o Senhor. (I Tess., 4:16,17; Ap. 20:6).

12. Nós cremos que haverá a ressurreição corporal dos mortos, justos e injustos. Estes irão para o tormento eterno, mas os justos para a vida eterna. (Atos, 24:15; Mat., 25:46).

Como pode ser vista em meu blog:
http://examinetudo.blogspot.com/2008/05/pontos-de-doutrina-e-da-f-que-uma-vez.html


Os textos do Gideões CCB não são a expressão da maioria dos membros.

Anônimo disse...

Pr. Ciro pode crer que outras propostas indecentes como estas ainda virão, mas damos graças a DEUS que o sr. está firmado sobre a rocha chamada JESUS e que não se embaraça com nada nesta vida.
jorge mélo -recife - pe.

vinha_dir disse...

Caro irmão em Cristo, Ciro
Paz da parte de Deus nosso Pai e da de Cristo Jeuss, nosso Senhor.

Primeiramente, gostaria de cumprimentá-lo pela educação e respeito com os quais respondeu a esta "proposta" recebida por este irmão. Isso realmente diferencia uma pessoa que realmente vive em Cristo de outras que por muitas vezes, ao ouvir falar no nome Congregação Cristã no Brasil, já reagem com várias pedras em mãos.
Eu, como membro da COngregação desde a infância, devo concordar com o irmão que muitos que ali congregam praticam a chamada "pescaria em aquário", pois, infelizmente, são pessoas que não são capazes de pensar com sua própria mente, à luz da palavra de Deus, mas se deixam ser levados por "revelações", e teem a absurda convicção que a salvação se dá por meio da CCB. Só gostaria de enfatizar, reforçando o comentário do ir. Daniel, que este não é o pensamento de todos os membros (inclusive não é o meu, visto que sou leitora assídua do seu blog, que tem me edificado bastante, e me incentivado a mais e mais estudar a infalível palavra de Deus), e que, como tem acontecido com várias denominações, a nossa tem por muitas vezes, de distanciando do princípio que foi trazido pelo fundador da denominação, o ir. louis Francescon, que sempre pregou o amor e a boa convivência com os irmãos de outras denominações, e sempre ensinou que somos todos irmãos, salvos pelo mesmo sacrifício, que foi o de Jesus no calvário. Como o ir. Francescon não era eterno, quando ele se foi, começaram a surgir sub-doutrinas infundadas, mas que acabaram se disseminando.
Assim como muitas Assembleías de Deus, igrejas Batistas, Presbiterianas, teem se "desviado" do seu percurso primitivo, com novidades e até mundanismos, muitas vezes dando mais valor a revelações do que ao texto bíblico,isso não seria diferente na CCB. Mas, volto a afirmar,: isso não reflete o pensamento de TODOS os membros da congregação.

Enfim, mais uma vez o agradeço pelo respeito em sua resposta, pois esse sentimento é por várias vezes raro, quando se trata da CCB.
E, sinceramente, oro a Deus para que este irmão que lhe enviou esta mensagem, possa ser esclarecido pela Palavra de Deus, que a salvação só se obtém através de Jesus Cristo.

No amor de Cristo

Silvia Assis

Luciano Lourenço disse...

Aqui em Fortaleza-Ce há muitos pescadores de aquários. Muitos em nossa igreja já foram pescados, o que me entristece muito. De quem é a falha? creio que deles mesmos, pois não estudam e nem prezam pela Palavra de Deus, logo são incautos e vulneráveis a qualquer vento de doutrina, e propostas indecentes qual essa desse pseudo-cristão. Maranatha!!

Charles disse...

Olá, pastor Ciro, faço boa parte das minhas palavras a do Daniel Pereira.

Só tenho a acrescentar uma coisa, por mais que seja descabida isso vindo de um CCB para um AD, essa pesca em aquário entre cristãos não é nova, ora...

A quanto tempo não convertemos católicos e até mesmo cessacionistas?

E quanto mais não se quer que quem seja da IURD e desses profetas da prosperidade se tornem sérios?

É só, não estou defendendo essa pessoa, muito pelo contrário, muitas vezes em meus dois blogs falei do abismo que há entre a teologia oficial da CCB e a teologia popular, no qual essa pessoa se enquadra.

Creia, pastor, para essas pessoas nem Francescon faria parte da CCB.

Abraços! Fica na santa paz do Senhor Jesus!

Everton Ferreira disse...

Glória a Deus!

Amém.

Juliano disse...

Prezado Pastor Ciro,

Já há algum tempo que ocasionalmente passo por aqui. E sempre gosto - muito! - da maioria de suas análises.

Quanto a esse post de hoje, reforço os comentários do Charles e do Daniel. Como membro da CCB, vejo que há um problema que assola muitos de nós, que é o exclusivismo. E isso tem gerado uma reação contundente no meio evangélico. Veja, aqui nos comentários, que não falta citações de como, por ser membro da CCB, sou seitário e, por consequência, como sou herético.

Nos últimos tempos, a denominação tem se fragilizado no ensino e, por isso, temos visto tantas compreensões errôneas dos propósitos e costumes da nossa denominação. Essa é uma fragilidade interna que é constantemente exposta.

No entanto, como já dito, isso não coaduna com nossa doutrina escrita e com o belo principiar de nossa história, que tanto assemelha a Assembléia de Deus.

Ore por nós,

Na paz do Nosso Senhor Jesus Cristo.

caio disse...

MEU CARO EVANGELISTA EDUARDO FRANÇA
OS ADVENTISTAS POSSUEM SUAS DIFERENÇAS DOUTRINÁRIAS, PORÉM JAMAIS VINCULAMOS A SALVAÇÃO AOS MEMBROS DA NOSSSA IGREJA, CREIO QUE VOCÊ ESTÁ EQUIVOCADO EM SUA OPINIÕES, "O JUSTO VIVERÁ PELA FÉ" NÃO PELA FILIAÇÃO A QUALQUER IGREJA, ISTO É REGRA MESMO NO ANTIGO TESTAMENTO, A QUER VOCÊ E OUTROS COM CERTEZA ALEGA QUE NOSSAS DOUTRINAS SE BASEIAM,PORÉM MESMO NO AT OS JUDEUS SÓ ERAM ABENÇOADOS SE FOSSEM OBEDIENTES, NÃO PELO FATO DE SEREM JUDEUS, POIS QUANDO ELES PECAVAM ERAM SEVERAMENTE PUNIDOS (LEVADOS CATIVOS)" RELIGIÃO NÃO SLAVA NINGUÉM"

Anônimo disse...

Irmão Ciro,
a minha família frequenta a Congregação Cristã a mais de 50 anos, e não temos essa visão de que só os membros dela são salvos. Dizer que "os irmãos da Congregação Cristã são sectários quanto à salvação" é preconceito de quem conhece apenas alguns membros recentes. Por experiência própria, os exclusivistas são os que possuem menos conhecimento bíblico e em geral vieram do espiritismo, do candomblé e outras igrejas realmente heréticas. A falta de leitura da Bíblia e da guia de Deus é que provoca isso. Os únicos que tentei "pescar" até hoje foram católicos e testemunhas de Jeová. Tenho um amigo assembleiano que me indicou um dos seus estudos, muito bom por sinal, e o considero um irmão, servo de Deus, sim. A respeito do véu, dízimo e ósculo santo, concordo com o posicionamento da Congregação, mas são realmente assuntos secundários. Creio também estar havendo uma diminuição no exclusivismo, ou um retorno à nossa fé inicial. Como exemplo disso, cito uma pregação recente na CCB na qual o ancião combateu o orgulho e certas afirmações anti-bíblicas. A respeito da oração somente de joelhos, ele citou que Jonas e Ezequias não oraram ajoelhados; sobre chamar irmãos de outras igrejas de primos, perguntou onde se achava escrito isso na Bíblia; sobre véu, ósculo santo etc., disse que são coisas secundárias e assim por diante. A irmandade recebeu de bom grado a pregação, glorificando a Deus e o culto foi ótimo. Nesse culto também estavam presentes todos os anciãos da cidade e nenhum se manisfestou contra, antes concordaram, quando ele perguntou ao ministério se o que dizia era ou não verdade. Portanto, peço que ore, assim como eu já oro, para que Deus nos ilumine cada vez mais, a fim de combater heresias que surgem no meio de nossas igrejas (tanto na CCB, como na AD ou em qualquer outra).
Que a graça e paz de Deus esteja contigo,
Vossa irmã em Cristo.

Anônimo disse...

Não tenho uma religião, mas acredito que Deus existe. Já visitei varias denominações a ùnica que senti a presença de Deus foi na Congregação Cristã. Vcs deveriam rever "bomba" os seus conceitos. Por causa de um ser "humano errante" fe modo algum zombar dos filhos Deus, seus irmãos.
Que Deus tenha piedade de sua alma.

Desejo que ele ilumine seu caminho.

Anônimo disse...

Mas que palhaçada mas é claro q a obra de deus tem que ser perseguida na terra claro que nenhum irmão da ccb lhe mandaria um e-mail desses pois lá quem converte o coração é Deus,Robson Silva só fale do que vc conhece pra não falar besteira, é acho q vc não mas lá nós temos sim um Pastor um verdadeiro aquele q dá a vida pela suas ovelhas e não mercenarios é dado de graça oq de graça recebemos,se quizer conhecer um lugar onde se prega Jesus Cristo e não comercio e sim a verdadeira doutrina de Cristo, pode fazer uma visita na ccb,mas fique sabendo q lá é Deus que chama.

Valvescovisky disse...


Caro Ir Eduardo França,
A Paz de Deus!
Infelizmente o seu comentário, o coloca na mesma condição do meu ir. Cristão do Brasil. Me perdoe a franqueza, você precisa desistir do assunto apologética, pois os piores cristãos que conheço são apologétas.
Os apologétas são:
donos da razão; donos da verdade absoluta; triunfalistas; imperalistas e soberanos.
Precismos de humildade, mansidão, longanimidade, temperança, etc.
Sou teólogo; psicanalista; bel, mestre e doutor em adm. de empresas e também cooperador da CCB há 17 anos.
Não concordo com o ir. Cristão do Brasil, e toda vossa falácia no que tange a CCB é preconceituosa.
Se você não pode abrir a porta do céu para nós, por favor não queira fechar.
Sempre amei a Assembléia de Deus, infelizmente o que foi bom por aproximadamente 80 anos, os líderes atuais estão matando. O que Gunar e Daniel começaram em 1911 está morrendo. O que era doutrina virou costumes.
Ao caro ir. Rinaldo Santana:
Pastor, Ancião e Bispo -> mesmo nome em uma língua diferente.
Se há ministro da palavra, então há ministério.
Dio vi benedica!!!

Szmyhiel disse...

Caro Pastor,

Gostei muito do seu blog, mas este post, não condiz com sua postura. "Quem não está contra nós é por nós". Estamos todos num mesmos barco.
E a proposta descrita no post,não me parecem muito palavra de um CCBeiano, eles não tem filiação alguma a instituíção, pode ser alguma dissindência.
Quanto ao exclusivismo, conheço muitos que não pensam assim, não é doutrina da igreja e sim ignorancia do povo.

No mais parabéns pelo Blog,

Que Deus continue o abençoando,

Anônimo disse...

E este tal Valvescovisky é estranho, é um surfador de blog... e em cada comentário ele é de uma igreja ??? estranho não ???

Anônimo disse...

A ccb é uma igreja que preza muito pelo costume e aparência,seu pior erro é o desprezo pelo estudo sistemático da bíblia(a palavra de Deus)pois o fatos de desconhecerem as escrituras leva a liderança da igreja a criar heresias com versículos bíblicos retirados do contexto.Conheço muita gente desta denominação,a maioria deles não consideraram a membresia das assembleia de Deus como irmão,pois se quer os saúdam e nem visitam as assembleias de Deus ou qualquer outra denominação dita evangélica,pois consideram todas como seitas.A maioria dos adeptos da ccb não conhecem 5% da bíblia,toda sua crença é baseada em revelações e testemunhos,muitas vezes contrários aos ensinos da bíblia,não digo isto em nível teológico,pois a ccb não conhece a bíblia nem na semântica textual.Pra terminar vou deixar uma texto bíblico para reflexão de todos que se consideram cristãos e tem preguiça de ler a bíblia,ou são contra o estudo sistemático das escrituras:Mateus 22 versículo 29_Errais, não conhecendo as Escrituras, nem o poder de Deus.
A paz do senhor irmão em Cristo!