quarta-feira, 1 de agosto de 2007

Sonhos de Deus?


Atenção, atenção, geração de “sonhadores apaixonados”, vou logo avisando que esta análise poderá deixá-los muito irritados comigo! Talvez vocês, ao lerem este artigo, reajam: “Quem ele pensa que é para dizer isso?” Vocês terão razão, se pensarem assim a meu respeito, pois de fato eu nada sou. Contudo, peço-lhes que se esqueçam um pouco de mim e atenham-se ao que a infalível Palavra de Deus (1 Pe 1.24,25) tem a dizer a respeito dos “sonhos de Deus”.
Vamos, pois, direto à análise da letra da “canção” em apreço:

“Se tentaram matar os teus sonhos, sufocando o teu coração; se lançaram você numa cova; e ferido perdeu a visão; não desista; não pare de crer”. Observe que a composição já começa falando diretamente com o ser humano, objetivando motivá-lo. Sabe o que é isso? Humanismo, antropocentrismo puro! É uma mensagem “motivacional”, motivadora, de auto-ajuda, cuja característica principal é mostrar que o homem pode; que ele é forte; que o seu pensamento positivo e as suas palavras convictas podem mudar todas as circunstâncias e trazer à existência o que não existe.
Quanto aos “sonhos”, a Palavra de Deus alerta que o nosso coração é enganoso (Jr 17.9). Embora o Senhor nos revele muitas coisas mediante sonhos — sonhos de verdade (Gn 37.5,9; Mt 2.12), e não “sonhos” —, devemos ser guiados pelas Santas Escrituras (Sl 119.105). Há promessa de sonhos para os crentes de hoje, em decorrência do derramamento do Espírito Santo, mas sonhos de verdade (revelações de Deus), e não “sonhos” no sentido de desejos e aspirações (Jl 2.28-29).

“Os sonhos de Deus jamais vão morrer”. O modismo relacionado com os “sonhos de Deus” lamentavelmente tem desviado boa parte do povo de Deus da verdade, que é uma só para os nossos dias: qualquer grupo que se diz povo de Deus deveria se humilhar, e orar, e buscar a face do Senhor, e se converter (2 Cr 7.14), ao invés de ficar determinando, decretando, “profetizando” (como bem entende, e não segundo o que a Bíblia diz, especialmente em 1 Coríntios 14) e “sonhando”...
Se todos os “sonhos” de Davi tivessem se concretizado, seguindo à “profecia de auto-ajuda” de Natã (2 Sm 7.3), ele não teria cumprido a vontade de Deus! E olha que o principal rei de Israel tinha um bom “sonho” — construir a Casa de Deus em Jerusalém. Felizmente, o Senhor usou o mesmo profeta que errara para desfazer a “profecia motivacional”, visto que não tinha origem divina (vv.3-17). E o que dizer dos “sonhos” de Paulo e sua comitiva, os quais foram impedidos pelo Espírito de Jesus (At 16.1-10).
Todos nós temos aspirações (“sonhos”), mas é preciso tomar muito cuidado com esse modismo de atribuir todo e qualquer desejo do coração a Deus. A Bíblia diz: “Do homem são as preparações do coração, mas do Senhor a resposta da boca. Todos os caminhos do homem são limpos aos seus olhos, mas o Senhor pesa os espíritos” (Pv 16.1,2).

“Não desista; não pare de lutar”. De novo a composição fala o que qualquer palestrante ou livros seculares de auto-ajuda falariam. A canção em apreço parece mesmo ter sido inspirada em livros como Nunca Desista dos seus Sonhos. Não há nenhuma menção à vontade de Deus e à sua grandeza; não se faz referência à obra salvífica realizada na cruz por Jesus Cristo, tampouco à vida de santificação e renúncia que o crente deve ter nesta vida, ante à iminente volta do Senhor (cf. Lc 9.23; Hb 12.14; 1 Jo 3.1-3).
Pensando bem, quem não gosta de ouvir elogios e palavras animadoras? Ah, como é bom ouvir uma mensagem que nos motiva a ser felizes nesta vida, que nos estimula a usar toda a “nossa força” para mudar este mundo! Mas não se anime tanto! Nada somos em nós mesmos! Temos de nos humilhar debaixo da potente mão do Senhor (1 Pe 5.6; Sl 138.6; Ef 6.10). Nada de auto-ajuda! Precisamos é da ajuda do Alto!

“Não pare de adorar”. Oh, até que enfim uma ênfase à adoração, mesmo assim sem nenhuma especificidade. Simplesmente, “Não pare de adorar”. Adorar a quem? Adorar como? Adorar com quê? Cantando “canções” de auto-ajuda? Praticando esse perigoso antropocentrismo, que faz os crentes se afastarem cada vez mais da vontade do Senhor, confiando em suas “palavras mágicas”, e em seus “sonhos”?

“Levanta teus olhos e vê; Deus está restaurando os teus sonhos; e a tua visão”. Meu Deus! Não agüento mais tantas palavras de auto-ajuda! Mas alguém poderá argumentar: “Agora, a canção falou de Deus. Por que ser tão crítico, irmão Ciro?” Oh, sim, é verdade, Deus aparece restaurando os “TEUS sonhos”, a “TUA visão”. Afinal, o que vale mesmo é o que VOCÊ sente, o que VOCÊ pensa, o que VOCÊ sonha... Você, você, você... Você é o CARA, como diria um admirável ex-jogador de futebol...
Que visão Deus estaria restaurando? A Palavra nos manda olhar para Jesus, autor e consumador de nossa fé (Hb 12.1,2). Mas, depois de tanta ênfase ao ser humano, a composição em apreço só pode estar incentivando o crente a olhar para dentro de si mesmo e contemplar as suas potencialidades, a sua capacidade de “sonhar” os supostos “sonhos de Deus”. Ah, falando em Jesus, Ele não aparece nenhuma vez nessa canção!

“Recebe a cura; recebe a unção”. Viva o humanismo! Recebe, recebe, recebe! É isso aí. Aproveite! Não é preciso mais adorar a Deus em espírito e em verdade nem se santificar! Basta confiar em suas palavras, atitudes e pensamentos positivos! Você é a “boca de Deus” na Terra! Tenha fé — mas a fé na fé, a fé na SUA fé! Isso mesmo. Pensamento positivo. Atitude positiva. Confissão Positiva!

“Unção de ousadia; unção de conquista; unção de multiplicação”. Haja unção! Interessante que, quando essa canção é entoada em certos “encontros”, pessoas caem ao chão e ocorrem outras manifestação que não passam no crivo de 1 Coríntios 14. Seriam essas unções as mesmas “novas unções” já analisadas neste blog, propagadas pelos super-pregadores da atualidade? Ora, nós temos a Unção do Santo (1 Jo 2.20), pela qual sabemos e podemos discernir tudo (1 Co 2.15), além de provar se os espíritos são de Deus (1 Jo 4.1). Não precisamos de outras unções.
Diante do exposto, não há na Palavra de Deus esse tipo de mensagem propagada pela canção (e não hino) em apreço. Afinal, a nossa Cidade está nos Céus (Fp 3.20,21). Estamos neste mundo de passagem, e o nosso coração não deve estar “sonhando” com esta vida efêmera. Cristo não virá buscar uma geração de “sonhadores apaixonados”; Ele arrebatará os “vigilantes amantes da sua vinda” (Mt 25.11-13; 2 Tm 4.7,8).

Respeitosamente,

Ciro Sanches Zibordi

27 comentários:

Jadson Maués disse...

Só posso lhe parabenizar Pr.Ciro,realmente uma bela análise, realmente a questão da auto-ajuda é algo cada vez mais presente na música evangélica. Percebo que a cada dia os hinos de nossa Harpa Cristã são menos entoados...lembro-me que havia cultos em que se cantavam 5 hinos da harpa...hoje durante os cultos apenas os 3 famosos são cantados lembrando que já vi cultos em que apenas um somente era entoado...Mudando um pouco de assunto já que seu artigo trata de “sonhadores apaixonados”, é correto afirmar que "estou apaixonado por Deus"?...ultimamente as canções evangélicas estão cada vez mais mencionando essa expressão: "apaixonado".
Qual sua opinião, à luz da palavra de Deus, sobre isso...eu particularmente não gosto muito de usar essa expressão para com Deus...Parabéns mais uma vezpelo artigo..Deus lhe abençoe...

Schneider - AD Curitiba disse...

A Paz do Senhor Pr. Ciro,

Mais uma vez, o senhor esmiuça com os sonhadores... Brincadeiras à parte, esse "hino" também é uma pedra no meu sapato (apesar de já estar batido, pois outros "louvores" tomaram o seu lugar).

Sem contar que a cantora é GEDOZISTA, o que fica patente na quantidade de "unções" (multiplicação) e da "restauração".

Sinceramente, gostaria de vê-lo publicado um livro a respeito dos louvores, haja visto que o pseudo-louvor está intimamente ligado com a propagação das heresias e modismos, fazendo com que os crentes, principalmente os jovens, afastem-se da verdade.

Lembro-me, certa vez, do Pr Misael Passos num culto em que o mesmo, com um teclado, solava e cantava alguns hinos da nossa harpa cristã e de ver e sentir o poder de Deus movendo nossos corações. Nenhuma guitarra distorcida, nenhuma bateria frenética, nenhuma luz colorida, mas, mesmo assim, contrariando os baladeiros de plantão, a graça de Deus pode ser sentida. Aleluia!.

Aliás, a duas semanas atrás, num culto ao ar livre (é, ainda existe) o primeiro hino a ser cantado foi o "15" da harpa cristã... ao final da pregação (cristocêntrica) 05 (cinco) pessoas se renderam a Cristo, com lágrimas nos olhos, mas não as lágrimas causadas pela emoção musical (qualquer cantor secular consegue isto) mas pela audição do Evangelho que é Poder de Deus para a salvação.

É o Parecer.

Que Deus o abençoe imensamente e lhe dê graça para suportar os reveses do inimigo.

Anônimo disse...

Mais uma vez o pastor tem razão, pois com tantos sonhos haja travesseiros heim, que Deus continue lhe abençoando, pois como sou professor de EBD suas analises muito me ajuda nas aulas.Deus esteja com o sr. irmão Ciro.

Schneider - CTA disse...

Esqueci de dizer que a cantora Ludmila Ferber, além de cantar é a autora do pseudo-hino, e que o título do CD é "adoração profética".

E, ainda, nos agradecimentos, estão na lista o casal Renê/Marita Terra Nova, líderes do movimento internacional de restauração (MIR), uma organização Gedozista.

Por último, nas contra-capas está escrito o seguinte:

.... Jesus é o Precioso Semeador - As sementes são os sonhos de Deus... que está transcrito na pág 32, no 1º capítulo do livro Evangelhos que Paulo Jamais Pregaria, de um autor chamado Ciro Sanchez Zibordi (não sei se você o conhece!!!!)

Que Deus o abençoe.

MARCO - BH disse...

EIA, BROTHER!

SEI QUE Ñ PUBLICARÁ ISSO QUE VOU DIZER, MAS ME CONTENTO COM SUA LEITURA A SÓS.

TEU RACICÍNIO DAS ESTRUTURAS DE LOUVORES É PESSOAL. DISSE QUE TEM QUE SER ASSIM E ASSADO PQ TÁ FEITO ASSIM NOS SALMOS, MAS Ñ EXISTE EM LUGAR ALGUM MANDANDO IMITAR DAVI E OS OUTROS SALMISTAS.

SABE PQ QUÊ? DAVI ADULTEROU E SALOMÃO FOI UM GRANDE POLIGÂMICO.

SUA LÓGICA É ESTRANHA, AMIZADE!

Ciro Sanches Zibordi disse...

E aí, "brother", e aí "brou", "belê"? Pensou que eu não publicaria o seu "comenta", né "mano"? Que é isso, "cara"? Meu "bloga" é de todos! É "nois na fita, tá ligado?" Risos...

Caro Marco,

Vamos falar sério. Quer dizer, se eu conseguir...

Respeito as pessoas e suas opiniões, e por isso publiquei seu comentário. E vou respondê-lo com seriedade, apesar da pequena brincadeirinha que fiz no início.

Mas vê se capricha mais na gramática, por favor!!! Este blog é de alto nível... Como você me escreve "Teu racicínio das estruturas de louvores é pessoal"? Bem, deixa pra lá. Vamos adiante...

Meu raciocínio é pessoal? Isso é porque você, como muitos que entram aqui, estão mergulhados em suas opinões preconceituosas acerca do louvor a Deus (ou que pensam ser isso), e não param nem um pouquinho para LER A PALAVRA DE DEUS!

Uma característica deste blog, para a glória do Senhor, é que ele é biblicocêntrico. Eu me sentiria muito mal em defender algo que a Bíblia não defende, bem como condenar algo que ela não condena. Daí sugiro que o irmão (ou o "brother") leia a Bíblia, confira as referências citadas aqui, por favor. Isso vai ajudá-lo, e muito. Ou a Bíblia não vale nada para você, "brou"?

Você tá inconformado com o meu jeito de escrever, não é? Aposto que você gostaria que eu dissesse: "Eu acho que é isso, porque talvez não seja aquilo, em razão de parecer com aquele pensamento do fulano, que não é corroborado pelo beltrano..."

Entretanto, estou cansado disso: de teólogos, escritores e pastores frouxos, que não têm coragem de assumir o que a Bíblia diz! Isso mesmo. A Palavra de Deus é a verdade, gostemos ou não disso.

Percebo que você não lê a Bíblia, ou se faz isso o faz de maneira superficial, visto que suas afirmações são, com todo o respeito, grotescas.

Para que o irmão acha que existe um livro de louvor e música com 150 capítulos? Para nada? Para pessoas como você olharem para ele e preferirem imitar o Skank ou os Paralamas do Sucesso? Acorde para a realidade, "brother"!

É verdade: Davi adulterou e Salomão teve mil mulheres! Mas, e daí? O que o nosso assunto tem que ver com isso?

Você não acha que a SUA lógica é estranha, "amizade"? Vem cá, sem querer sugerir nada, você está bem? Acordou agora? Está tomando algum medicamento? Desculpe-me... mas, "na boa", "brou", você tá muito estranho...

Apesar de tudo, agradeço-lhe pela participação. E vê se lê a sua Bíblia. Somente ela, com a ajuda do Espírito Santo, poderá ajudá-lo a compreender o que de fato é louvor a Deus, pois, pelo que percebi, o irmão está um tanto confuso, com todo o respeito...

Depois que você melhorar, leia os versículos bíblicos, pelo menos, contidos neste artigo. Quem sabe, após fazer isso, o irmão consiga expor o que pensa sobre o assunto e argumentar melhor.

Se precisar da minha ajuda, conte comigo.

A paz do Senhor, "brother"!

CSZ

Evelyn disse...

Oiiii pastor Ciroo!!!

O sr. num sabe, mas eu sou tiete do seu blog!! rsrs.. espalho pra tooodo mundoo!!!hehehe... só num comento pq só tem gente important....!rsrssrs...
mass depoiss dessa análise aí... num pude deixar d vir akii dar os meus PARABÉÉÉNSSSS pro sr.!!! uhuuuuuu...
adoooreeeei... ainda mais a resposta pro 'brother' aki em cima!!!uhuuu.. rsrsrsrsrsrsrs.... "massa"!!!!
Seu blog é d+ pastor! Continue assim.. o sr. é "O Kara" srsrsrsrs....!!!
Deus continue abençoando sua vida p/ q possas continuar a escrever e explicar, principalmente p/ nós jovens, com uma linguagem d mto fácil entendimento e divertida!!! rsrsrsr.... sem contar q pela net é mttooo mais prático!!!! hehehe...

Um abraçãão pastor!!!!
Fik na paz!!!
"é nóis manoo!!!" kkkkkk....

Evelyn [filha do Eliezer, caso o sr. não lembre!! hehe..]

Ciro Sanches Zibordi disse...

Oiiii Evelyn!!!

Você não sabe como eu fiquei feliz de ver você por aqui! Agradeço-lhe pela divulgação! Está dando certo, pois o número de participantes aumenta a cada dia... Acho que vou ter de montar um equipe de apoio e vou contratar você...

Agradeço-lhe pelas palavras de incentivo! Mas não precisa me comparar com o Romário, né?! Risos...

Fico feliz em poder atingir, com este blog, pessoas tão especiais como os jovens... inclusive você que é uma pessoa pra lá de especial!

Ah, fala pro Eliezer de vez em quando aparecer por aqui (no blog), já que eu há muito tempo não apareço em Cordovil...

"É nóis" (risos).

Um mega-big-power-plus-turbo-hiper-super-abraço para você e toda a família!

CSZ

João Ricardo - AD SAPÉ-PB disse...

Caro Pr Ciro

Mas uma vez agradeço a Deus por sua vida.

Sempre tive uma pulga atráz da orelha com relação a essa música, mas agora a pulga saiu.

Infelismente este é um dos "hinos" mais cantados em nossa igreja, que eles possam abrir os olhos

Que Deus possa te usar mais e mais.

Obs.: Qual a sua disponibilidade para vir pregar no Estado da Paraíba?

Em Cristo

João Ricardo

Ciro Sanches Zibordi disse...

Caro João Ricardo,

A paz do Senhor!

Louvo a Deus pelos recursos tecnológicos que temos hoje e fico feliz em poder ajudar os irmãos aí da Paraíba.

A Paraíba é um dos poucos (dois) Estados do Nordeste que eu ainda não conheço. O pastor José Carlos, quando nos encontramos em Natal, Mossoró, Recife e Abreu e Lima, chegou a ventilar a possibilidade de me convidar, mas ainda não houve a oficialização do convite.

Meu desejo é grande, e havendo o mesmo desejo por parte dos irmãos, bem como uma vaga nas agendas da igreja e da minha, será uma honra estar aí com os irmãos.

Deus o abençoe!

CSZ

André Silva disse...

A paz do Senhor, pastor Ciro Sanches

Em primeiro lugar, é um prazer ter acesso aos pastores como Geremias do Couto, Esdras Bento, Marcos Tuler e a sua pessoa através desse veículo de informação e sem o qual nunca os conheceria. Através desse conheci pessoalmente o pastor Geremias do Couto no 5º Congresso de Escola Dominical em Salvador, espero um dia conhecê-lo pessoalmente.

Mesmo antes de ler as análises das letras de música, já havia lido outros artigos seus, fiquei mais motivado em escrever e divulgar meus textos e poder, de alguma forma, contribuir com um novo olhar sobre as questões relativas a nossa fé, mesmo num gênero textual diferente do seu, acredito até que me aproximo mais ao estilo do pastor Geremias, mesmo assim é uma honra aprender com o senhor.

Quanto aos comentários sobre os hinos e canções, sempre converso com alguns irmãos e também na minha sala de EBD sobre essa avalanche de auto - ajuda que é prejudicial à visão do crente a qual deve estar pautada na esperança celestial, muito bem analisado, merece um livro para esses dias, embora creio que essa antítese de canção, nada mais é que um apelo comercial, observaram o quanto dá dinheiro mexer com o sentimento humano, afinal quem não tem problema? ?uem não quer vencer? Emocionar o povo virou regra obrigatória em alguns púlpitos, infelizmente.

Nessa direção, diante de sua maravilhosa análise, gostaria de fazer algumas perguntas:
1. É pecado ter sonhos? No sentido de desejar, alcançar.
2. É pecado não ter sonhos? Por exemplo: Se eu disser que não tenho sonhos, desejos, que se Jesus voltar hoje seria ótimo, se Deus quiser me dar bom, se não também está bom! A única coisa que me interessa aqui é ganhar almas e esperar Jesus, as demais não tem importância se acontecerem. Escutei isso de um aluno de EBD e pedi um tempo para respondê-lo.
3. Se na igreja os conjuntos musicais têm cantado essas canções com tantos erros doutrinários por que ainda não foi coibido? O que falta?
Quanto as questões gramaticais, a música e a poesia estão calçadas pela licença poética, portanto não há erro gramatical, visto que muitos erros devem existir para que a rima dos versos não sejam prejudicadas. Quanto a outros textos, o erro gramatical pode também ser intencional, isso varia de escritor e estilo do próprio.

Quero continuar lendo sem medidas seu blog e aprendendo mais, fortalecendo-me na fé através de suas palavras e também esperando sua leitura e análise sobre os meus textos, ficarei feliz se apontar falhas, meu propósisto é crescer e quem sabe um dia ter meu "sonho" realizado por Deus: publicar um livro.

Um grande abraço, que o Senhor Jesus continue abençoando seu ministério e sua família.

Irmão, André Silva - Carpina - Pernambuco
olhos30.blogspot.com

Ciro Sanches Zibordi disse...

Caro irmão André,

A paz do Senhor.

Agradeço-lhe pelas palavras de incentivo. É bom saber que, de alguma maneira, este blog é útil ao Reino de Deus. E será um prazer para mim conhecê-lo pessoalmente.

Indo direto ao assunto e respondendo às suas perguntas, tenho a dizer o seguinte:

1. É pecado ter sonhos? No sentido de desejar, alcançar.

Resposta: Não. Podemos, sim, sonhar, fazer planos, etc. O que é errado é esse modismo de que Deus planta sonhos nos corações, que os "sonhos de Deus" jamais vão morrer... O crente deve ter boas ambições, priorizando sempre a vontade de Deus. E é isso que muitos não querem hoje. Pensam até que orar, como Jesus ensinou no "Pai nosso", priorizando a vontade de Deus, implique falta de fé, o que é um grande engano.

2. É pecado não ter sonhos?

Resposta: O crente deve ter equilíbrio. Devemos amar a vinda de Jesus e esperar a bem-aventurada esperança (2 Tm 4.7,8; Tt 2.11-14). Contudo, estamos no mundo e temos de evoluir profissionalmente; a nossa família precisa de sustento... A obra de Deus é premente, mas aquele que não cuida da família é pior que o infiel, à luz de 1 Timóteo 5.8. E a família, conquanto importante, não é mais prioritária que a comunhão com o Senhor (Mt 10.37). Portanto, a palavra-chave é "equilíbrio" (cf. Ec 7.16,17).

3. Se na igreja os conjuntos musicais têm cantado essas canções com tantos erros doutrinários por que ainda não foi coibido? O que falta?

Resposta: Coragem dos líderes e compromisso com a Palavra de Deus.

4. Quanto as questões gramaticais, a música e a poesia estão calçadas pela licença poética, portanto não há erro gramatical (...)

Resposta: Para tudo tem limite. A licença poética se sustenta em alguns casos, mas usá-la como álibi para cometer erros é também lamentável.

Quanto aos seus textos, "Não desista; não pare de lutar". "Não desista dos seus sonhos".

Deus o abençoe!

CSZ

marco - bh disse...

EIA BROTHER

EU JÁ LI A BÍBLIA TRÊS VEZES, POR INTEIRA.

1ª VEZ A CORRIGIDA

2ª ATUALIZADA

3ª LINGUAGEM DE HOJE

EU TE DEI O TOQUE SOBRE OS PECADOS DE SALOMÃO E DAVI POR MOTIVO DE TU FALAR QUE TENHO QUE IMITAR ESSES DOIS NAS MINHAS COMPOSIÇÕES!

IMITAR SÓ A JESUS! EU SÓ IMITO ELE! E NINGUÉM SABE QUAIS HINOS ELE CANTOU!

TE RESPEITO PQ SEI QUE ACREDITA QUE TÁ CERTO. TU ERRA PENSANDO QUE ACERTA. TÁ PERDOADO, BROTHER, POR ME JULGAR E PENSAR QUE Ñ LEIO A BÍBLIA!

SEI QUE NÃO COMENTA ESSE POST PQ NÃO TEM ESTRUTURA PRA TANTO!!! TU QUER MOSTRAR QUE ERRA.

Ciro Sanches Zibordi disse...

Big Brother,

Não me leve a mal não, mas não vou lhe responder, valeu?

Afinal, quem já leu a Bíblia "tantas" vezes não precisa aprender mais nada... Você é O CARA!

Ah, só um comentário: se você de fato pretende imitar a Cristo, leia, quando puder, é claro, Mateus caps. 5 a 7; João 4; Apocalipse 22.6-21. Palavras do Senhor Jesus.

Deus o abençoe!

CSZ

MARIO-CPV disse...

EU QUERO SABER ONDE ESTA ESCRITO QUE DEUS SONHOU,para tantos compositor ou pregador dizer; ouse sonhar os sonhos de DEUS.
Acorda pessoal; DEUS não sonha, ele vive a realidade.

João Maurício disse...

Agradeço a Deus por esse blog que ser de bastante utilidade na minha vida e das pessoas que vivem ao meu redor, pois o pouco de conhecimento adquirido através das tuas explanações e de reflexões postadas, tem gerado resultados a favor do combate de modismos e heresias. O fruto desse trabalho é que meus irmãos mais chegados daqui de Natal-RN vem reeducando-se na maneira de interpretar situações expostas na igreja.
Gostaria de que o senhor continue a postar artigos que ressaltem a respeito de músicas evangélicas pois pessoalmente acho que é uma porta de entrada para os modismos.

Que o Senhor te abençoe!!!!!!!!
Abraços!!!!!!!!

Samuel disse...

"Vinde a mim todos que estais cansados e sobrecarregados, que eu os aliviarei." Disse Jesus...

Será que isso tb não seria auto-ajuda por parte de Deus???

Ciro vc tem uma cabeça oca só pode né. Vc ficou horas meditando nessa letra, para poder finalmente mostrar sua interpretação com um pouco de "eu " no meio...mas esquece q alem da Salvação da alma, aki na Terra Deus quer ajudar a todos seus filhos...interprete como quiser. Mas o versiculo acima já diz td que Jesus msmo se oferece para ajudar o homem. E vc vem e fala mal de uma musica que faz o msmo?? ...... Santa Paciencia

Ciro Sanches Zibordi disse...

Poi é, irmão Samuel...

Apesar de o irmão agir como quem não teme a Deus, ofendendo-me diretamente, ao dizer que tenho uma cabeça oca, O IRMÃO ACERTOU NA MOSCA! O versículo citado também REFUTA a canção em apreço: "Vinde a mim todos que estais cansados e sobrecarregados, e eu vos aliviarei".

É JESUS quem traz alívio ao pecador, e essa canção humanista e antropocêntrica não menciona o Senhor Jesus SEQUER uma única vez!

Apesar do seu "elogio", eu o perdôo e fico grato pela valiosa contribuição. Creio que agora os irmãos que leram o artigo ficarão ainda mais convictos de que a canção em apreço não é um louvor a Deus, e sim uma canção de auto-ajuda. E o que todos nós precisamos é da AJUDA DO ALTO, que vem do Senhor e Salvador Jesus Cristo!

Deus o abençoe!

CSZ

Sérgio disse...

Olá Pastor Ciro... É a primeira vez que eu leio seu blog e espero que o Sr. não apague meu comentário apenas pelo fato de eu ser contrário a algumas visões suas...
Sou da Assembléia e também não sou muito "fã" da Ludmila (não por ela ser G12 ou coisa parecida, mas simplesmente não me agrada...). Mas há várias maneiras de se interpretar uma canção... Quando o senhor se refere a canções humanistas vale lembrar que dentro da própria harpa existem hinos que falam ao coração dos homens...
Mas mesmo assim gostei muito do seu blog, apesar de não concordar muito com o que o Sr. fala.

Ciro Sanches Zibordi disse...

Caro Sérgio,

Pode haver várias maneiras de interpretar uma canção, mas isso não invalida as verdades bíblicas que pesam contra a canção em apreço. Vê-se, claramente, que ela não menciona o Senhor Jesus em nenhum momento, evidenciando-se o seu conteúdo antropocêntrico, motivacional.

O fato de haver, segundo avaliação do irmão, elementos humanistas dentro da própria Harpa Cristã não anula os erros contidos na canção analisada.

Agradeço-lhe pelo comentário.

CSZ

Ciro Sanches Zibordi disse...

Aos irmãos que me escreveram ONTEM para dizer energicamente que não concordam comigo, e a alguns até me ofenderam com duras palavras e maldições, dirijo-lhes agora uma palavra.

Agradeço-lhes por dedicarem tempo me escrevendo, mas lamento por não publicar o comentário de vocês, tampouco respondê-los. Isso se dá por algumas razões.

Primeiro, vocês escreveram um "livro", quando, para dizer o que disseram, bastava um parágrafo. Vocês precisam ser mais sucintos, pois eu não tenho o tempo que vocês têm de ficar entrando e saindo do Orkut, passando o dia e a noite no MSN, conferindo vídeos no YouTube... Ontem, eu trabalhei o dia inteiro e preguei à noite...

Segundo, alguns de vocês parece até que não sabem escrever, pois empregam palavras como "Cançaum", "Joaum"... Eu sei que esse "estilo" impera entre os internautas adolescentes, mas não cabe aqui neste espaço, não é? Amadureçam, por favor!

Terceiro, você falam, falam, falam... mas não dizem nada! O que deve prevalecer é a Palavra de Deus! Eu estou citando a Palavra, e com certeza (não tenho nenhuma dúvida), e vocês estão argumentando com palavras ocas, sem nenhuma convicção. Estão fazendo valer as suas preferências pessoais: "Eu acho", "Eu gosto"... Bem, se vocês pensam que podem ignorar trechos da Bíblia, a fim de andarem como bem entendem, vão em frente... mas cuidado com o buraaaaaaaaacooooo...

Quarto, alguns de vocês, que continuam com essa atitude reprovável de fãs, e não de servos de Deus, dizem que esse blog não lhes serve para a edificação. Bem, eu já falei e vou repetir: NÃO ESCREVO PARA AGRADAR PESSOAS. MEU COMPROMISSO É COM DEUS. Se alguém não gostar, não precisa ler. Há tantos e tantos blogs...

Ah, quero que saibam, ainda, que Deus está considerando as palavras de ofensas que dirigem contra mim. Eu oro por vocês, para que se voltem para a Palavra de Deus e deixem essas efemeridades que seguem. Oro para que recebam Jesus, não como Astro, não como Revolucionário, não como o Papai Noel, não como o "Demolidor"... Oro para que recebam a Cristo como SENHOR E SALVADOR.

Que Deus os abençoe.

CSZ

GALVÃO SANTOS disse...

Interessante!
Postei no meu blog http://igrejaevangelicalibertosemcristo.blogspot.com/

mantendo a autoria, é claro

claudio disse...

tenho uma dura escolha a fazer

1 deixar de ler o blog do ciro

motivo 1 : nao cosnigo resitir mando para todos os amigos que conheco e tem alguns g dozista e apaixonados e sonhadores

motivo 2 : deixar de enviar as messagens com as colocaçoes biblicas que o ciro faz e assim ifelizmente dixar o povo no erro e delirios dos sonhos

2 ler e continaur mandando mensagens para os meus amigos que infelizmente nem repondem mais os emais e nao querem a minima conversa comingo será por que a ferida abriu ?

Anônimo disse...

que o senhor jesus continui te dando sabedoria pastor,mim responde se puder,sei que e um homem muito ocupado,o trazendo a arca e um grupo de adoraçao ou mais um grupo musical.

Ivan Silva disse...

*Antropomorfismo* é uma forma de pensamento que atribui características ou aspectos humanos a Deus como: (A mão de Deus, os olhos do Senhor, Ouvidos, pés, Boca de Deus, etc... mas Deus é espirito, e segundo *Teologia sistemática da CPAD* não podemos confundir Imagem Física com Imagem Natural, sendo assim características físicas do Homem dadas a Deus, são apenas para compreendermos verdades Transmitidas por Ele.), Sendo assim seria errado chamar a *vontade ou desejo de Deus para a nossa vida,* de *Sonhos de Deus para nossa vida?* Pois Deus Criou o Homem Perfeito, e a vontade de Deus era que o Homem permanecesse perfeito, mas o Homem Pecou e deixou de ser perfeito. Agora, para que o homem volte a alcançar a perfeição, ele precisa seguir um plano e trilhar um projeto o qual foi revelado em livros que constitui a bíblia sagrada, agora voltando para eu e você; esse desejo de Deus para nossas vidas pode não se cumprir por causa do livre arbítrio e de nossas más escolhas, Seria errado dizer: *O sonho de Deus é que Sejamos Salvos?*

ATENÇÃO! a palavra *Sonho* tem vários sentidos ou significados mas aqui ficamos com: Desejo, Aspiração, do dicionário Mini Aurélio Língua Portuguesa.

Não é uma Opinião pessoal, é apenas uma pesquisa abordando vários pontos de Vista.

Anônimo disse...

Comentário muito abençoado,seguro e coerente.Essa estória de "os sonhos de Deus" não faz sentido.Por ventura Deus dorme? Só pode sonhar quem cochila, quem dorme, e A Palavra de Deus deixa bem claro que O Guarda de Israel não dorme, e muito menos cochila, logo tampouco sonha.

Anônimo disse...

Comentário muito abençoado,seguro e coerente.Essa estória de "os sonhos de Deus" não faz sentido.Por ventura Deus dorme? Só pode sonhar quem cochila, quem dorme, e A Palavra de Deus deixa bem claro que O Guarda de Israel não dorme, e muito menos cochila, logo tampouco sonha.