Anúncio

domingo, 8 de janeiro de 2017

Sete dicas para ser feliz em 2017 e sempre


1. Que sejamos mais otimistas.
Na Bíblia Sagrada, em 2 Coríntios 2.14, está escrito que, em Cristo, sempre somos triunfantes. Ainda que morramos, estaremos para sempre com o Senhor (1 Ts 4.16,17; 1 Jo 3.1-3). Nada pode nos separar do amor de Deus. Nem a morte (Rm 8.37-39). Quando temos a certeza absoluta de que Deus está no controle de nossa vida, não nos deixamos levar pelo pessimismo. Por isso, não desanime nunca, mas faça a sua parte, preparando-se para as portas que, certamente, se lhe abrirão em 2017. A vereda do justo é como a luz da aurora, que brilha dia a dia, até ser dia perfeito (Pv 4.18).

2. Que nos aproximemos mais de Deus. Ter comunhão com o Senhor é como subir uma escada que não tem o último degrau. A cada dia devemos estar mais próximos de Jesus Cristo (Tg 4.8). Louve-o, ao acordar. Abra a janela do seu quarto, olhe para o céu, para a natureza, ouça o canto dos pássaros. Dirija seu veículo, pedale ou caminhe cantando louvores. Atravesse a rua dando glórias àquEle que dirige seus passos. Louve-o pelo dom da vida! E lembre-se, ao subir a escada da comunhão com Deus, de que a bênção principal está no topo dela. Seja feliz ao subir cada degrau, certo de que está no caminho certo, no caminho que conduz ao Céu (Mt 7.13,14).

3. Que não queiramos “levar vantagem” em tudo, mas sejamos altruístas. Esforce-se para pensar nas dificuldades e necessidades das pessoas à sua volta. Seja paciente no trânsito, dirija devagar, respeite o pedestre. Esvazie-se da brutalidade que diariamente quer brotar dentro de você. Não se deixe influenciar pelo egoísmo prevalecente no mundo sem Deus. Faça o bem às pessoas à sua volta. Se você não é idoso ou deficiente físico, não use a vaga destinada a essas pessoas. Nunca “fure” fila. Não compre produto “pirata”. Seja honesto, ainda que não receba nada em troca, aparentemente; ainda que você seja o único a fazer o que é correto. Deus o recompensará.

4. Que agradeçamos a Deus pelas lutas e vitórias. Ah, como é difícil conviver com pessoas que reclamam de tudo e de todos! Se chove, não está bom. Se faz frio ou calor, também está ruim. Experimente ver o lado bom de todas as coisas. Nenhum lugar do mundo é perfeito. Por isso, precisamos extrair o que é bom por onde passamos. Se chegamos ao fim de 2016 e ao começo de 2017, mesmo com lutas e sofrimento, foi graças a Ele. Agradeça ao Senhor, ao levantar-se da cama, antes das refeições, ao sair de casa, antes de dormir etc. Lembre-se da graça de Cristo, a cada dia. Ele lhe deu a maior bênção, dentre todas: a certeza da vida eterna (Jo 5.24).

5. Que tenhamos mais senso de humor. Fazem parte da vida o rir e o chorar. Mas, por que viver chorando pelos cantos? Levante a sua cabeça! A vida segue. O cristão que se preza não vive o tempo dando gargalhadas, mas não é pecado sorrir e se divertir com parentes e amigos. Rir no momento certo faz bem.

6. Que passemos menos tempo nas redes sociais; leiamos bons livros. Dedique mais tempo à sua família. Use a Internet para crescer em conhecimento. Não navegue a esmo. Forme a sua coletânea de bons sites e blogs. Mesmo nas redes sociais, seja seletivo. Não perca tempo com efemeridades. Você já leu a Bíblia toda? Se sim, faça isso de novo. Se não, aproveite a chegada do novo ano para iniciar seu plano de leitura. Experiente ler as Escrituras em outros idiomas, versões, ou fazendo comparações. Dedique tempo ao estudo sistemático da Palavra de Deus. Isso, com certeza, tornará a sua vida melhor em 2017 e sempre.

7. Que compartilhemos o amor de Deus. O verdadeiro Evangelho muda o mundo e a vida das pessoas (2 Co 5.17). Evangelize seus parentes, amigos, vizinhos, colegas de trabalho etc. Partilhe com eles os preciosos ensinamentos do Senhor Jesus e seja sempre triunfante. Feliz 2017!

Ciro Sanches Zibordi, autor e articulista da CPAD (Casa Publicadora das Assembleias de Deus); e autor de comentários bíblicos em espanhol pelo CETADEB/SETEIN (Seminário Teológico Internacional)

Nenhum comentário: