sexta-feira, 14 de agosto de 2015

As Obras de Armínio e as obras calvinistas


Alguns leitores estão me pedindo com insistência uma palavra sobre o recente lançamento da CPAD: As Obras de Armínio. O que tenho a dizer sobre essa importante notícia é o seguinte: a Casa Publicadora das Assembleias de Deus está de parabéns! Não apenas pelo lançamento das aludidas obras, mas ela também está de parabéns por já ter lançado outras obras de autores calvinistas, como o excelente Dicionário Bíblico Wycliffe (CPAD, 2006).

Aliás, a CPAD, que neste ano completa 75 anos, está de parabéns, sobretudo, por ser uma editora que, a despeito de respeitar as escolas arminiana e calvinista, jamais abriu mão do primado das Escrituras. Essa editora, para a qual escrevo, por graça de Deus, desde 1993 (ano da publicação de meu primeiro artigo no jornal Mensageiro da Paz), está de parabéns por seu compromisso de defender o santo Evangelho, esposar a sã doutrina e promover a paz entre os que amam a Palavra de Deus e o Deus da Palavra.

Como analista que preza a Palavra de Deus, repito o que disse em minha obra Evangelhos que Paulo Jamais Pregaria (CPAD, 2006): a Bíblia está acima da teologia; isto é, acima de Armínio, de Calvino e de quaisquer outros pensadores. Uma coisa é o que os teólogos dizem da Bíblia; outra, muitíssimo diferente, é o que a própria Palavra do Senhor assevera. Afinal, "toda a carne é como a erva, e toda a glória do homem como a flor da erva. Secou-se a erva, e caiu a sua flor; mas a palavra do Senhor permanece para sempre. E esta é a palavra que entre vós foi evangelizada" (1 Pe 1.24,25). ‪#‎ProntoFalei‬.

Ciro Sanches Zibordi

6 comentários:

Faculdade Faseb disse...

A editora está cumprindo com responsabilidade o seu papel no contexto da história linear da redenção. Graças a Deus!

Edinei Siqueira disse...

A CPAD está de parabéns também por publicar obras do Pr. John McArthur Jr. que embora seja um cessacionista ferrenho tem contribuído com obras de cunho apologético e teologia pastoral.

anthony olliver disse...

Pastor Ciro, sou membro da Assembleia de Deus no Piauí e há bastante tempo venho me sentindo triste com tamanhas heresias, que infelizmente tem entrado dentro até da nossas igrejas (creio que por falta de conhecimento e da análise profunda do verdadeiro evangelho de Cristo). Por acaso pesquisando o tema na internet me deparei com o seu blog e li o livro "Mais erros que os pregadores devem evitar". Quão bom seria se os nossos pregadores lessem esse tipo de obra ao invés de livros de artistas da tv que se passam por pregadores do evangelho. No momento estou lendo "Evangelhos que Paulo jamais pregaria" e aprendendo um pouco mais sobre o assunto. Gostaria de ver o tema (apologética cristã) tendo uma alcance maior e creio que seria interessantíssimo se o irmão comentasse um trimestre das lições bíblicas da EBD (não sei se isso já aconteceu). Que tal sugerir para a Editora?

Márcio Cruz disse...

Paz do Senhor, Pr. Ciro!

Falando em CPAD, gostaria de saber uma coisa acerca do Dicionário Vine. É que desde 2002, as edições trazem uma explicação sobre a palavra CRUZ. Na edição 2014, o texto mudou.
A pergunta é: "Qual das duas seria a mais correta?"


Fica na Paz do Senhor, irmão!!!

Wellington Santos Canedo disse...

Pr.Ciro,
Gostarria de seu auxilio para esclarecimento da traduçao no lugar do batismo por aspersao(Obra em ingles), na obras de arminio recentemente lançada, por batismo por imersão. O que ocorreu? Disputation on Baptism and Paedo-Baptism

Paulo Cabral disse...

Pastor Ciro me ajude em nome de Jesus. Os calvinistas estão apresentando a carta de Armínio a Sebastian onde Armínio recomenda ler Calvino e não obtive uma resposta convincente nas pesquisas.