segunda-feira, 27 de outubro de 2014

Parabéns, cristãos petistas!


O petismo obteve uma grande, extraordinária, vitória! Além de vencer as eleições presidenciais, consolidou a divisão Norte-Sul do povo brasileiro, colocando milhões de nordestinos contra o "povo do Sul". Os pobres do Norte e do Nordeste agora batem no peito e zombam das "elites" de São Paulo. Que elites são essas? Em 2002, o Brasil era o 72o. no ranking do IDH. Hoje é o 79o. Pioramos com o petismo no poder, povo de Deus! Mais que isso: o partido mais corrupto da História do Brasil, maquiavélico, parceiro de déspotas e terroristas, tem conseguido o apoio de muitos evangélicos!

Vejo hoje cristãos nordestinos zombando dos cristãos de outros Estados ou dizendo que a sua vitória tem sabor de mel. Meu Deus, será que esse povo conhece mesmo a ideologia que o petismo defende? Ah, não me diga que esse partido mudou e que não é mais o mesmo, por favor! Na verdade, o petismo usa várias máscaras. Seus políticos são capazes de visitar templos evangélicos e citar versículos bíblicos para enganar os incautos! Mas a sua verdadeira face — uma das poucas coisas que ele tem de verdadeiro — é o marxismo-leninista.

Não nos enganemos. Lula, o Grande, a despeito de ter se tornado o "Lulinha paz e amor" para se eleger, nunca deixou de ser marxista-leninista. O petismo jamais abandonou a sua ideologia antissemita, antiamericanista, anticristã, gramscista e maquiaveliana. E, a cada nova eleição, esse partido vai consolidando seu projeto de poder. Por isso, o cristão que, verdadeiramente, sabe do que está acontecendo no Congresso e está inteirado dos decretos presidenciais, não se deixa enganar com os "avanços sociais" e a maquiagem da pobreza.

Temos dois tipos de arma à nossa disposição. Como cidadãos, temos o voto; como cristãos, as armas da nossa milícia, que não são carnais (2 Co 10.4). Estejamos preparados. O petismo virá com força contra as igrejas evangélicas. E, já que não nos unimos para votar contra esse partido, unamo-nos em oração pela igreja brasileira. Vamos precisar orar muito! Mas uma coisa é certa, apesar de tudo: mesmo quando fazemos escolhas erradas, Deus continua no controle de todas as coisas e sempre fará a sua Igreja (agora, com inicial maiúscula) triunfar em Cristo (2 Co 2.14). ‪#‎ProntoFalei‬, quer gostem, quer não gostem.

Ciro Sanches Zibordi

7 comentários:

WESLEI ROCHA disse...

Acredito que a maioria dos cristãos não votou em Dilma. Acho que estes que votaram não teriam, com o voto, o poder de decidir a eleição. Por isso, como eleitor de Dilma neste 2º turno, não compactuo de forma alguma com a ironia apresentada no título desta postagem.

Marcelo Medeiros disse...

Foi uma vitória, confesso, mas não uma grande vitória, ela foi apertada, e posso até dizer que foi uma derrota.

Mario Sérgio de Santana disse...

Meu ponto de vista: muitos ataques aos nordestinos estão sendo realizados nas redes sociais pela vitória de Dilma nesse segundo turno. A eleição ficou de tal forma acirrada que muitos blogueiros (inclusive da revista Veja) insinuam separação da região sul do resto do país. Toda ideologia levada ao extremo sim é prejudicial, mas não vamos pensar que a ideologia capitalista é menos má. Quantas guerras se provocou no século XX em nome dos negócios ou do tal "nacionalismo". Falar que o governo do PT é o mais corrupto da história é desconhecer outros tempos e governos que por aqui passaram. Não nego que houve corrupção, mas posso mencionar outros casos de governos, os quais com o favorecimento da imprensa tiveram seus podres amenizados diante do público. Creio que os temas colocados pelo senhor são relevantes, desde que vistos da perspectiva histórica e social. caso contrário cairemos no maniqueísmo político.

Deus abençoe!!

Anônimo disse...

Infelizmente esse triste resultado das nossas eleições presidenciais nos leva a tomada de uma nova atitude espiritual em relação ao governo do Brasil. Temos que orar, interceder, clamar com muito maior intensidade pelo futuro do nosso país, crendo que o governo do Brasil continua sobre os ombros do Senhor Jesus. Senhor, tenha misericórdia de nós, brasileiros!

DASSAYEV disse...

Paz do Senhor Pr Ciro. Muito triste ver muitos "Cristãos" apoiando de forma veemente o PT e toda a sua podridão. Oremos pelo nosso País.

Maria Rocha disse...

Tenho, muitas vezes, vergonha de ser brasileira. Quando vejo a falta de percepção política, a desinformação e a alienação da maioria do povo do meu país, verdadeiramente, me envergonho. Meu país é lindo e rico. Meus compatriotas, boa parte deles, são pobres, de preocupação com o próximo, pois põem em evidência sua prioridade consigo mesmo e a ânsia em se beneficiar mesmo em detrimento do bem comum.
Mas, infelizmente, me sinto envergonhada daqueles que, se dizendo cristãos, não usam a sua liberdade cristã para lerem a Palavra (enquanto ainda podemos), para pregá-la, para vivê-la e aguardar todo o seu cumprimento no Grande Dia em que todos estaremos com o Senhor. Me sinto envergonhada por tais cristãos usarem a sua liberdade para se desinformarem sobre a Palavra mas comerem toda comida podre que lhes é lançada por ideais puramente humanos, inspirados pelo inferno e que têm como intuito atacar a Igreja do Senhor. Uma falsa ingenuidade, mesclada com egoísmo e esperança exclusiva no homem movem essas pessoas.
Mas algo me enche de alegria e esperança diante de tanta decepção: Um céu nos espera. O Senhor é conosco e, "estou certo de que, nem a morte, nem a vida, nem os anjos, nem os principados, nem as potestades, nem o presente, nem o porvir,
Nem a altura, nem a profundidade, nem alguma outra criatura nos poderá separar do amor de Deus, que está em Cristo Jesus nosso Senhor." (Rm 8.38,39)

Anônimo disse...

Concordo sim com a ironia apresentada no título da postagem.
A ironia nada mais é do que uma figura de linguagem. Veja que o Senhor Jesus também a utilizou em várias ocasiões, principalmente quando enfrentava seus adversários.
Relativo a eleição. É lamentável que não apenas os cristãos, mas a população em geral tenha embarcado nessa furada de todos contra todos, Norte contra Sul, ricos contra pobres, brancos contra negros, héteros contra gay. Bando de imbecis que simplesmente estão jogando o jogo sujo desse maldito partido/poder/governo. Enquanto estão fazendo o jogo deles, os demônios do pt estão se regozijando e cada vez mais dividindo a nação para controlar tudo.
Então, no meu ponto de vista, o pastor autor do texto foi até sútil. Eu seria mais agressivo com as palavras.
Meu nome é Marcelo, moro em Natal, sou nordestino e o pastor está certo.