domingo, 26 de janeiro de 2014

#ProntoFalei — quer gostem, quer não (1)

O Senhor Jesus deixou claro, em João 16-17, que a inspiração divina das Escrituras recai sobre as “palavras”, e não sobre as “ideias”. Mas, do jeito que estão as coisas — já existe até “tradução” contendo palavrão e expressões chulas, como a reprovável Free Style —, só falta alguém dizer que o nome de João Batista pode ser, perfeitamente, mudado para João Assembleiano, João Presbiteriano, João Metodista, etc., não é mesmo?

Há muitos adeptos desse “estilo livre” de interpretar a Bíblia Sagrada na grande rede. Aliás, certo “erudito” disse, alhures, com base na obra de um escritor chamado Frank Viola, que “tudo o que termina com ‘ismo’ deve ser jogado no lixo, inclusive o cristianismo”. Interessante... Isso também vale para o violismo (ideologia baseada nos escritos do autor mencionado), o determinismo, o extremismo, o anticristianismo, certo? Ah, esses argumentos “inteligentes” e “revolucionários” que se autodestroem em cinco segundos...

Não sei quando, como, onde e por que se começou a chamar os músicos cristãos de “levitas”. Com toda a sinceridade, não vejo com bons olhos essa veterotestamentarização do culto neotestamentário. Como se sabe, à luz do Antigo Testamento, nem todos os levitas se ocupavam da música e do cântico. Bem, será que os “levitas” de hoje estão dispostos a fazer tudo o que aqueles levitas faziam?

Mas sabe o que mais me chamou a atenção, recentemente? A declaração — no mínimo, presunçosa — de um certo estudioso a um portal gospel: “A produção da teologia brasileira é podre”. Penso que essa afirmação foi muito infeliz, considerando que temos no Brasil eruditos piedosos como Antonio Gilberto, Russel Shedd, Augustus Nicodemus, etc. Ademais, procurei conhecer a obra do tal estudioso e descobri, lendo seu blog, que o que ele chama de podre, na verdade, é a fidelidade ao primado das Escrituras e a resistência à imposição das influências filosóficas, como o feminismo.

Ah, sim, e falando em Antonio Gilberto, ontem tive de excluir, em minha página, um ataque gratuito a esse mestre. Também solicitei ao Facebook que retirasse dali o autor do comentário — banir é um verbo muito forte — e fui atendido prontamente. Por que fiz isso? Primeiro, porque evito citar nomes de pessoas negativamente, inclusive quando verbero contra heresias. Paulo também evitava fazer isso e só citou nomes negativamente em casos excepcionais. Segundo, porque considero Antonio Gilberto o maior teólogo e exegeta das Assembleias de Deus no Brasil, um ícone dessa denominação. Terceiro, porque ele é um homem piedoso, exemplar, humilde, temente a Deus e é meu pastor. Quarto, porque ele é meu amigo. Quinto, porque o ataque a ele foi uma calúnia.

#ProntoFalei — e sei que alguns (talvez, muitos) não vão gostar... Fazer o quê? Não escrevo para agradar ou desagradar. Escrevo para dizer o que penso e compartilhar o que tenho recebido do Senhor.

Ciro Sanches Zibordi

22 comentários:

Tatiane de Souza disse...

Eu amei!!!

Alguém tem que falar!!!

Euler lopes disse...

Muito bom Pr Ciro!Que Deus o abençoe sempre suas caminhadas!

Euler lopes disse...

Paz do Senhor pastor Ciro! Muito bom comentário, as considerações foram de servo de Cristo!Que Deus o abençoe!

Anônimo disse...

Pr Ciro a paz do Sr. Creio que o Sr até viu isto. Mas se não viu, olhe o que este pessoal está aprontando.

https://www.youtube.com/watch?v=LkQMmqaFwB0

Celita disse...

Pastor,
Vejo muitos dizerem que "receberam do Senhor" , falam e se sentem orgulhosos e corajosos de abrir a boca para coisas infrutíferas e maléficas; acho isso uma presenção quando à luz das Escrituras,identificamos, por discernimento do Espírito Santo o que vem do Senhor e o que vem do "homem", portanto, devemos assumir o que falamos e não por em tudo os créditos no nome santo e imaculado do Senhor. Ezekiel 13 "...Porventura não tivestes visão de vaidade, e não falastes adivinhação mentirosa, quando dissestes: O Senhor diz, sendo que eu tal não falei?
Ezequiel 13:7".

Eu amo aqueles servos ungidos que buscam do Senhor a Palavra inspirada , a verdade, mas somente quando a verdade não está mascarada pela "carne".
Deus abençõe o senhor"
Acho muita ousadia alguem ser presunçoso e tudo que fala dizer que foi de Deus...
Celita L.Welsch

Marcos Esmeraldino disse...

Caro pr Ciro,
o referido portal gospel publicou no mesmo artigo uma nota, a pedido do autor, corrigindo o uso de 'poDre' para 'poBre'.

RENATO B disse...

TEM MUITOS QUE QUEREM SER O QUE NÃO SÃO, E SÓ FORAM UNGIDOS POR DEUS NA CABEÇA DELES, NÃO É A TOA QUE CRITICAM HOMENS COMO ANTONIO GILBERTO. GOSTEI MUITO DO QUE O SR COMENTA NO ARTIGO PR CIRO: "SERÁ QUE OS QUE SE DIZEM LEVITAS HOJE ESTÃO DISPOSTOS A FAZER TUDO O QUE OS LEVITAS DO AT FAZIAM?" OU ACHAM QUE SER LEVITA É SIMPLESMENTE CANTAR? E OLHA QUE ALGUNS AINDA CANTAM CADA COISA QUE NUM BRINCA NÃO!!! QUE O SENHOR JESUS CONTINUE ABENÇOANDO NOSSAS VIDAS COM A SUA VIDA PR CIRO.

Newton Carpintero, pr. e servo. disse...

Caro atalaia e pastor Ciro Zibordi,

Paz amado!

Eu gostei! parabéns por mostrar a liberdade e o ECO, da sua voz, em sua matéria, contra os que são "contra" a Palavra de Deus.

O Senhor seja contigo,

O menor.

Rinaldo Santana disse...

Pastor Antonio Gilberto, considero-o como o maior teólogo na atualidade. Homem de Deus.

Ciro Sanches Zibordi disse...

Irmã Celita,

A paz do Senhor.

Eu disse e reafirmo que não escrevo para agradar ou desagradar pessoas. Escrevo para dizer o que penso e para compartilhar aquilo que tenho recebido do Senhor. São duas coisas distintas. O que eu penso é o que eu penso, mas também acredito que, como Igreja, tenho a "mente de Cristo". Além disso, penso de acordo com a Palavra de Deus. Ela é a minha fonte primária de autoridade. Por outro lado, há casos em que sinto que estou escrevendo palavras que me são dadas pelo Senhor, como se fosse uma pregação escrita. É nesse sentido que disse que escrevo o que recebo do Senhor.

Em Cristo,

CSZ

Ciro Sanches Zibordi disse...

Grato, irmã Tatiane, pelas palavras de incentivo.

CSZ

Ciro Sanches Zibordi disse...

Grato, irmão Euler Lopes!

CSZ

Ciro Sanches Zibordi disse...

Anônimo,

Triste, muito triste...

CSZ

Ciro Sanches Zibordi disse...

Marcos Esmeraldino,

O erro foi muito grave. Uma nota não basta. É preciso mudar o título da matéria mesmo e enfatizar que houve um erro.

CSZ

Ciro Sanches Zibordi disse...

Pois é, RENATO B...

CSZ

Ciro Sanches Zibordi disse...

Querido pastor e amigo Newton, o Carpintero!

Que honra receber seus comentários. Saudades de vê-lo. Quando o irmão vem ao Brasil. Acho que vou aí primeiro... Oremos.

Um grande abraço.

CSZ

Ciro Sanches Zibordi disse...

Rinaldo Santana,

So do I. He is a great man.

CSZ

O Amor de Deus nos constrange... disse...

Amei!
Tudo que você escreve, é sempre muito bom e edificante!

O Amor de Deus nos constrange... disse...

Amei!
Tudo que você escreve, é sempre muito bom e edificante!

Euler lopes disse...

Paz do Senhor, pastor Ciro! Sou leitor assíduo do seu blog há 7 anos, e nuca observei nenhum termo pejorativo, de baixo calão, frase de efeito emocional ou "ridícula de mais" em seus comentário! Ao contrário de muitos "pregadores" da "unção celestial", que falam o que querem de púlpitos. Eles, se acham no direito disso; sem levar em consideração as pessoas que estão ouvindo suas "mensagens". Temos recebido artigos contundentes de sua parte. Artigos de cunho teológico, doutrinário, apologético, eclesiástico e outros que eu poderia mencionar..., que estão nos abençoando, tanto aquele que ler , quanto aquele que pesquisa e ouve suas mensagens. Parabéns pastor Ciro!

Newton Carpintero, pr. e servo. disse...

Meu amigo atalaia pastor Ciro Zibordi,

Paz amado!

Se depender de torcida para vir... aqui estou... venha... venha... venha.... clap... clap... venha... venha

Creio que somente estarei no Brasil, se Deus permitir, após o evento da Copa do Mundo.

Saudades... sinto o mesmo....

O Senhor seja a tua força... sempre,

O menor dos teus irmãos.

gevanildo disse...

Tirando o cessacionismo que a igreja de um dos famosos teológos defende nada exposto