terça-feira, 1 de janeiro de 2013

Índia chora, e Brasil festeja

Já desejei Feliz Ano Novo a todos os meus amigos e leitores através deste blog e das redes sociais, celebrei a chegada de 2013 com a minha família, glorificando a Deus por todas as bênçãos que Ele nos concedeu em 2012, etc. Mas agora quero fazer a minha primeira crítica do ano.

Estou comovido com o que está acontecendo na Índia. Ali, as festas de réveillon foram canceladas por causa do estupro, seguido de assassinato, de uma estudante de medicina. Esse crime provocou uma enorme onda de protestos pelo país, a ponto de gerar comoção e debates em nível nacional.


Quantos crimes similares ou até mais bárbaros que o mencionado ocorrem mensal, semanal ou diariamente no Brasil? Quantas famílias têm perdido seus entes queridos nesse período de festas? Veja o caso da menina que foi baleada no Rio de Janeiro, e não havia médicos para atendê-la. Há algum debate sobre o assunto? Atitudes foram tomadas? Existe uma comoção geral, como a que ora ocorre na Índia? Algum 
réveillon ou carnaval já foi cancelado por causa de uma indignação coletiva? Não. Aqui, a ordem é festejar, haja o que houver...

O Brasil precisa acordar! Até quando a cracolândia de São Paulo vai existir? Para quem não sabe, além de o governo brasileiro não ter conseguido pôr termo àquela vergonha, em 2012 foi inaugurada outra cracolândia no Rio de Janeiro, em plena Avenida Brasil! Quem passa ali de carro leva um susto. A impressão que se tem é que há dezenas de zumbis amontoados uns sobre os outros. Até quando?


Muitos se orgulham de o Brasil ter um grande número de evangélicos... Mas que impacto esse crescimento meramente numérico tem causado na sociedade brasileira? A violência, o tráfico de drogas e a imoralidade só aumentam, enquanto as pessoas festejam.


Festejam o quê? Onde estão os verdadeiros evangélicos? Afinal, de crente nominal o nosso país está cheio. Agora, de gente séria, honesta, que dá exemplo, que influencia e não é influenciada, temos grande carência! Acorda, governo brasileiro! Acorda, povo de Deus! Acordemos! Façamos mais do que temos feito! Um novo ano está começando, e temos mais uma oportunidade de fazer um Brasil melhor.


Amém?


Ciro Sanches Zibordi

7 comentários:

T.Mendes disse...

"E foi lhe dado que tirasse a paz no mundo" Ap 6.4
Nem o segundo selo foi aberto...
"Feliz 2013"

HERIVELTON MARCULINO disse...

Pura verdade! Faço minha esta indignação.

T.Mendes disse...

Bala perdida mata universitária na noite de Ano Novo em Contagem (MG)
Trecho da reportagem do Jornal da Record, hoje, leiam e depois conferiram o vídeo pelo site da emissora. Diz assim:
Tristeza para uma família de Contagem, região metropolitana de Belo Horizonte. Uma bala perdida matou uma jovem na noite de Réveillon. Ela e o namorado caminhavam pela rua quando houve uma troca de tiros. Os criminosos fugiram.
Segundo o repórter, eles estavam se dirigindo para a Igreja a fim de passar "a virada" quando ocorreu de ser a moça vitimada por munição de pessoas trocando tiros.
Bem, o que disse nos textos a respeito do amanhã?do depois?A Bíblia não ensina que oremos pelo nosso futuro aqui na Terra. Na expectativa de desejar PORTAS E MAIS PORTAS ABERTAS no sentido material, planos para o agora nessa vida, pergunto, por acaso foi frustrado os planos para 2013 desta jovem moça? O que quero dizer é que temos fórmulas e dicas para ser feliz AQUI enquanto Paulo repetidamente falava do porvir, de nossa cidade que aqui não vemos.Mesmo que doloroso e compreensível, o caminho do Senhor para nossas vidas visa a salvação, de modo que possa ELE ser glorificado em nós, "quer pela vida, quer pela morte" (Fp 1.20).
Em outras palavras, a única porta que peço em oração que esteja aberta é a do céu pois como disse anteriormente, resta-nos continuarmos orando, vigiando e almejando o retorno para que Ele remova a Igreja pois nada irá melhorar. A morte do Justo é agradável a Deus, sim, então uma e somente uma dica para felicidade em 2013:
Estar preparado para PERDER ESTA VIDA a qualquer momento!A sofrer por amor ao EVANGELHO;Cuidado com as campanhas de profetização do futuro de portas e comportas. Cada dia o seu mal.
Que Deus console imensamente aquela família.
Outro assunto que nos chama a atenção são os horários da programação. Revistos tem de serem. Enquanto uma parcela da igreja desloca-se para casa de madrugada nesses cultos de virada , muitos irmãos deslocam-se a pé em meio a escuridão, correndo vários riscos.Porque não colocam este culto de dia? Porque tentamos a Deus? Qual o problema de fazer a santa ceia de dia? Sabemos que de dia acontecem crimes mas quem vai de zero para casa confortavel e seguramente após cultos tardios e vigílias não representam a maioria dos membros.
Paz


Tamar disse...

O Brasil foi transformado em um país liberal socialista. Nesse tipo Estado ninguém pode ser punido, todos os vícios devem ser aceitos e as obrigações devem ser reduzidas ao mínimo e um estado benevolente deve sustentar a todos.

É claro que essa doutrina aplicada a um país pobre, com vasto território e com uma população de diversas origens dá essa sensação de caos.

Falta médico e sobram balas perdidas no Rio pq o Brasileiro se dá ao luxo de largar os estudos e depois quer que um profissional com 20 anos de estudo esteja de plantão em algum buraco no feriado.

Ah tá.













Tatiane de Souza disse...

Amém amém amééém!!!
Fico admirada com seus textos...
Parabéns e feliz 2013!

Tamar disse...

O Brasil marca presença no ranking das 10 cidades mais violentas do mundo
http://exame.abril.com.br/mundo/noticias/as-10-cidades-mais-violentas-do-mundo

Na classificação completa de 50 cidades 14 são brasileiras.

Nas listas abaixo o Brasil NÃO está presente.

As 10 cidades com as melhores condições de vida no mundo.

http://exame.abril.com.br/mundo/noticias/as-10-cidades-com-a-melhor-condicao-de-vida-do-mundo#12

Os 10 países mais saudáveis do mundo

http://exame.abril.com.br/mundo/noticias/os-10-paises-mais-saudaveis-do-mundo

As cidades com a melhor infraestrutura do mundo.

http://exame.abril.com.br/mundo/noticias/as-cidades-com-a-melhor-e-a-pior-infraestrutura-urbana?page=1


Os 20 países mais prósperos em 2012

http://exame.abril.com.br/mundo/noticias/os-20-paises-mais-prosperos-em-2012



Esse é o nosso país. Pobre, marcado pela impunidade e pelo liberalismo tupiniquim. Nossas autoridades se dividem entre as que iludem a população com pão e circo e as ceguetas que afirmam que vão dar lição de governança ao primeiro mundo.

MAS NA COPA UM HOMEM VIRÁ EM UM DISCO VOADOR PARA SALVAR A GENTE.

Tudo regado por umas brejas...

Helena Santos disse...

Um outro comentário que eu quero fazer referente ao nosso país é que, recentemente houve 2 apagões nos aeroportos do Rio de Janeiro (Santos Dumont e Tom Jobim). Esse fato foi amplamente noticiado em todos os principais jornais de todas as emissoras de TV nacional. Vimos a perplexidade dos usuários e funcionários desses aeroportos. Vimos as declarações das autoridades governamentais e o envolvimento da Polícia Federal no caso.
O que me deixa indignada é que eu sou profissional da área de saúde, trabalho num hospital público federal do Rio de Janeiro e este ano fará, se Deus quiser, 8 anos que trabalho na unidade de clínica médica e até hoje não instalaram e muito menos cogitaram instalar sequer um ar condicionado nas enfermarias. Lá o aparelho de ar condicionado não está com defeito, simplesmente não tem NAS ENFERMARIAS, nas chefias médicas e de enfermagem e outros, secretárias onde muitos trabalham sentados e nas suas cadeiras giratórias acolchoadas os aparelhos de ar condicionado trabalham a todo vapor, não tenho nada contra. A questão é que nas enfermarias estão os doentes, com as mais diversas enfermidades, gravidades, muitos idosos, acamados, TOTALMENTE, dependentes e que ficam lá meses e meses, até ano naquela SAUNA, com dores, as vezes sem condições de comprar um ventilador (o que não deveria existir dentro da enfermaria), as vezes sozinhos, psicologicamente fragilizados e se tornando "aeroportos" de pernilongos. (As vezes o sol, dependendo da hora bate direto na cabeça do paciente. Se ele consegue andar, ele sai, senta ou então é necessário improvisar uma cortina de plástico na janela e aí adeus a possibilidade de entrar um ventinho quente ali). Nós profissionais que trabalhamos diretamente com os pacientes também sofremos absurdamente com o escaldante calor, mas pelo menos vamos para casa no final do plantão. Mas e os pacientes?
Por que nada muda? Eu já cansei de reclamar e pedir para a chefia, por que é assim? Não seria um caso de polícia federal também?
Acho que é porque o povo brasileiro é muito parado, "pacífico", tem dificuldade em se organizar quando se trata de reivindicar seus direitos.
Desculpe-me pastor Ciro, é só um desabafo.
Deus abençõe o senhor e toda sua família. Seu blog é uma BENÇÃO. Graças a Deus que existe pastores como o senhor em evidência nos meios de comunicação, acho que em pouca quantidade, mas tem.