sexta-feira, 5 de outubro de 2012

Pregar com tablet é pecado?

43 comentários:

Paulo Cezar disse...

É claro que não é pecado. O tablet, a exemplo de um livro qualquer ou da própria Bíblia, jornal, revista etc., é apenas um suporte textual. Ou seja, um "lugar" ou "espaço" para divulgação de textos pertencentes a um ou mais gêneros discursivos.

Matheus Carrel disse...

Oi pastor Ciro tudo bem?
O tablet ajuda muito..alguns pregam com notebook também.Eu acho muito util.
.
Pastor Ciro vc não se esqueceu das minhas perguntas de Jesus né? é que já faz 10 dias e eu ainda to ancioso pela resposta. Me ajude nessa, por favor.
.
Obrigado !!!
Bom final de semana.
Fique com Deus !!!
T+++

Ricardo Dondoni disse...

Confesso que não resisti ao post!
Pois bem, como é usuário do iPad, resolvi deixar o link abaixo para, se tiver tempo, ler este livro que publiquei FREE no itunes. http://itunes.apple.com/us/book/dominados-pelo-ego/id554513040?mt=11

Um grande abraço Pr Ciro

P.S.: Não há necessidade de aprovar o comentário. Fica a dica e um grande abraço.

WELLINGTON disse...

Pecado é pregar sem unçao, e demorar sem saber como terminar.

Josinaldo disse...

Não vejo nenhum problema, mas vantagens. Temos que aproveitar sabiamente os avanços tecnológicos para melhor servir ao Senhor. Alguns que satanizam tudo, afirmando que os apóstolos não utilizaram de tais recursos, deveriam andar à cavalo, não utilizar microfone e transcrever a Palavra de Deus à mão, como era na antiguidade!!!

Tiago Rosas disse...

Ilustre Pr. Ciro,

É que naturalmente existe uma má recepção em nosso arraial evangélico para o que é novidade. Foi assim com o rádio, com a televisão, com o computador... Não poderia ser diferente com o tablet.

Caberá ao pregador usar com prudência e sabedoria os instrumentos tecnlógicos, que podem facilitar muito o seu trabalho, quer palestrando, ensinado ou pregando.

Unknown disse...

Para quê usar o tablet? a biblia não é suficiente?

Anônimo disse...

Muito coerente o artigo, visto a facilidade que o Tablet possui, não só de armazenar Bíblias em diversos idiomas, mas como armazenar Hinários como a Harpa Cristã o que facilita e muito, isso sem contar as facilidades para pessoas que necessitam de letras mega gigantes para poderem ler.

Artigo muito bom!

Fernando Braga

Thiago Boudny disse...

Oras... Vamos utilizar os pergaminhos novamente, esse negócio de utilizar-se das virtudes da tecnologia é coisa mundana, afinal, é pecado usar até internet...
Ou mesmo fazer viagens a serviço da igreja de avião, o ideal seria de navio, pois os homens de Deus valeram-se desse meio de transporte, aliás, não se pode usar microfone, pois Jesus não pregava com um...
Ironia... Ironia minha!
O que é pecado é não utilizar-se das Escrituras para ministrar e utilizar palestras motivacionais, teatros e jograis que substituam a pregação da palavra...
Sejamos modernos, mas não mundanos! Porque o mundo passa...

Newton Carpintero, pr. e servo. disse...

Amigo e nosso pr. Ciro Zibordi,

A paz amado!

Esta matéria foi uma martelada na cabeça dos "SANTARRÕES". Claro que com todo o respeito!

Sinto muito me expressar desta forma.

Eu utilizo o meu laptop quando vou pregar, pela facilidade em ler com LETRAS GRANDES, apesar de, para perto enxergar normalmente com o lado esquerdo. Com o lado direito, somente após a devida cirurgia que poderá ser realizada no mês de Novembro, se Deus permitir.

O Senhor seja contigo,

O menor de todos os teus irmãos.

Rafael Evandro disse...

Não vejo problema em utilizar not ou tablet para realizar uma pregação. Mas, por outro lado, com o avanço da tecnologia e dos meios de informação, como a internet, vejo alguns irmãos se esquecendo muitas vezes da bíblia, e procurando basear seus estudos e pregações naquilo que encontram na net. Nem tudo o que se encontra ali merece confiabilidade. Não estou dizendo que isso seja erado, mas bom mesmo e manter aquele antigo abito de ter em mãos uma boa bíblia de estudos, como a pentecostal, por exemplo, que possui inúmeras concordâncias e referencias, um bom dicionário bíblico e um da nossa língua portuguesa, uma ótima concordância bíblica e acima de tudo uma vida de oração a Deus pedindo esclarecimento de sua palavra.

Newton Carpintero, pr. e servo. disse...

Caro Thiago Boudny,

A paz amado!

Você me alegra o coração,

O Senhor seja contigo,

O menor dos teus irmãos.

Thiago Boudny disse...

Deus lhe abençoe amado pastor Newton, a Paz de Cristo seja contigo!

Maely disse...

Pra mim , o folhear a bíblia não se compara com um tablet, porém o esbouço tudo bem, até fica bem organizado desde que tenha escrito pelo menos em casa no papel para a memória capitar mais,( o que ver escreve). É muito estranho substituir a bíblia (livro com páginas de papel) e mesmo assim, a maioria dos software usados são piratas... A igreja ainda não está preparada para isso, nem o mundo substitui seus livros, a maioria prefere o manusear e sentir o cheiro do papel; isso ainda trás escândalo, se for usado em público. Uso meu notebook para consulta da bíblia online, mas não dou lugar a preguiça o levando para igreja, afinal as pessoas estão pensando menos, fazendo menos com essas tecnologias.

Luiz Henrique disse...

Acredito que deve haver nesse caso, certo equilíbrio. Como bem frizou o pastor, o tablet é um excelente acompanhante da bíblia. Deixar de levar conosco uma bíblia para os cultos, para levar em troca um tablet ou notebook já é um exagero, um outro extremo.
Mas se pararmos para analisar melhor, talvez haja um risco de desvirtuarmos nossos cultos por causa do uso de tais aparelhos, pelos obreiros do altar e pregadores. É óbvio que com ensinamento e principalmente exemplo por parte dos ministros, a congregação se conscientizará.
Mas imaginemos uma igreja em que principalmente os jovens, mas também todos os congregados totalizando uns 80% do todo, leva um tablet mais a bíblia. Enquanto o culto acontece (louvores, orações, anúncios e o momento da palavra), a maior parte desses com seus aparelhos estão navegando na internet. No momento da palavra, as bíblias estão abertas sobre as pernas para disfaçar a atenção no que está sendo pregado ou ensinado, porém nas mãos estão os aparelhos; conversas e postagens nas redes socias. Ha aí um perigo muito grande por causa da praticidade do equipamento, que se por um lado é um excelente componente para a pregação e o ensino, por outro é um meio de se "desligar" no culto e fazer do templo uma grande "lan house".

Rafael e Josiane disse...

Aceitemos as mudanças com prudência e não com preconceito.
Sejamos conservadores, mas não antiquados.
Cada nova geração que chego se adapta melhor a modernidade do que as gerações anteriores. Precisamos nos adaptar as mudanças que estão acontecendo, senão ficaremos para trás. Por que o bom senso nos ensina que no futuro a digitalização pode dominar sobre o papel impresso.

António Jesus Batalha disse...

Fico triste ao verificar que ainda existe pessoas, que ficam presos a mosquitos,pecado usar tablet, pecado cortar cabelo,pecado ver televisão ectr.ectr.O pecado está na forma como se usa,se tivermos de Deus sabedoria para usa-mos as coisas, verificamos que deixam de ser pecado para ser benção.
Paz meu irmão e que continue a ser o vaso que Cristo quer que seja.
António.

Elaine Cândida disse...

Ah-haha-hahahaaaaaa!!!

Tanta coisa importante para se preocupar, e o povo quer saber se é pecado pregar usando um tablet em vez de uma Bíblia impressa?!?

Honestamente, eu é que fiquei cheia de dúvidas agora:

1)A Bíblia dentro do tablet é diferente da Bíblia impressa?

2) Os textos bíblicos (ou mesmo nossos esboços de pregação) sofrem algum tipo de metamorfose quando deixam de serem escritos em folhas soltas e são digitados num tablet?

3) Se essa lógica que diz ser pecado usarmos a tecnologia para facilitar o manuseio/acesso dos textos sagrados, então deveríamos ainda usar pergaminhos em vez da Bíblia. Afinal, ela é a reunião dos 66 livros separados, e Ela é uma inovação. Uma tecnologia muito avançada, que nos permite levar todos os rolos canônicos de uma só vez e de forma compacta. Foi pecado reunir todos aqueles pergaminhos em um único livro pra nós? Então, por que é pecado reunir esses mesmos livros dentro de um tablet?

4) Tablet é coisa do demônio? Se for, por que serve para as pessoas passearem pela Internet, mas não seve para guardar a Bíblia ou nossos esboços de pregação?

5) E se tablet não é do demônio, então, por que o povo implica tanto com o tablet do pregador em vez de prestar atenção na Palavra que está sendo ministrada?

Afff...

Enquanto homens de Deus estão resgatando almas e edificando igrejas pelo ensino da Palavra, as crianças espirituais procuram pontos finos e insignificantes para discutir, como por exemplo, o lugar onde estamos escrevendo nossos esboços de pregação ou lendo a Bíblia. Tenho certeza que se tivéssemos tudo isso escrito em guardanapos, a Palavra ministrada a alguém cumpriria o Seu propósito e não voltaria vazia do mesmo jeito. Quem nos garante isso é o Senhor (Isaías 55.11). E está escrito tanto na Bíblia impressa quanto na Bíblia dentro do tablet também.

Elaine Cândida

Pr. Laércio Fernandes disse...

Pecado? Ele, Está na mente de quem "pensa", nos "olhos" de quem o vê e na "Lingua" de quem fala!! Acredito que Jesus usaria os bons recursos da tecnologia para que o evangelho fosse pregado ao maior número de Pessoas possiveis.
Vamos levantar a bandeira do Evangelho Genuíno ao inves de nos engasgarmos com coisas tão pequenas que não nos levarão a lugar algum!
Viva a Tecnologia ao nosso favor!
Vamos usá-la a serviço do nosso Mestre.

A Paz do Senhor!!

Pr. Laércio Fernandes disse...

Pecado? Ele, Está na mente de quem "pensa", nos "olhos" de quem o vê e na "Lingua" de quem fala!! Acredito que Jesus usaria os bons recursos da tecnologia para que o evangelho fosse pregado ao maior número de Pessoas possiveis.
Vamos levantar a bandeira do Evangelho Genuíno ao inves de nos engasgarmos com coisas tão pequenas que não nos levarão a lugar algum!
Viva a Tecnologia ao nosso favor!
Vamos usá-la a serviço do nosso Mestre.

A Paz do Senhor!!

Anônimo disse...


Na verdade não devemos usar estas tecnologias porque elas são obras dos illuminatis.
KKKKKK....














Rafael e Josiane disse...

Na verdade não devemos usar essas tecnologias porque elas são obras dos illuminatis.
KKKKKK....

Thiago Boudny disse...

Alguns não compreenderam a questão do artigo, que é nada mais nada menos informar que é um exagero ser extremista e demonizar o uso do tablet em ministrações, dizendo ser pecado.
Em nenhum momento foi dito que era para deixar de usar a Bíblia normal.
Até porque é bom esclarecer aos menos informados, que a Palavra de Deus ela SEMPRE EXISTIU mesmo antes de haver sido escrita.
A palavra de Deus, será sempre a Poderosa Palavra de Deus, seja de forma verbal: oral ou escrita; seja escrita em em papal tradicional, pergaminho, papiro, ou em nossas tecnologias, como computador, notebook, tablet... A Palavra de Deus não vai deixar de ser menos eficaz por estar em um tablet.
O perigo não está em usar um tablet, mas em muitas igrejas, o perigo consiste na substituição da palavra por danças, shows, palestras motivacionais, jograis, dando prioridades a estas coisas sem se importarem com o conhecimento de Deus...
Aliás, deve ficar claro que a ocasião não faz a pessoa, somente revela que a pessoa é. Se você for irreverente, o uso do tablet será apenas um pretexto para expor sua irreverência, mas não é ele que te transforma em um irreverente...

Maxwell Fajardo disse...

No geral o protestantismo sempre teve dificuldade em compreender e lidar com o novo.
O pecado é, evidentemente, aquilo que nos afasta de Deus ou então ema consequência do fato de já termos nos afastado dele. Neste sentido, não vejo qualquer perigo no uso do tablet, pelo contrário, é uma ferramenta utilíssima por sua praticidade!
No entanto, temos que levar em conta o papel que a Bíblia (como livro impresso) representa como símbolo de nossa fé. Quem nunca ouviu um crente sendo identificado como aquele que carrega o livro de capa preta? Lógico que este ditado hoje está ultrapassado, mas a figura da Bíblia como símbolo ainda é presente, principalmente no pentecostalismo, onde não são utilizados outros símbolos no culto(como a cruz no púlpito, por exemplo).
Assim, por mais de um século fomos identificados como os portadores da Bíblia e isto contribuiu positivamente para a criação de nossa identidade. Creio que este é um aspecto em que devemos pensar...

Welson dos Santos Lopes disse...

Prezado pastor Ciro,

Confesso que estou constrangido e preocupado...
Fiz o deposito no valor de 59 reais no dia 21/08 e ate hoje nao recebi meus 2 livros.

Gostaria pelo menos de uma explicacao...

Welson dos Santos Lopes
wdsl@outlook.com

Anônimo disse...

E os seus livros, pastor Ciro? Gotaria de ler no meu iPad.
Abraços.

Eusper Pereira disse...

Um dia desses um amigo me mostrou a Bíblia no celular. Gostei muito. Como disseram os irmãos, com muita propriedade, em outro comentário, podemos ser até conservadores, mas não antiquados.

Eusper Pereira disse...

Um irmão me mostrou um dia desses a Bíblia instalada no celular. Gostei muito. Como disseram os irmãos, com muita propriedade, em um comentário acima, podemos até ser conservadores, mas não antiquados.

SANDRO LUIS DO ESPIRITO SANTO disse...

NÃO É PECADO ! UMA FERRAMENTA QUE PODE MUITO BEM SER UTILIZADA.

SANDRO LUIS DO ESPIRITO SANTO disse...

Não é pecado !

Ferramenta que pode ser muito bem utilizada, ajuda na explanação da Palavra de Deus.

Sandro Luis disse...

Não é pecado !

Ferramenta que pode bem ser utilizada na explanação da Palavra de Deus

Enaldo Junior disse...

Pr. Ciro, Paz do Senhor,

Concordo com muitas coisas no seu blog, mas tenho que discordar dessa postagem.
Vejo muitos comentários do tipo, temos que aceitar a evolução, por que antes a bíblia era feita no papilo e foi se evoluindo etc.
mas todas as formas que as sagradas escrituras tiveram alteração, era somente as sagradas escrituras que la tinham, isso não é o caso do tablet, que por sua vez possui jogos, entretenimento e etc, coisas
que profanam o sagrado púlpito de uma igreja.

E isso é muito mais profundo que imaginamos, daqui a pouco a discussão vai ser, para que levar a bíblia para igreja? meu PASTOR
usa um tablet, vou levar a bíblia no meu Smartphone.

Tem coisas que são marcas registradas pelos crentes, e estamos extinguindo nossas identificações e que se infelizmente abrirmos mãos disso por simples conforto vamos perder umas das maiores identificações dos crentes.

Não sou contra a tecnologia, eu trabalho na areá de TI, e vejo que é totalmente desnecessário o uso de tablet em púlpitos.

Com muito respeito. Enaldo Junior

Ciro Sanches Zibordi disse...

Querido irmão Enaldo,

A paz do Senhor.

Não uso jogos em meu tablet. Ele é empregado de modo exclusivo para estudo, leitura, preparação de artigos, esboços.

Continuo lendo e portando a Bíblia impressa. Mas reitero que não vejo nenhum problema em usar um tablet como sermonário. É útil, prático, não pecaminoso, convém, etc., etc., etc. Eu que prego desde 1988 com esboço de papel posso afirmar que é muito melhor pregar com o tablet.

Um abraço.

CSZ

rivadavia correa jr. disse...

Claro, que não. O lamentável é alguns querendo mostrar outra coisa... Toda ferramenta de nos ajude no trabalho é importante. Só não esqueça de ora e se preparar espiritualmente, aí está a gravidade...Amém!

Anônimo disse...

Pecado é pregar as heresias que estão solta por aí como por exemplo, nova era, teologia da prosperidade distorcida, gnotiscismo e que estão levando muita gente ao engano e pior, perderem a salvação.
Não vejo problema nenhum em pregar com o tablet, mas deixo claro o seguinte: Inovar é só na parte material e não incluir também a parte espiritual e o tablet é um exemplo de inovação material.
O Espiritual não tem como inovar, pregamos apenas a palavra de Deus na Bíbia.

ALEXANDRE disse...

Pecado não é, pelo menos eu acredito assim. O problema é que o tablete, celular, not etc. não são a biblia e sim contém a biblia. Imagine o povo de Deus reconhecido por andar com a biblia agora não anda mais. Sera que é vergonha e se o aparelho pifar, o pregador vai pedir emprestado que lamentável. Fora que é muito tendecioso dentros das igrejas, principalmente para os jovens que podem ser tendados a estar acessando a net na hora do culto. Muito podem dizer isso é ser reacionário a igreja precisa ser modernizar, mas a palavra de Deus me afima que Jesus é a mesma ontem, hoje e o será para sempre.
Que Deus abençoe.

ALEXANDRE disse...

Pecado não é, pelo menos eu acredito assim. O problema é que o tablete, celular, not etc. não são a biblia e sim contém a biblia. Imagine o povo de Deus reconhecido por andar com a biblia agora não anda mais. Sera que é vergonha e se o aparelho pifar, o pregador vai pedir emprestado que lamentável. Fora que é muito tendecioso dentros das igrejas, principalmente para os jovens que podem ser tendados a estar acessando a net na hora do culto. Muito podem dizer isso é ser reacionário a igreja precisa ser modernizar, mas a palavra de Deus me afima que Jesus é a mesma ontem, hoje e o será para sempre.
Que Deus abençoe.

DANNILO STELIO disse...

A título de contribuição sobre o tema, um relato pessoal:

Há algum tempo ganhei de minha esposa um tablet, como presente de aniversário. Coloquei nele Bíblia, Harpa, Mensagens, etc, e passei a levá-lo para os cultos. Não mais levei a Bíblia em papel.

Num certo culto de doutrina, o pastor que estava ministrando (pessoa muito considerada e de elevada posição em nossa denominação evangélica amapaense) começou, no meio da mensagem (que nada tinha a ver com tablet, tecnologia, etc), a verberar contra as pessoas que usavam tablets ou celulares na igreja, e a não trazer mais a bíblia e harpa em papel, inclusive fez alusão aos que, quando a mensagem estava muito chata, ficavam lendo no tablet ou no celular outros conteúdos.

O engraçado é que eu era a única pessoa naquele culto que tinha um tablet. Foi bastante desconfortável, mas a graça divina foi maior.

Pois bem, passaram-se algumas semanas, e esse mesmo obreiro chega no culto com um IPAD !!!!

Sem comentários ...

NATAN disse...

O tablet é de muita utilidade para pesquisas e não é diferente no uso para a ministração da palavra de Deus. Não somente o uso para pesquisas bíblicas, como para adorar ao Senhor, com a harpa Cristã e os playbacks da harpa de ouro, é uma bênção.

NATAN disse...

O tablet é uma ferramenta de muita utilidade, inclusive para quem vai ministrar a palavra de Deus. Eu o uso não somente para pesquisar a bíblia, mas também a H.C., playback da Harpa de Ouro, tirar fotos de algum evento na igreja.
O tablet é apenas mais uma ferramente que temos ao nosso dispor. Graças a Deus.

Pb. Natan Firmino
Assembléia de Deus
Comadalpe
Itambé-PE

Diego Da rocha Silva disse...

OLHA NAO TENHA DUVIDA MEUS QUERIDOS
SE VCS OBSERVAR A BIBLIA FECHADA E UM LIVRO COMUM POREM ABERTA E A BOCA DE DEUS FALANDO TA PRA VCS PERCEBER QUE SO AI PERCEBE-SE QUE AS FOLHAS A CAPA
DA BIBLIA NAO SIGNIFICAM NADA O QUE TEM VALOR NA BIBLIA SAO AS PALAVRAS PORTANTO SE AS PALAVRAS ESTIVEREM CORRETAS SEM NENHUMA DISTORCAO EMTAO NAO TEM PROBLEMA NENHUM USA UM TABLETPARA PREGAR POIS SO O Q MUDA E Q DE PAPEL SE TORNOU ELE TRONICA MAS O CONTEUDO E O MESMO

CRISTIANO MUNIZ disse...

VERDADE NÃO E PECADO NENHUM....MAS E UM INCENTIVO PARA PESSOA LEVAR O CELULAR OU TABLET PARA IGREJA E COMO NOS SABEMOS QUE NÃO DA CERTO PORRRRQUUUE TIRA A CONCENTRAÇAOOOOOOOO....NAQUILO QUE E FUNDAMENTALL, HOJE EM DIA VC NÃO VÊ MAIS CRIANÇAS SENDO BATIZADAS COM O ESPIRITO SANTO POR CAUSA DISSO LEVA O CELULAR PRA IGREJA E ENTREGA NA MAO DA CRIANÇA(PARA ELA FICAR QUIETINHA) ESSA E A GERAÇÃO DE SERVOS DO SENHOR SERÁ?

fmonteiro92 disse...

Muito bem esclarecido por alguns irmãos quem domina o tablet é cada um de nós, pois quem tem o controle do aparelho tem e deve ser cada um de nós, que Deus de sabedoria as lideranças de nossas igrejas pra compreender a evolução da igreja.
Pois são por coisas tão pequenas que estamos perdendo vidas de dentro da igreja para o mundo...............