quarta-feira, 25 de julho de 2012

A “gospelização” está em alta

Pense num beco estreito e sombrio, com calçamento de paralelepípedo, cercado de galpões. Imagine-se entrando por uma das portas, de madrugada. Você avista jovens de jeans rasgado e camiseta preta, cabelo eriçado, bracelete, tatuagem e piercing. Com latinhas de energético à mão, eles dançam sorridentes e saltitantes. Casaizinhos em cantos escuros trocam carícias e beijos...

A descrição acima é de um encontro evangélico (evangélico?) que está se tornando cada vez mais comum, e com o apoio das lideranças, nesses tempos pós-modernos. Estou falando da “balada gospel”, diferente da balada original, mundana, visto que foi “gospelizada” pelos seus frequentadores, pertencentes à “geração gospel”.

Muitos cristãos (cristãos?) do nosso tempo têm usado o adjetivo “gospel” para “santificar” atitudes, posturas, comportamentos, condutas e eventos que outrora estavam relacionados a pessoas que não conhecem o Evangelho. Parte-se da premissa de que o crente tem liberdade para fazer o que quiser e se divertir do jeito que bem entender — mesmo que imite o mundo —, e ninguém tem nada a ver com isso.

“Não me diga que você é um daqueles protestantes retrógrados que ainda pensa que participar de festa junina é impróprio para o cristão. Deixa de ser legalista, meu chapa! Acorda, rapá!”, diria um famoso telepregador gospel. Isso mesmo: já existe o “arraiá gospel”, também conhecido como “festa jesuína”, inclusive em algumas pretensas Assembleias de Deus. O mesmo se aplica a baile e desfile de carnaval, música erotizante (que simula o ato sexual), esporte (esporte?) violento e sanguinário — cuja “bola” a ser chutada ou golpeada com a mão é a própria cabeça do “esportista” —, Halloween (conhecido como “Elohim”), “pegação”, etc.

Como se depreende da leitura deste artigo, “gospelizar” é, pretensamente, “tornar evangélico”. Uma vez “gospelizado”, o que outrora era considerado pecaminoso pode ser praticado livremente, sem peso de consciência. 
O lema dos crentes da “geração gospel” é: “Vamos curtir a vida. Afinal, Jesus não é careta”.

Os líderes e membros das igrejas “gospelizadas” se conformaram com o mundo. Seus cantores se inspiram em astros mundanos, como declarou, há algum tempo, o integrante de uma famosa banda gospel: “A gente ouve Bob Marley, mas só para se informar”. A tônica das mensagens “evangelísticas” pregadas nessas igrejas é: “Venha como está e fique como quiser”.


Empreguei o termo “gospelização” pela primeira vez em abril de 1994, em um texto que escrevi para o jornal Mensageiro da Paz. À época, escrevi: “Os que quiserem podem até pular carnaval, pois já existem blocos de ‘samba evangélico’. Para os apreciadores de bebidas fortes já existe a ‘cerveja gospel’, sem álcool, é claro. E não ficaremos surpresos se lançarem o ‘cigarro gospel’, sem nicotina”. Naquela época, esse texto soou como profético para os conservadores, e ácido demais para os liberais, em razão de o processo de “gospelização” ainda estar em seu início.

Não tenho conhecimento de que o “cigarro gospel” tenha sido inventado. Em compensação, hoje temos o 
“carnaval gospel” , o  “arraiá gospel” , o  “dia das bruxas gospel” , as  “lutas de gladiadores gospel” , o  “barzinho gospel” , a  “balada gospel” , “funk pancadão gospel” ... Como diz um “meme” do Facebook (imagem acima), “Só está faltando o inferno gospel”.

Ciro Sanches Zibordi

56 comentários:

Anônimo disse...

A paz do Senhor,

Meu querido pastor as coisa estão de mau a pior, JESUS ESTAR VOLTANDO,

...Aquele que não nascer da água e do Espírito não pode entrar no Reino de Deus JO C:3 V :5

O Evangelho não tem crescido e sim inchado

Vejo tanta bobagem no meio do povo de Deus, que as vezes não da pra acreditar, o capítulo 3 de João é claro tem que nascer de novo.

Claudiano

1000NOTICIAS disse...

MUITO BOM ESSE ALERTA PASTOR CIRO, PURA VERDADE O QUE O IRMÃO FALOU NO TEXTO,ESTAMOS DESSE JEITO MESMO(MUI- TOS). FICO TRISTE DE VER ISSO NA NOSSA JUVENTUDE, NA IGREJA QUE FAÇO PARTE DEIXARAM O CIRCULO DE ORAÇÃO PARA IR PARA CARNAVAL GOSPEL( MARCHA)ATÉ PESSOAS TRADICIONAIS FALAM MAL DESSE EVENTO QUE VAI UM MONTE DE DESCRENTE PULAR COM ROCKEIROS MISTURADOS COM PENTENCOSTAIS. E PIOR Q NÃO QUEREM QUE FALE-SE A VERDADE NÃO, GOSTEI MUITO DO TEXTO. NO BLOG FALEI SOBRE ESSASCOISAS TAMBEM. O QUE A IGREJA PRECISA MESMO ? SANTIFICAR, EVANGE LIZAR OU SE DIVERTIR ? http://rblog1000.blogspot.com.br/2012/07/marcha-para-jesus-o-que-igreja-precisa.html

Adelino Alves Bonfim disse...

Parabéns, Pr Ciro! Pensei que só eu era contra essa gospelização generalizada que assola nossos templos. Faltou falar do gaygospel. Isso mesmo! O Cidadão é gay, se "converte" nessas reuniões gospeís ou seria cospeis? e continua do mesmo jeito. Usando brinquinho, roupas coloridas, os mesmos trejeitos e manias e ai de quem falar:A Resposta vem pronta: Deus vai transformar! Sim, eu creio que nosso Deus pode transformar ou melhor fazer um novo homem, renascido, mas enquanto isso não acontece, cabe alguém ensinar, orar junto, enfim caminhar espiritualmente com o individuo até a transformação acontecer.
Abraços!
Com vossa permissão, logo republicarei este post em meu blog selecoesevangelicas.blogspot.com

O BLOG DA VERDADE disse...

Prontos,DIZEM que deus quer só o coração......(SEM PALAVRAS)

Anderson Oliveira da Silva disse...

Paz seja convosco!

Eu indico a todos os discordantes e até mesmo ao querido pastor Ciro que assistam a um vídeo no youtube intitulado: Fé, uma razão para evangelizar.

Vejam lá a causa de tantas mudanças no meio evangélico.

As vezes tenho vontade de chorar com tanta indiferença a verdadeira palavra de Deus, ao evangelho genuíno, que transforma vidas e restaura pessoas destruídas pelos vícios e mazelas do pecar.

Eu sou ainda jovem, mas estou sedento pelo retorno das Assembleias de Deus aos seus bons costumes sua tradição e pregação de poder e salvação em Cristo, da qual sou ainda participante em minha congregação. Quando estou em um culto campal me alegro por que nós ainda pregamos, aqui na minha congregação, o evangelho com poder e graça de Deus. Prezamos pelos bons costumes assembleianos, ainda dobramos os joelhos ao entrar no templo, ainda cantamos três hinos da harpa para iniciar o culto, o Espírito Santo ainda é o protagonista do culto, ainda falamos em línguas estranhas, ainda nos vestimos como crentes, ainda temos o pastor como autoridade de Deus, ainda fazemos vigílias, ainda pregamos a Cristo e este crucificado, mas que ressurgiu dos mortos ao terceiro dia, ALELUIA!

ainda nos alegramos com os hinos antigos e que verdadeiramente são espirituais, ainda temos escola bíblica dominical, onde ensinamos o caminho que o crente deve traçar para chegar a glória, ainda pregamos a renúncia, a santificação, o amor aos irmãos, a reverência, o culto e não o show!

Sabem por que?

Por que ainda é uma igrejinha composta por membros simples muitos deles pobres e sem estudos, sem grande eloquência, mas que são cheios do espírito santo e de FÉ!

São esses que ao pregar deixam os sábios enlouquecidos e admirados, que confundem os grandes da terra, que fazem tremer o coração do pecador com uma mensagem simples, mas que vem direto do trono da graça em sinceridade e retidão no que falam, não como muitos pregadores atuais que fazem uma apresentação de teatro nos púlpitos das igrejas.

Como diria a carta aos hebreus: homens dos quais o mundo não é digno!
Simplicidade, fé, humildade, renúncia.É isso que Deus espera do crente e é isso que faz uma igreja ser avivada e diferente do mundo!

Deixo a todos estas minhas palavras de desabafo e de despertamento.

Aleluia!

Fabio Paz disse...

Prezado Pastor Ciro, a Paz do Senhor Jesus. Parabéns pelo artigo. Mas, permita-me fazer uma pergunta: Gostaria de confirmar alguns assuntos relativos à passagens bíblicas, as quais tenho dificuldade de interpretá-las. O senhor poderia enviar-me um e-mail para que eu possa respondê-lo e iniciarmos um diálogo? Meu e-mail é: (fprgraciano@hotmail.com). Obrigado

tadeu disse...

Eles não precisarão inventar porque o HADES está cheio de pessoas assim. Jesus disse: "Quem não é por mim é contra mim; e quem comigo não ajunta, espalha." Esses tais líderes e falsos teólogos estão contra Cristo e ESPALHANDO aquilo que o Senhor quer juntar-almas para o Reino de Deus. Aquele que é mais sublime do que os Céus dirá a estes que convertem em libertinagem a Graça de Deus: "Eu nunca vos conheci; Eu nunca tive um relacionamento com vocês. Apartai-vos de mim vós que praticais a iniquidade.

Newton Carpintero, pr. e servo. disse...

Amigo e nosso pr. Ciro Zibordi,

A paz amado!

Este papo está ficando um pouco gospel em demasia. Risos...

Onde vamos parar com esta ondulação gospel?

Claro que, com certeza, sem sombras de dúvidas, no maior barato, conforme a moçada, em um labirinto chamado inferno gospel.

Estão calçando as ruas do inferno gospel com mínimas e máximas, que proporcionarão um grande parque de diversões chamado de "GOSPELLÂNDIA".

A equipe já está se formando rapidamente. A liderança já está calçando os seus sapatos para bailar. A liderança já está se protegendo com o jeans rasgados para refrigerar a estada no inferno gospel.

Muitos da liderança já assumiram o título de apóstolo dos últimos dias do Final dos Tempos.

A vergonha já está formada com as tatuagens permitidas pelos moderninhos apóstolosinhos.

O engano possue a marca gospel. A marca gospel engana a maioria.

O conhecimento bíblico passou de raspão e se foi.

As luzes aumentarão para iluminarem aos que não possuem a luz de Cristo. Muitos estão adoçicados pelo evangelho gospel e já não são mais o sal da terra.

A porta estreita está se fechando e a porta larga está cada vez mais aberta.

Final dos tempos!

O Senhor seja contigo, nobre atalaia,

Eu, cada vez menor e muito resmungão com esta Falácia Gospel da Gospellândia iniciada por irresponsáveis da liderança... argh... evangélica gospel.

Thiago Rocha disse...

Triste realidade Pastor Ciro, onde vamos parar?
Lembro-me que há seis anos atrás recebi um convite pelo orkut para uma balada gospel em Fortaleza, o que logicamente causou-me estranheza pois como cristão creio que isso não se coaduna com a palavra de Deus, no entanto em muitas ocasiões foi duramente criticado por algumas pessoas pelo fato de manter minha irredutível postura ante a essas esquisitices.o que o senhor tem a me dizer e qual deve ser minha atitude para com meus amigos que aderem a"gospelização"?

Thiago Rocha disse...

Triste realidade Pastor Ciro, onde vamos parar?
Lembro-me que há seis anos atrás recebi um convite pelo orkut para uma balada gospel em Fortaleza, o que logicamente causou-me estranheza pois como cristão creio que isso não se coaduna com a palavra de Deus, no entanto em muitas ocasiões foi duramente criticado por algumas pessoas pelo fato de manter minha irredutível postura ante a essas esquisitices.o que o senhor tem a me dizer e qual deve ser minha atitude para com meus amigos que aderem a"gospelização"?

Pb. Marcelo Miranda disse...

Glória Deus! Maravilhoso texto e alerta aos que ainda não fazem esta "gospelização", mas já planejam fazer para "atrair" membros, se bem que acho que vão atrair mesmo, mas não para o rebanho do Senhor e sim para o inferno, que como no seu texto um dia podem invetar um "inferno gospel" se isso acontecer os candidatos já estão se apresentando através de organização, planejamento, realização e principalmente participação nestes eventos "gospel". Que Deus abra os olhos das lideranças em nome de Jesus Cristo!

Fabio Paz disse...

Prezado Pastor Ciro, A Paz do Senhor Jesus. Parabéns pelo artigo. Mas, permita-me fazer uma pergunta: Existem algumas passagens bíblicas, as quais tenho dificuldade de entendê-las, de modo que eu gostaria de fazer algumas perguntas ao Pastor. Você poderia me responder um e-mail para iniciarmos um diálogo? Meu e-mail é: (fprgracianoARROBAhotmail.com). Obrigado.

Zilton Alencar disse...

Texto pertinente, pr. Ciro! Embora eu divirja em alguns aspectos (que não vêm ao caso), sua coerência ao analisar a situação da gospelândia de nossos dias é perfeita! O sr. se esqueceu dos filmes porno-góspeis, que já estão surgindo por aí, com atores e atrizes crentes, dizimistas fieis... Aos poucos, a "igreja laodicense" está criando novos corbãs... É pecado, mas a gente dá um jeitinho em tornar um pecado-gospel...

Que o Senhor Jesus o mantenha firme, como voz profética em meio a uma igreja desvirtuada, chamando-a ao arrependimento e à prática das obras antigas!

Zilton Alencar disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Preletora Jurema disse...

Gosto muito de ler os seus textos. Quem dera se todos os pastores se dedicassem ao estudo das Escrituras. Que Deus te abençoe.
Jurema de Souza Martins
http://preletorajurema.blogspot.com

Maria Valda disse...

Parabéns pela coragem de falar um assunto que até virou moda e não tem mais que segure...

Com certeza estamos já época em que a Bíblia diz: que é santo se santifique mais ainda, e quem é sujo se suje mais ainda.
Mas vamos falar, ainda que ninguém ouça... vamos escrever contra o pecado, ainda que ninguém queira escutar...
Parabéns Pastor Ciro.

Marcos disse...

O que me veio a mente ao findar a leitura desta postagem do Pastor Ciro é: Amém, ora vem Senhor Jesus. Que Deus continue a abençoa-lo e também a seu ministério Pastor Ciro.
Marcos.

Ronildo Chaves disse...

Paz do Senhor. Sei que não tem quase nada haver com o seu artigo, mas fiquei com dúvida quanto a um video no youtube de um pregador famoso que afirma que seu pai que é incrédulo e alcoolatra expulsou um demonio. De acordo com as escrituras o que o senhor acha disso? segue link http://www.youtube.com/watch?v=kL-Iq4jKgEU

Thiago Boudny disse...

A paz do Senhor pastor Ciro!
O que veio de imediato na minha mente foi:
Como a liderança de hoje vai se comportar ante essa afronta aos princípios da palavra( a essa "gospelização")?
Que todos nós busquemos sabedoria em Deus!

Irmão Milton César Soares disse...

A Palavra de Deus nos fala, conhecereis a Verdade e a Verdade vos libertará, esse estilo essa palavra gospel tudo pode, tudo se pode muitos líderes hoje estão se equivocando ou eu, como eles falam sou arcáico tradicional, daqui a pouco inventam Sexo Gospel e por ai vai, lembrando examine as escrituras seja sencivel ao espirito Santo, mais estamos no fim, que se santifique os Santos e se sujam os modernos atraidores de jovens mais não buscadores e tranformadores de mentes fracas poluidas enganadas por satanas e libera tudo, vamos encher a igreja vamos atrair mais gente, então libera e as portas do céu se fecham para enganados e enganadores, e a porta do inferna se alarga cada vez mais... CUIDADO POVO DE DEUS LEIA A BIBLIA E VISITE ESTE BLOG DESTE HOMEM DE DEUS.... IRMÃO MILTON CÉSAR PINHEIRO MARANHÃO

Thiago e Teresa disse...

Pior que hoje se você não participa de certos eventos gospels dentro e for das igrejas vem logo os julgamentos de que você é santarrão ou que aponta a trave no olho dos outros..É o que tenho dito nesses dias, hoje ta difícil ser crente até nos meio dos crentes..O negocio ta complicado pastor!!

P.S - Inferno gospel? Acredito que já exista!!

Elaine Cândida disse...

Fez-me lembrar um texto que recebi do Evangelizarte, há alguns anos...

Vale à pena refletir!


Se é "gospel", pode?

Acordei esta manhã e fiz minha prece gospel. Liguei o som e botei um cd de punk-rock gospel enquanto colocava minha vestimenta gospel. Então saí para dar um rolê gospel.

Na banca de jornal comprei uma revista de fofocas gospel, e fui lendo enquanto viajava de ônibus até o centro da cidade, onde teria uma "parada" gospel com uns amigos skatistas.

Parei de ler quando reparei em uma mina gospel, muito gatinha, de calça e mine-blusa gospel. Comecei ali mesmo no buzão uma paquera gospel e perguntei à brotinho gospel se queria ficar comigo. Ela, como "ficante" gospel, topou.

Convidei-a então para tomarmos um drink gospel em um barzinho gospel super badalado que conheço.

Depois fomos a um cinema gospel, onde no escurinho, podia então dar uns amassos gospel nela. Mão gospel boba pra cá... mão gospel boba pra lá, estávamos a mil. Então depois do cine resolvemos ir até uma balada gospel descarregar nossa adrenalina toda em uma danceteria gospel. Yeah! Demais!

Escureceu e não deixei ela ir pra casa. Convenci ela que sendo eu um cara gospel, não iria só "ficar" com ela, mas que logo-logo assumiria um namoro gospel. E, com base nessa promessa a convenci a esticarmos nosso programa gospel, levando-a até um hotel gospel onde fizemos um amorzinho gospel.

Depois, acompanhei a “mina gospel” até em casa, e ela me convidou para entrar. Conheci seus pais, crentes liberais, não muito gospel, mas gente-fina! Subimos até o seu quarto pois ela queria me mostrar seu cantinho gospel. Notei nas paredes pôsteres de seus artistas gospel preferidos e ela mostrou-me sua coleção de cds de reggae gospel, rap gospel e música eletrônica gospel.

Enquanto ela foi até o banheiro, dei uma lida em seu diário gospel e vi que ela registrava todas as suas aventuras gospel com os carinhas gospel que conhecia. Fiquei imaginando que o meu nome e o que fizemos preencheriam as próximas páginas daquele caderno gospel.

Ficamos conversando até tarde e ela convidou-me a dormir na casa dela. Liguei pra minha mãe para avisar e ela embaçou na minha, porque não é gospel, é crente caretona. Gastei saliva para conseguir sua aprovação, garantindo que a noite seria completamente gospel e, assim, a tranqüilizei.

Trancamos a porta do quarto, acendemos um baseado gospel, curtimos uma viagem gospel em nossos delírios e depois fomos dormir... ela de roupa íntima gospel e eu, uma vez que não tinha outra roupa na mochila, fui pra cama só de cuecão gospel mesmo.

De madrugada acordei e vomitei um pouco, o que, a fez despertar. Então ligamos o chuveiro e tomamos um banho gospel quentinho. Carícia gospel pra cá... carícia gospel pra lá... não preciso dizer que acabamos fazendo um "sexozinho" gospel novamente, né?...

Adoro esse negócio de ser gospel. Coitados dos meus pais crentes e de meu irmão evangélico mais velho... na época deles não existia ainda esse estilo de vida gospel com total liberdade. Faço o que quero, sem problemas, afinal se é gospel, pode!

Nos finais de semana, enquanto meus pais vão na igreja, eu vou pro "louvorzão" e aos points gospel com meus gospel friends. Cada um na sua!

Minha mina é gospel, meus programas, o que compro, o que consumo, tudo é gospel... logo, não estou pecando, certo? ...Afinal de contas eu sou jovem.

...E tenho que aproveitar a vida!

Matheus Carrel disse...

Parabéns pelo texto !!!
Pastor Ciro em relação a música pesada na Igreja, fui questionado por uma pessoa que me disse que a valsa, que é o ritmo de boa parte das musicas dos hinários e da harpa cristã tambem nao deveria ser usada na igreja, pois é de origem pagã. Isso é verdade?
Ele também disse que se eu for radical com os estilos de música eu deveria apenas gostar de música judaica, que é a única que tem base bíblica porque é a única que consta na bíblia.
O que vc me diz sobre isso que eu ouvi?
Por favor me responda.
Obrigado.
T++

Gildo Gomes disse...

A paz irmão Ciro, felicitações pelo brilhante artigo.

Luiz Henrique 22 - Volta Redonda disse...

A Paz do Senhor Jesus pastor, é a primeira vez que comento. Descobri o blog a alguns dias quando li um livro seu (erros que os pregadores devem evitar) e já estou lendo "evangelhos que Paulo jamais pregaria". Fui direcionado, creio, que pelo Espírito aos seus trabalhos, já que tenho travado uma batalha onde congrego contra a primazia que a vida terrena e material (riquezas, prosperidade financeira e física) tem tido em boa parte dos cristãos e até dos nossos cultos. A coisa por aqui "tá feia"! Mas vamos continuar combatendo o bom combate, conforme nosso ilustre irmão ap. Paulo, e agora observando e aprendendo com o amado pastor, dentre os grandes exemplos e mestres que nos ajudam no conhecimento de Deus. Que o Senhor abençoe sua vida pastor, e de toda sua família, é o que ora a Deus esse que vai procurar sempre visitar esse blog, e comentar se possível. Ah sim, muito pertinente o texto sobre a "gospelização" em nossos dias. Como o senhor pastor, escreve em seu livro, imagino Paulo em nossos dias convivendo com isso, seria muito estranho para ele esse evangelho, para não dizer assustador, como os são para nós (alguns).

Anônimo disse...

e então virá o fim.

Daniel Moreira disse...

Faltou o "butecrente" (Buteco de crente) rsrs.

Existe um livro do Paulo Romeiro que chama "Evangélicos em Crise" que tbem "soou como profético".

Hoje, para se ter ideia, algumas seitas do passado são consideradas evangélicas.

É a triste e dura realidade de nossos tempos.

Que Deus nos ajude!

Anônimo disse...

Eu fico triste com algumas igrejas e alguns pastores que defendem esse modo de evangelizar.Mas eu tenho certeza de que são apenas uma pequena minoria.Eu defendo a prática da verdadeira doutrina onde jovem da igreja só namora com pessoa da igreja, onde há discernimento por parte dos líderes da igreja. Hoje, certas igreja têm deixado as orações, os jejuns, a palavra e, é nisso que dá.Eu sou diácono na minha igreja e no meu serviço social tenho amparado com cestas básicas famílias crentes da igreja, desestruturadas, onde vêm precisar até mesmo de cestas básicas, e quando eu vou tentar entender o porquê, me deparo com a triste realidade: Aquela jovem casou com um rapaz do mundo que nunca se converteu e em consequencia todo o seu lar ficou desestruturado socialmente, psicológicamente,espiritualmente e financeiramente. No meu lar não admitimos novelas, programas de humor, filmes malignos,e a maior parte de programações diabólicas de TVs. O meu pastor proibiu toda manifestação alusiva a papai noel, coelhinho da páscoa, festas juninas... Eu sou da igreja presbiteriana, considerada uma igreja fria, mas eu lamento que algumas igrejas pentecostais estejam fazendo isso, pois eu admiro muito a doutrina pentecostal. Até mesmo o batismo com o Espírito Santo eu já recebi e muito admiro as Ass. de Deus pelo seu modo de evangelizar com ímpeto e coragem, pela sua doutrina. Infelizmente eu fico triste quando vejo uma igreja pentecostal fazer isso.Muitos da minha igreja querem o fogo, querem mais do Espírito e não tem , não tem essa revelação, não tem essa coisa maravilhosa que os pentecostais têm. Contudo , muitos pentecostais têm o enchimento do Espírito, tem poder para evangelizar, tem uma igreja onde se pode ter os dons do Espírito, mas não sabem dar o valor a essa riqueza que Deus lhes dá.

Tamar disse...

Faltou o judaísmo gospel, a macumbaria gospel, o romanismo gospel e o onguismo gospel.

Matheus Carrel disse...

Pastor Ciro responda a minha pergunta acima sobre a música já que estamos falando se show gospel.
Obrigado..
T++

Tassiana disse...

A paz do Senhor pastor Ciro.
Parabenizo-lhe pelo artigo, infelizmente isso é corriqueiro... Aqui na minha cidade houve o Arrasta Fé durante as festas jesuínas e no carnaval cada "evangélico" que participou das festas tinham o seu AbaDeus... E infelizmente são pessoas que tratam de forma pejorativa e até agressiva quem é contra essas coisas que nada tem de cristão. Eu me recuso a chamar essa galera gospel de Cristãos...
Deus lhe abençoe grandemente.
Continue mostrando a verdade.

André Gonçalves disse...

Graça e paz!

Pr. Ciro,

Parabéns pelo texto e também pelo livro "Erros Escatológicos que os Pregadores devem Evitar". Recomendo!

A Palavra de Deus diz: "Sujeitai-vos, pois, a Deus, resisti ao diabo, e ele fugirá de vós." Tg. 4.7

O problema é que o movimento gospel não se sujeita a Deus, tampouco resisti o diabo, que por sua vez não foge deles. O diabo percebeu que os "gospel's" tinham uma "leve" inclinação para o mundo. O que ele fez? Ofereceu um mundo misturado com igreja para enganar os incautos! E a estratégia do inimigo vai dando certo.

É tempo de vigiar, orar e não se conformar com este mundão gospel.

Em Cristo,
André Gonçalves

Jefferson Sarmento disse...

Pastor Ciro,
A "gospelização" está tão em alta que já existe até pornô gospel...

João Paulo M. de Souza disse...

Caro pastor Ciro, a paz do Senhor!

De acordo com o que avalizam as Escrituras, todas as pessoas que se envolvem com a "gospelização" não têm nenhum compromisso com o Deus da Palavra (1 Pe 1.15, 16). Santidade convém à Igreja, não a falsos irmãos (Gl 2.4) que querem transformar a liberdade cristã em libertinagem.

Em Cristo,

João Paulo M. de Souza
www.joaopaulomsouza.blogspot.com

Honório Guedes disse...

Pastor Ciro a Paz do Senhor! Parabenizo-o pelo texto claro como o leite, e infelizmente descreve uma realidade preocupante em nosso meio evangélico! Que o Senhor tenha misericórdias de nós...

Abraços fraternais,

Luciano de Paula Lourenço disse...

Pr. Ciro, fico triste com tudo isso que está acontecendo! Aqui em Fortaleza, tem uma banda “gospel” chamada “arrasta crente”. A culpa de tudo isso é dos líderes que apóiam e incentivam essa postura mundana que tem escandalizado o nome do Senhor Jesus. Certamente que pagarão caro por estes comportamentos infames e malignos.
“Quem é injusto, faça injustiça ainda; e quem está sujo, suje-se ainda; e quem é justo, faça justiça ainda; e quem é santo, seja santificado ainda”(Ap 22:11).

Tadeu de Araújo disse...

Pastor Ciro, graça e paz!
Não somos o dono da verdade, a palmatória do mundo, e não estamos acima do bem e do mal.
No entanto, temos conhecimento de causa, que todos que chegam a denunciar, mesmo de maneira respeitável, os absurdos que têm entrado nas igrejas brasileiras, inclusive, na nossa Assembleia de Deus-Ministério Belém ou Missão, são vistos como revolucionários e inimigos do Evangelho, por diversos pastores, que se veem intocáveis, muito embora seus testemunhos comprovados, deixam a desejar.
É claro que não concordamos com aqueles que agem como promotores de acusação sistemática, melhor dizendo, acusam por acusar.
Aplaudimos, entretanto, a todos que, respeitando aqueles que erram, não deixa de mostrar o que é necessário corrigir.
Perdoe-nos a sinceridade, todavia, se o Altíssimo ressuscitasse Daniel Berg e Gunnar Vingren, e eles viessem ao Brasil, talvez sofressem infarte fulminate, tendo em vista a situação por que passa nossa denominação, não somente no tocante a modismos, bem como a outras mazelas as quais nos recusamos comentá-las.
Que o Eterno acorde do sono da indolência e omissão, todos os líderes que, infelizmente, precisam ressuscitar, ou seja, mudar de atitudes em relação a tudo que deve ser corrigido.
Em Cristo,
Tadeu de Araújo

CAP disse...

As inovações nas igrejas estão em alta, porém os enganos também, no meu tempo não tinham essas coisas: evangelizações, conversões e pregações poderosas de salvação tocavam os não crentes e edificavam as nossas vidas e hoje parece que alguns dizem que é caretice e não gostam de ouvir a verdade, a onda é essas modernidades. Precisamos fazer duas coisas: santificação e evangelização com amor além claro de pregação dentro da Palavra de Deus com fevor.
Ao invés disso, hoje vemos, teologia da prosperidade, Nova Era, ocultismo, advinhações, transformando pulpitos em bancadas de noticias, distorções grosseiras da Palavra de Deus, unção do riso, dança pra cá, dança pra lá etc..., coisas erradas estão acontecendo e se não frearmos e se não ensinarmos o que é o certo para as futuras gerações, tudo irá ficar contagioso e aí, acabou, não terá mais jeito.
Precisamos retornar com urgência o EVANGELHO CLÁSSICO, SIMPLES E PURO, é isso que Jesus gosta.

HARLLAN CABRAL REGO disse...

Só para lembrar Pastor Ciro que essa Palavra Gospel em inglês significa "evangelho" usam esse termo mais é como uma jogada de marketing para atração

Cláudio Bezerra/CANAÃ FORTALEZA disse...

Paz do Senhor esteja convosco,sábias vossas palavras que o Espírito do Deus vivo lhes conceda sabedoria para anunciar o evangelho como nos foi comissionado nas escrituras.Devemos sim, orar pela misericórdia de Deus à aqueles que ainda não conseguem ver o evangelho como ele é puro e simples.Que o Senhor lhes conceda também um dia a verdadeira sabedoria.

Cláudio Bezerra/CANAÃ FORTALEZA disse...

Paz do Senhor esteja convosco,sábias vossas palavras que o Espírito do Deus vivo lhes conceda sabedoria para anunciar o evangelho como nos foi comissionado nas escrituras.Devemos sim, orar pela misericórdia de Deus à aqueles que ainda não conseguem ver o evangelho como ele é puro e simples.Que o Senhor lhes conceda também um dia a verdadeira sabedoria.

Luciano Santos disse...

Perfeito Pastor! A gospelização tá tomando conta e pena que isso ta encontrando guarida até nas igrejas mais tradicionais... sinais da volta de Cristo!

Célio Raposo disse...

bom dia pastor, estam tentando gospelizar as tatuagens
da uma olhada no vlog desse rapaz "gospelvlogger" (muito boca suja por sinal) e me responde por favor pois fiquei indignado com isso...

Célio Raposo disse...

segue o link http://www.youtube.com/watch?v=WdtWw0ZVqfU&feature=related

Paz do Senhor esteja contigo...

Diógenes Spartalis disse...

Graça e paz pastor Ciro!

Também tem o Universitário Gospel...

Damarys disse...

Eu tenho aquele livro
de adolescente.
depois que o li, minha vida mudou totalmente, me batizei nas águas e
estou seguindo os passos de cristo.
quero ser uma benção na casa do senhor!

A Paz disse...

O Que planta hoje colhe a manhã. Um resumo do filme "A Jornada" hoje estamos vivendo a historia contada naquele filme.

Jenifer Takahashi disse...

Pastor Ciro
Tenho apenas 19 anos e acho que o senhor está de perabéns pelo texto no blog, hoje em tudo está liberal de mais. Todos estão ficando cegos pelas armadilhas de satanás e esquecem das sagradas escrituras e o que Deus nos ensinou por meio de seu filho amado Jesus.
Parabéns pelo blog!
Saldo o pastor na paz do Senhor!

Apologeta disse...

Saudações apologéticas Pr. Ciro. Tire-me uma dúvida sobre esse texto:

“Descoberta
Akatakaluptos, ( “descoberto” (fornecido de a, elemento de negação, e katakaluptõ, “cobrir”), é usado em I Cor. 11.5,13 (“descoberta”), com referência a injunção proibindo as mulheres estarem sem “véu” ou “descobertas” nas reuniões da igreja. ¶Pouco importando que tipo de cobertura seja, deve estar na cabeça como “sinal de poderio” (I Cor. 11.10), e cujo significado é indicado em 1 Cor. 11.3 no assunto de supremacia, e cujas razões são dadas em 1 Cor. 11.7,9 e na frase “por causa dos anjos” (1 Cor. 11.10), indicando o testemunho e interesse deles naquilo que indica a supremacia de Cristo. As injunções não eram nem judaicas, que exigiam que os homens cobrissem a cabeça na oração, nem gregas, pelas quais homens e mulheres ficavam igualmente com a cabeça “descoberta”. As instruções do apóstolo Paulo eram “mandamentos do Senhor” (1 Cor. 14.37) e eram para todas as igrejas ( 1 Cor. 14.33,34).” (Dicionário Vine – O Significado Exegético e Expositivo das Palavras do Antigo e do Novo Testamento, pág. 547. 2ª Edição, 2003. Rio de Janeiro, Brasil. CPAD).

Então amado pastor, se isso é realmente verdade então o Dicionário Vine, aprovado pelo Conselho de Doutrina da CPAD APÓIA o uso do véu por parte dos cristãos (mais especificamente, cristãs)? E ainda pior, se tal asseveração tem fundamento, todos os cristãos que não praticam estão pecando????

Grato amado pastor.

Apologeta disse...

Paz do Senhor amado pastor Zibordi! Bem venho com mais uma suposta afirmação por parte de membros da CCB usando livros evangélicos:

1) “O mandamento “saudai-vos uns aos outros com ósculo santo” não é uma simples sugestão para quem quiser praticá-lo, mas uma exortação ao povo cristão para que lhe obedeça.” (Kauffman, Daniel. Doutrinas da Bíblia, pág. 332. Publicadora Lâmpada e luz - com permissão para - Literatura Monte Sião do Brasil. Boituva – SP).

2) “A maioria das igrejas evangélicas tem, por suas ações, aceitado implicitamente que alguns mandamentos bíblicos não devem ser adotados por atacado em nosso tempo e cultura. Por exemplo, o mandamento de saudar uns aos outros com ósculo santo aparece cinco vezes no Novo Testamento, e não obstante poucas são as igrejas que observam esta ordem hoje”. (Virkler, Henry A. Hermenêutica Avançada – Princípios e Processos de Interpretação Bíblica; págs. 171,172. Editora vida, São Paulo – Brasil).

3) “O “beijo” ocorria entre pessoas do mesmo sexo”. (Vine. W. E; F. Unger Merril; White Jr. Dicionário Vine – O Significado Exegético e Expositivo das Palavras do Antigo e do Novo Testamento. Pág. 432. CPAD. Rio de Janeiro – Brasil).

4) “Descoberta
Akatakaluptos, ( “descoberto” (fornecido de a, elemento de negação, e katakaluptõ, “cobrir”), é usado em I Cor. 11.5,13 (“descoberta”), com referência a injunção proibindo as mulheres estarem sem “véu” ou “descobertas” nas reuniões da igreja. ¶Pouco importando que tipo de cobertura seja, deve estar na cabeça como “sinal de poderio” (I Cor. 11.10), e cujo significado é indicado em 1 Cor. 11.3 no assunto de supremacia, e cujas razões são dadas em 1 Cor. 11.7,9 e na frase “por causa dos anjos” (1 Cor. 11.10), indicando o testemunho e interesse deles naquilo que indica a supremacia de Cristo. As injunções não eram nem judaicas, que exigiam que os homens cobrissem a cabeça na oração, nem gregas, pelas quais homens e mulheres ficavam igualmente com a cabeça “descoberta”. As instruções do apóstolo Paulo eram “mandamentos do Senhor” (1 Cor. 14.37) e eram para todas as igrejas ( 1 Cor. 14.33,34).” (Dicionário Vine – O Significado Exegético e Expositivo das Palavras do Antigo e do Novo Testamento, pág. 547. 2ª Edição, 2003. Rio de Janeiro, Brasil. CPAD).

Diante do exposto, realmente os adeptos da CCB estão certos? E quanto às igrejas que não praticam tais mandamentos???

Grato e aguardando sua resposta...

Apologeta

Anônimo disse...

Pastor Zibordi, pode um pastor consumir drogas antes de ir pregar?
http://www.youtube.com/watch?v=SMWtyPK3fKw

Marcos Roberto
Recife-PE

REINALDO ABREU TRINTA JUNIOR disse...

PASTOR CIRO,

NO MOMENTO, ESTOU SEM PALAVRAS, OU MELHOR NEM CONSIGO DIZER O QUE QUERO. O QUE PENSO E O QUE DEVEMOS FAZER EM SALVAMENTO DAS LIDERANÇAS QUE SATANAS COOPITOU, COM ÉTICA, RESPEITO E AUTORIDADE ESPIRITUAL. ISSO NÃO DEVE SER CHAMADO A ATENÇÃO SOMENTE POR PASTORES, POIIS, ESTES ANTES SÃO SERVOS, E EU E OUTRO, ALEM DO SENHOR TAMBÉM DEVEMOS COMBATER O ERRADO, MESMO QUE DE PRESIDENTE DE CONVENÇÕES. SENÃO, SEREMOS COBRADOS POR JESUS. POE R FAVOR, FOI UM DOS BLOGUES QUE MAIS GOSTEI, MAIS PARECIDO COM O MEU CARATER. PRECISO QUE DEIXE O SEU CONTATO, OU LIGUE A MIM: (98) 81884717; (98) 32435924

Ciro Sanches Zibordi disse...

Agradeço a todos os leitores e amigos pelos comentários. E peço desculpas por não poder responder a todos de modo individual em razão das minhas ocupações diárias.

Um grande abraço.

CSZ

REINALDO ABREU TRINTA JUNIOR disse...

QUERIDO PASTOR CIRO,

CONTINUO A AGUARDAR O SEU TELEFONE, SE POSSÍVEL, SEJAS BREVE!

CASO NÃO POSSA POSTAR SEU FONE, MANDE-ME ATRAVÉS DE MSN NO CELULAR: (99) 8188-4717.

Ciro Sanches Zibordi disse...

Reinaldo,

Agradeço-lhe pelo envio do seu telefone. Se desejar, podemos conversar pela Internet, pois há algum tempo resolvi não divulgar telefones na grande rede, em razão de alguns problemas e atitudes inconvenientes perpetrados por alguns internautas.

A paz do Senhor.

CSZ

jairo goncalves disse...

Que a paz estava contigo pastor,achei bem interresante esse post pois fala diretamente de pessoas que querem trazer o mundo pra dentro da igreja e eu ja ouvi falar até de porno gospel,então creio que por um evangelho razo que se tem pregado,junto com a falta de busca do conhecimento da palavra faz com que cheguemos ao ponto de mundanizar o evangelho!!!
a algum tempo leio seu blog concordo com muitas coisas outras nem tanto,mais concordar com tudo seria quase surreal mais tenho aprendido quando leio e tem me edificado que Deus continue usando o senhor como canal de benção no mais graça e paz!