sexta-feira, 8 de julho de 2011

Carta aberta ao Dr. Drauzio Varella


Prezado doutor Drauzio Varella, respeito muitíssimo o senhor como médico. Suas instruções, em programas de TV e na Internet, são excelentes e ajudam as pessoas a terem uma vida mais sadia.

Acabei de ler o seu artigo “Violência contra homossexuais”, em seu site. Gostei de boa parte das suas argumentações e considerei que, de forma geral, a sua abordagem como médico sobre esse assunto cercado de tanta polêmica foi bastante equilibrada.


O senhor está correto ao considerar abusiva a conduta de pastores que querem forçar os homossexuais a serem heterossexuais. E devo lhe dizer, inclusive, que os pastores que se prezam jamais interferem desse modo na vida das pessoas. Eles tão-somente pregam em tese, e não de modo direcionado, ofensivo e ridicularizante, a respeito do que é certo ou errado à luz da Bíblia.


Entretanto, com todo o respeito, gostaria de contestar uma parte do seu artigo. Ei-la: “A sexualidade não admite opções, simplesmente é. Podemos controlar nosso comportamento; o desejo, jamais. O desejo brota da alma humana, indomável como a água que despenca da cachoeira”.


De fato, a sexualidade não admite opções. O ser humano não escolhe se será homem ou mulher. Ele nasce menino ou menina. Quanto à homossexualidade, penso que não deve ser equiparada à masculinidade ou à feminilidade. Digo isso, não por preconceito, e sim por causa da própria fisiologia. Afinal, a mulher grávida, quando vai fazer a ultrassonografia, ela quer saber se o seu filho é macho ou fêmea, não é mesmo?


Pelo que tenho pesquisado, há vários fatores que podem contribuir para a manifestação do comportamento homossexual, ao longo da vida. Mas nenhum cientista conseguiu comprovar que a homossexualidade está ligada à genética. Não existe gene gay.


Reconheço, por outro lado, que existe a possibilidade de alteração de gene, decorrente de maus tratos na infância, por exemplo, conforme tem noticiado a revista Nature Neurosciense. E entendo que isso pode fazer com que o infante ou o adolescente venham a adotar um comportamento que não corresponda à sua fisiologia. Mas isso não significa que alguém já nasça homossexual.


O senhor também disse, de modo poético, que podemos controlar o nosso comportamento, mas não o nosso desejo: “O desejo brota da alma humana, indomável como a água que despenca da cachoeira”. Com toda a sinceridade, considero muito perigoso esse raciocínio e explico por quê.


Muitos psicopatas têm o desejo de matar, não é mesmo? E o estuprador? Também tem o desejo de violentar mulheres. Da mesma forma, os pedófilos e efebófilos têm desejo de abusar de crianças e adolescentes. E assim por diante.


Por conseguinte, se considerarmos — com base na tese de que o desejo é indomável 
como a água que despenca da cachoeira — que o ser humano, por causa disso, tem liberdade para agir conforme o seu desejo, por que temos ojeriza dos psicopatas, estupradores, pedófilos e efebófilos, e queremos que eles sejam condenados por seus atos?! Afinal, o desejo é indomável como a água que despenca da cachoeira. Como controlá-lo?

Vou exagerar um pouco agora. Digamos que pedófilos e efebófilos, aproveitando-se do precedente aberto pelo STF, ao liberar a passeata pela legalização das drogas, se reúnam em uma grande passeata na Avenida Paulista, em São Paulo, com cartazes, serviço de som, e comecem a gritar: “Estamos cansados de ser discriminados neste país! Pedimos cadeia aos fundamentalistas religiosos que pregam o preconceito pedofilófobo e efebofilófogo. Nós não escolhemos ser pedófilos e efebófilos, pois o nosso desejo é indomável como a água que despenca da cachoeira”. Estarão eles certos em sua reivindicação?


Caro doutor, parece um grande exagero o que estou falando, mas não estou comparando 
isto com aquilo. Apenas quero lhe dizer que, para mim, é evidente que a sua tese é frágil e facilmente refutável. Reconheço que o senhor recebeu do Criador uma inteligência acima da média e não quero, de modo algum, ofendê-lo. Por isso, com todo o respeito — reitero —, peço-lhe que reveja a sua posição, a fim de que não incorra em simplismo e preconceito contra os evangélicos e católicos.

Cordialmente,


Ciro Sanches Zibordi

36 comentários:

Anônimo disse...

Olá, acompanho o seu blog semanalmente, o ouvi ministrar em uma manhã na cidade de Campo Grande/MS, na escola bíblica.
A respeito do artigo, é necessario cartas abertas sim, contestar e apontar o que não está de acordo com a verdade. O Dr. Drauzio atinge uma grande massa da população, quantas pessoas ja não leram este artigo, e até concordam, mais muitos não ousam relatar e publicar tais bases insólidas em que estão estruturados.
Porque é indispensável que o bispo seja irrepreensível como despenseiro de Deus, não arrogante, não irascível, não dado ao vinho, nem violento, nem cobiçoso de torpe ganância; antes, hospitaleiro, amigo do bem, sóbrio, justo, piedoso, que tenha domínio de si, apegado à palavra fiel, que é segundo a doutrina, de modo que tenha poder tanto para exortar pelo reto ensino como para convencer os que o contradizem" (Tito 1:5-9).
Géssika Choir

Izaldil Tavares de Castro disse...

Caríssimo irmão, Pr. Ciro, que a paz de sempre esteja com você, a do nosso Senhor Jesus Cristo.
Acabo de ler sua carta ao Dr. Drauzio Varella. Concordo plenamente com sua réplica. Tive a honra de ter lecionado junto com o Dr. Drauzio,há muitos anos, no Curso Objetivo, em São Paulo. Tenho-o na conta de excelente professor e não menos excelente médico (a ele devo o tratamento extremamente humano dado a minha saudosa mãe, quando ela esteve sob seus cuidados no Hospital A. C. Camargo, até ser recolhida à Glória do Senhor).
Sei que se trata de homem íntegro e filantropo. Todavia, acredito que o estimado médico deixou-se levar um pouco por seu carinho para com todas as pessoas e fez afirmações que também considero refutáveis como fez o prezado pastor. Espero que suas ponderações abalizadas e bem exemplificadas sejam acatadas pelo prezado Dr. Drauzio.

Ângelo dos Santos Monteiro, disse...

Pr. Ciro,

Simplesmente excelente sua refutação. Admiro a maneira com que te portas em suas postagens. Sempre polido e coerente. Forte abraço. Deus continue te abençoando.

Fraternalmente em Cristo,

Ângelo dos Santos Monteiro
http://pbangelo.blogspot.com

Newton Carpintero, pr. e servo disse...

Prezamigo e nosso pr. Ciro Zibordi,

A paz de Cristo, o nosso Senhor!

Excelente conduta nesta carta aberta ao doutor Drauzio Varella, que deverá compor uma resposta adequada a esta sua solicitação para averiguação de tantos e quantos, desejam verificar posições diante deste momento de grande desafio para a igreja.

O Senhor seja contigo, na responsabilidade de sempre esta atento, como um verdadeiro ATALAIA,

O menor de todos os menores.

Willian Couto disse...

Caro pastor Ciro... Sou seu leitor algum tempo e parabenizo pela postura diante os acontecimentos, pois o senhor contestas os fatos sempre na luz da palavra de Deus, mas sempre de uma maneira cordila e respeitosa. Devemos ter o seu exemplo como prática para sempre refutar teses e deixar as contendas... Parabéns pelo seu ministério

http://williancouto.com.br

Pr. Luiz Fernando disse...

Prezado colega Pr. Ciro,
você refutou com inteligência e competência as afirmativas do Dr. Drauzio. Muito bom.
Um abraço
Pr. Luiz Fernando

silvania disse...

Parabéns amado irmão Ciro,o irmão disse tudo aquilo que nao conseguimos dizer!
Oro para que Deus me dê esta facilidade de me opor a todos que se opoem contra a palavra de Deus,assim como o irmão bem sabe fazer!
Um abraço em Cristo.

jamesnascimento disse...

Paz Pr. concordo 100% com sua carta ao dr. Drauzio, queria saber se tem como saber se ele leu sua carta, para que ele não prevaleça num erro tão grotesco desse.
estou seguindo seu blog com muita satisfação. paz

Marcelo Lemos disse...

Perfeito pastor Ciro, direto ao ponto! Este foi um golpo certeiro na irracionalidade, que não é apenas deste senhor, mas de todo e qualquer incrédulo que se levanta contra a cosmovisão cristã.

Mas veja, segundo os materialistas, e ateus mais diversos - dentre os quais se enquadra este senhor e seus argumentos - prevalece o idéia evolucionista. Não há Deus, há Evolução, a lei "o mais forte sobrevive". Pois bem, segundo tal "lei" o próprio estrupo foi fundamental para a sobrevivencia e a propagação da espécie humana; tanto que eles admitem que um estuprador têm algum tipo de 'registro' psicológico de eras passadas...

Então, se não há Deus, logo o estupro não é um mal em si mesmo, apenas aconteceu de a sociedade pensar assim hoje. Ora, isso implica em não haver verdade absoluta, e até mesmo a pedofilia pode ser vista como "legal" e "boa" num futuro. Futuro não muito distante, já que surgem no mundo inteiro partidos que a defendem abertamente...

De modo que, parabéns por este golpe certeiro na irracionalidade!

www.olharreformado.com

Blog do Sybão! disse...

É, seguindo o ponto de vista do Doutor, isso faz um certo sentido. Mas afinal, ele responderá?

Bem, eu duvido.

Música, Ciência e Teologia disse...

Pr Ciro, graça e paz. Sou biólogo e gostaria de chamar a atenção para uma frase na carta do irmão:

"Reconheço, por outro lado, que existe a possibilidade de alteração de gene, decorrente de maus tratos na infância, por exemplo(...)"

Maus tratos não alteram o código genético. As alterações do DNA só ocorrem quando mutações provocam essas alterações e, certamente, "maus tratos na infância" não provocam alterações do DNA.

As mutações podem ser provocadas principalmente por radiações (raio-X, solar, etc) e por algumas substâncias químicas. E, mesmo assim, essas mutações genéticas só são transmitidas aos descendentes se as células germinativas sofrerem tais mudanças.

Quanto ao restante da carta... perfeito!

Abraço, Marcos.

Ciro Sanches Zibordi disse...

Caro biólogo Marcos (Música, Ciência e Tecnologia):

O irmão nunca concordou comigo... Por que concordaria agora? Pensei que só discordava em assuntos soteriológicos... Risos.

Não obstante, meu amado, com todo o respeito à sua formação, não me arrisco a dizer algo sem antes verificar, principalmente quando me dirijo a alguém que possui o cabedal do renomado Dr. Drauzio Varella.

Maus tratos durante a infância podem, sim, provocar a reprogramação de alguns genes. Há estudos sobre isso. Inclusive, existe um estudo que foi feito no Canadá. Foi publicado na revista científica "Nature Neuroscience".

Pesquise sobre isso no site da BBC. Busque informações, também, sobre o Instituto de Psiquiatria do Kings College London. Foi comprovado que maus tratos na infância alteram o gene, pois o cérebro ainda está em desenvolvimento nessa fase.

Bem, o irmão é um pesquisador e saberá encontrar maiores informações sobre o assunto.

Um grande abraço.

CSZ

Anônimo disse...

Sempre claro e objetivo nas palavras, deixa DEUS te usar pastor ciro.

Ciro Sanches Zibordi disse...

Queridos irmãos e amigos,

Bom dia, na paz do Senhor!

Peço-lhes perdão por não estar respondendo a cada um, como eu gostaria de fazer, pois estou bastante atarefado. Graças a Deus, estou com dois livros em andamento (em segmentos diferentes), e isso toma bastante o meu tempo, além de possuir alguns dificuldades que são do conhecimento dos irmãos que acessam este blog.

Agradeço-lhes pelos comentários. E lhes peço que, na medida do possível, divulguem esta carta (por Twitter, Facebook, Orkut, e-mail, etc.), a fim de que mais pessoas saibam que os evangélicos, protestantes, cristãos, crentes, reformados, pentecostais, católicos, etc. são pessoas que amam o ser humano e desejam, de modo geral, vê-lo salvo em Cristo Jesus, feliz na vida pessoal, familiar e profissional, perfeitamente integrado à sociedade. Mas não queremos impor a eles o nosso estilo de vida. Cada um vive como quiser, pois possui a livre-vontade.

Se pregamos, em tese (e não de maneira ofensiva, ridicularizante) contra o pecado da homossexualidade, é porque amamos a pessoa do homossexual. O que os ativistas do LGBT estão fazendo é injusto e covarde. Eles tratam os pastores e o povo cristão de modo geral como verdadeiros fomentadores do ódio e não percebem que eles mesmo é que nos discriminam, sendo evangelicofóbicos. O que querem, na verdade, é calar a voz dos pregadores, associando-os ao ódio.

Que todos saibam que essa grande quantidade de artigos que venho escrevendo não tem como objetivo atacar os homossexuais, e sim o homossexualismo. Há grande diferença nisso, embora o movimento LGBT queira nos dizer que termos devemos usar. Vejam que petulância!

Os elegebetistas, o homossexualismo (os ativistas, o movimento), falam muito em Direitos Humanos. Mas sabemos que, na verdade, eles priorizam os Direitos "Homanos"...

Bem, vou parar por aqui, para que não escreva mais uma postagem. Isso é apenas um comentário.

Um grande abraço a todos. Tenha um ótimo dia!

CSZ

Xavier Campos Joaqum disse...

Paz do Senhor Pr. Ciro.
Com todo respeito, esse texto é fantastico.
Parabenizo-te desde ja por essa iniciativa tão criativa porque para o Brasil és uma referência. E como tal, outras pessoas se expelham em ti.
Portanto Gostaria que se expelhassem nesse seu lado APOLOGÉTICO.

Parabens.

MARIO CESAR DE ABREU disse...

AMADO PASTOR CIRO,A PAZ DO SENHOR SEJA CONTIGO!

MUITO BOAS AS TUAS CONSIDERAÇÕES NESTE POST.
É BOM CONTAR COM ESTA SABEDORIA QUE COM CERTEZA,VEM DO ALTO E NOS AJUDA A VER MELHOR E MAIS RAPIDO O QUE ESTA ACONTECENDO, TÃO DEPRESSA AO NOSSO REDOR.
O SENHOR TE ABENÇÕE E TE GUARDE.

EM CRISTO,
MARIO CESAR

Aelson Júnior disse...

A Paz do Senhor!

Bom posicionamento, pastor!
Não sou de comentar muito, mas tenho acompanhado todas as publicações deste blog.

Recebi os livros do senhor. Muito bons! Que Deus continue te dando sabedoria e graça para que o nome dEle seja glorificado!

Aelson Júnior

Pastor disse...

Querido Pastor verdadeiramente estamos em "guerra", mas os que eles não sabem é que essa "guerra" é espiritual, e nela nós estamos muito bem equiparados pela espada do espirito - Biblia Sagrada - Parabéns pela sua postura pastoral, que não visa fama ou prestigio público, mas sim a proclamação da verdade biblica

Vandim disse...

É possível msm,
Traumas e stress no início da vida têm um grande impacto sobre os genes e podem resultar em problemas de comportamento.
Eu tbm desconhecia isso, mas parece que é verdade.

Pr Josias pereira de assis disse...

paz Rev.Ciro sanches, bom seu comentário e sua refutação, eu tambem sou admirador do dr varella, mas é preciso, eu diria, que pessoas como ele que é influente na sociedade, ser monitorado para que não exceda em suas opniões, senão acabam se achando os donos da verdade, parabens.

tiagolinno disse...

Parece que há uma grande intenção em mudar a opnião pública, que em sua maioria, é contra essa tentativa de ditadura gay. Para isso, estão sendo usadas personalidades de grande alcance popular, principalmente os ligados à Rede Globo.
Mas a sociedade, por si só, vai se ajustar, e perceber que estão cometendo um grande erro. Será ( e já está sendo) revelado quem é preconceituoso e desumano.
Parabéns pela iniciativa, Pastor Ciro.

Marcelo Lemos disse...

Pastor Ciro, e demais leitores: sobre a possibilidade de maus tratos poder alter genes, é algo que eu já tinha ouvido falar, no entanto, acho que vou pesquisar, já que foi levantada a objeção.

No entanto, pastor, isso não importa muito. Na verdade, é irrelevante. Mesmo que o homossexualismo fosse nato, isso não diminuiria a pecaminosidade do ato sexual. Veja, muitos defendem que são anomalias genéticas que causam comportamento como o estupro, a pedofilia, e seria até a causa da neura de muitos naníacos. No entanto, isso não diminui em nada que são moralmente reprováveis e pecaminosos.

Se, num debate sobre a Moral Cristã, o incrédulo me diz: "Reverendo, o homossexual já nasce gay", respondo apenas o seguinte: "Isso você não pode provar; e mesmo que pudesse, minha resposta permaneceria a mesma: e daí?".

Toda objeção contra a cosmovisão cristã é irracional!

Abraços!

Anônimo disse...

A paz do Senhor,

pr as suas postagens são de grande importância para os tempos que estamos vivendo, acompanho sempre que posso os estudos,
que Deus continue o abençoando e protegendo sempre,

arettuza.

Pr.Daniel S Acioli disse...

Nobre Pr. Ciro!

Graça e Paz de Jesus Cristo!

Onde eu assino?

Parabéns!

Posso publicar em meu simples blog?

Com os devidos créditos?

Seu em Cristo!

Pr. Daniel

Mulheres Em foco (Lulu) disse...

A paz do Senhor Pr.

Muito boa sua postagem em relação ao seu ponto de vista ao artigo do Doutor “Violência contra homossexuais”, outra coisa pastor que não sabia é que crianças agredidas prejudica a formação. Eu tenho um filho inclusive ele fez 2 anos ontem, as vezes dá-me vontade de dá-lhe umas palmadinhas, pois as vezes ele fica muitíssimo irritado. Voltando aqui o assunto sobre homossexuais, eu acredito que uma criança é influenciada por alguém, ou melhor dizendo, ela precisa de uma figura paterna se for homem claro ou se mulher uma figura materna, porque eu tenho observado no meu próprio filho até mesmo antes dos seus dois aninhos, que ele sempre procurava imitar o seu papai, ele tentava fazer a barba, calçava os sapatos, ficava penteando os cabelos na frente do espelho, ou as vezes vinha dar-me um beijinho na boca, enfim ele sempre procura imitar a figura paterna, então eu acredito que na falta de uma pessoa do mesmo sexo venha influencia bastante na formação do individuo.

Sou sua seguidora, e aproveito para lhe fazer um convite, venha visitar-me no meu cantinho e seguir-me também, será uma honra.

AURELIO LISBOA disse...

PR CIRO,

A PAZ DO SENHOR,

CONCORDO PLENAMENTE COM VOSSAS COLOCAÇÕES.
GOSTARIA AINDA DE OBSERVAR QUE NA ATUAL CONJUNTURA, TODA CELEBRIDADE NACIONAL ESTÁ APROVEITANDO O GANCHO DO MOVIMENTO GAY, PARA APARECER NA MÍDIA, ACREDITO QUE MUITOS DELES (COMO POR EXEMPLO DR. DRÁUZIO) TEM OPINIÕES DIFERENTES FORA DA TELINHA, ESTÃO NA VERDADE APENAS FAZENDO MÉDIA.

Ciro Sanches Zibordi disse...

Querido pastor e amigo Daniel Acioli,

A paz do Senhor!

É uma honra para mim ter a minha modesta carta publicada em seu blog. Agradeço-lhe pelas palavras.

Um abraço.

CSZ

Thiago Dearo disse...

Pr. Ciro, parabens ao senhor por Deus te-lo usado poderosamente para rebater as afrontas q a sociedade tem enfrentado e principalmente ao povo de Deus, aqueles que tem a família tradicional como base...
Deus tem lhe usado poderosamente, com tanta sabedoria e graça; louvo a Deus por sua vida meu qrido! Tomei liberdade de postar alguns artigos seus em meu site Portal Padom.
Amado, continue assim, irá vir afrontas maiores contra todos que se oporem a esse movimento diabolico, vira afrontas contra ti, mas DEUS é CONTIGO... Pode contar conosco e principalmente com ELE! Me adicione no twitter @padom

Pr. Gerson Alconchel disse...

Parabéns Pastor Ciro pela refutação. Deus continue te usando poderosamente!

Anônimo disse...

Esse Dr. Drauzio Varella é meio estranho... ele é um médico com aparência de um doente...

Anônimo disse...

A paz do Senhor.Sou da Ass.de Deus e gostaria de sanar uma duvida com respeitos a revelações.Nos estamos vendo em nossas igrejas inclusive na minha, pregadores lêem um texto da bíblia e ao invés de pregar a palavra,passam fazer revelações pra todo o povo e não são poucos.Outro dia um pregador entregou revelação pra toda a igreja, só o pastor escapou porque não estava na igreja.Pergunto é normal isso? Não estamos levando o povo a desprezar a verdadeira profécia(palavra de Deus)porque o povo esta acreditando mais na revelação humana do que na palavra.Isso virou febre no meio evangélico e tem levado muitas pessoas ao descrédito da verdadeira revelação.Eu estou lhe escrevendo para que eu possa aliviar a minha mente de tudo o que eu penso sobre isso.Estou travando uma luta dentro da minha casa,por causa de uma revelação furada que foi entregue a minha filha.Por favor irmão me esclareça a respeito deste assunto se eu estiver errado quero pedir perdão a Deus.Penso eu que há um exagero muito grande nos dons e isso pode trazer um prejuízo muito grande na obra de Deus levando as pessoas a não acreditarem mais no evangelho.

Anônimo disse...

A paz do Senhor.Sou da Ass.de Deus e gostaria de sanar uma duvida com respeitos a revelações.Nos estamos vendo em nossas igrejas inclusive na minha, pregadores lêem um texto da bíblia e ao invés de pregar a palavra,passam fazer revelações pra todo o povo e não são poucos.Outro dia um pregador entregou revelação pra toda a igreja, só o pastor escapou porque não estava na igreja.Pergunto é normal isso? Não estamos levando o povo a desprezar a verdadeira profécia(palavra de Deus)porque o povo esta acreditando mais na revelação humana do que na palavra.Isso virou febre no meio evangélico e tem levado muitas pessoas ao descrédito da verdadeira revelação.Eu estou lhe escrevendo para que eu possa aliviar a minha mente de tudo o que eu penso sobre isso.Estou travando uma luta dentro da minha casa,por causa de uma revelação furada que foi entregue a minha filha.Por favor irmão me esclareça a respeito deste assunto se eu estiver errado quero pedir perdão a Deus.Penso eu que há um exagero muito grande nos dons e isso pode trazer um prejuízo muito grande na obra de Deus levando as pessoas a não acreditarem mais no evangelho.

pr;jorge ribeiro da silva disse...

paz pastor ciro,gosto muito dos seus comentários,pricipalmente aqueles que leva muita gente a pensar e refletir nas verdades das escrituras.parabéns

Anônimo disse...

Pastor Ciro é maravilhoso ler os seus artigos, mim sinto maravilhada com a grande sabedoria que o Sr Jesus tem lhe proporcionado, mergulho na leitura sempre sentindo a presença do espirito santo na vida do Sr. que Deus continue lhe dando essa sabedoria ao qual nos trás bastante conforto espiritual.

alcyvanete honorato disse...

Pastor Ciro é maravilhoso ler os seus artigos, mim sinto maravilhada com a grande sabedoria que o Sr Jesus tem lhe proporcionado, mergulho na leitura sempre sentindo a presença do espirito santo na vida do Sr. que Deus continue lhe dando essa sabedoria ao qual nos trás bastante conforto espiritual.

Eneas Valerio D. Neto disse...

Gostei muito de sua carta ao Dr. Drauzio Varella, como sempre muito ético, porém verdadeiro, tomei a liberdade de coloca-la em meu blog(com a devida indicação da fonte).
Aguardo ansioso a chegada de seu proximo livro, sobre escatologia, soube que o Sr. estará na escola de obreiros em mossoró/RN...estarei lá para ouvi-lo. Saudações em Cristo Pb Enéas Neto