quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Fotos e fatos simples que alegram o coração (2)

Há momentos que realmente alegram o nosso coração e marcam a nossa vida para sempre! As fotos abaixo são do maravilhoso almoço que o amabilíssimo casal de amigos, cantora Talita Pagliarin e pastor Alexis Rodrigo, bem como sua linda filha Ana Vitória, ofereceram a mim e minha esposa no dia 29 de dezembro (quarta-feira), em um restaurante muito especial, localizado na belíssima Avenida Paulista, em São Paulo-SP.

Este escritor posa com os CDs Recomeço e Mais que o ar, de Talita Pagliarin.

Cantora Talita Pagliarin oferece os mencionados CDs a este escritor e sua esposa. Momento muito especial.

Da esquerda para a direita, minha amada esposa Luciana, este escritor, o pastor Alexis Rodrigo e sua digníssima esposa, a cantora Talita Pagliarin. Observe que ela mal conseguia segurar os meus livros, de tanta emoção! :) Eu é que estava emocionado com a presença deles! Risos...

Este escritor autografando o livro Mais Erros que os Pregadores Devem Evitar para o querido pastor e amigo Alexis Rodrigo, da Igreja Paz & Vida. Que honra para mim! ;)

Luciana, este escritor, a cantora e verdadeira celebridade (risos) Talita Pagliarin (tentando segurar os meus livros) e a doçura Ana Vitória. Que pena que a Julinha não pôde estar lá conosco... Mas creio que Deus preparará outras oportunidades para estarmos juntos.

Com amor,

Ciro Sanches Zibordi

5 comentários:

Wilderlan Sousa disse...

Olá amigo, tudo bem? Quero convida-lo(a) a dar uma passadinha no meu blog ,
e seguir, lá você vai encontrar textos bem interessantes que são postados toda semana,
se puder dá uma passadinha lá : http://garagem-jovem.blogspot.com/ , desde já agradeço ,fique c/ Deus !
Para parceria e troca de banner adiciona meu msn: garagemjovem@hotmail.com

Obs: Ja estou seguindo seu blog.

Simone Faith disse...

A Paz do Senhor, Pastor @CiroZibordi!

Legais as fotos... #Celebridade é outra coisa, rsrs.
Coloque mais fotos da Julinha.

Abraços fraternos com desejo de Feliz 2011 para o senhor, para a Pra. Luciana e a garotinha.

@simoneffaith

Juber Donizete Gonçalves disse...

Prezado Pr. Ciro,

Um feliz 2011 para você e sua família, que Deus continue te abençoando no ministério da Palavra.

Um abraço.

Apologeta disse...

Caríssimo Pr. Zibordi! Paz do Senhor Deus! Quero dizer que no artigo sobre Jesus com a capa da revista Galileu que o irmão cita brilhantemente em seu artigo, eu discordo do Prof. Scot McKnight no seu artigo na Cristianismo Hoje e gostaria que o Pr. Ciro me corrigisse se estiver errado, pois pela nossa amizade creio ser isso possível.

1)Ele afirma que há uma diferença entre o que ele chama de "Jesus Canônico" e o "Jesus Ortodoxo" e isso é falácia. Não há diferença dos conceitos teológicos afirmado pela Igreja pois a mesma está baseada no NT e o denominado "Canônico" é o mesmo "Ortodoxo". Essa dicotomia, apesar do Prof. afirmar que a mesma é para esclarecimento, nesse caso em particular é inexistente.

2) Concordo com o Prof. e com o Teólogo Martin Kähler que crença em Cristo não pode e não deve estar baseada nas conclusões históricas, mas discordo pois fé em Cristo pode e deve estar apoiada na historicidade de Cristo, pois se o Senhor é apenas e meramente crido por fé sem fatos, seria uma ilusão cega e submissa numa mentira fantasiosa, pois se não há historicidade factual, a Bíblia reduz-se a uma mentira e engodo perpetradas por discípulos enganadores que nada trouxeram senão um Buda, diferente do Sidarta que realmente existiu. A historicidade bíblica, factual é verdadeira ao contrário da "historicidade" engendrada por homens tendenciosos que "transformam a biografia de Cristo em suas próprias autobiografias criando um Jesus as suas próprias imagens, usando seus critérios para produzir o que querem" como bem frisou Dale Allison.

3) McKnight afirma que os métodos históricos não podem provar que Jesus morreu por nossos pecados e ressuscitou para nossa justificação. Se o que ele denomina de "métodos históricos" são os métodos tendenciosos desses pseudo-escritores que afirmam tentar descobrir o Jesus Histórico que - na verdade como diz o artigo é pura e total descrença - concordo plenamente com ele. Do contrário, se o método histórico é a historicidade escriturística revelada pelo Espírito aos autores sacros, não só eu discordo, mas também os apóstolos e escritores do Novo Testamento (Lucas 1:1-4; Atos 1:1-3; João 20:26-31; 21:24; I Coríntios 15; II Pedro 1:16), os Pais da Igreja e todos os crentes genuínos que afirmam e dão sua vida por esta verdade. Como dissertou excelentemente o Dr. Norman Geisler: "Rejeitar a historicidade do Novo Testamento é rejeitar toda a história. Mas não podemos rejeitar toda a história sem empregarmos um pouco de nossa história. A afirmação: 'O passado não é objetivamente cognoscível' é em si uma afirmação objetiva a respeito do passado. Logo, a posição contra cosgnocibilidade da história se anula".

Sem mais e aguardando resposta,


Apologeta!

Evangelista Eduardo França é autor do DVD: Milagres: De onde eles procedem? (Categoria: APOLOGÉTICA. À venda nos sites: CACP, MCK e MERCADO LIVRE). Co-Fundador e articulista do blog Guardian Faith: www.guardianfaith.blogspot.com

birasblog disse...

muito bom!