sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Um livro bastante lido, mas não muito vendido... Como assim?


Adolescentes S/A (editado pela CPAD) talvez seja o meu livro mais lido, possivelmente até mais que o best-seller Erros que os Pregadores Devem Evitar, da CPAD (dezoito grandes impressões!) e outros de ótima vendagem, como Erros que os Adoradores Devem Evitar, também da CPAD (três grandes impressões somente neste ano!), Autoajuda ou Ajuda do Alto, da Editora Candeia, com duas impressões em apenas três meses (!), etc.

Como uma obra pode ser mais lida do que livros
mais vendidos que ela? Bem, todos os dias recebo muitos e-mails de adolescentes que já leram ou estão lendo Adolescentes S/A. E, então, lhes pergunto: Como você o adquiriu? Uma parte menciona o malévolo download e recebe, de imediato, um “sermão” deste escritor (risos). Mas a resposta da maioria é: Peguei emprestado.

Ao pesquisar a fundo porque tantos adolescentes já leram ou estão lendo o referido livro, descobri três coisas importantes: (1) as meninas são as principais leitoras de Adolescentes S/A; (2) a maioria delas o ganha de presente dos pais ou dos professores; (3) boa parte delas o emprestam! Soube que uma mesma leitora emprestou o livro para 15 colegas!

Se todos os leitores de Adolescentes S/A o tivessem adquirido, acho que eu já estaria quase rico! Risos... Mas sinto-me imensamente feliz por estar, de alguma forma, contribuindo para a formação dos adolescentes, não somente através dos livros, mas também mediante revistas de Escola Dominical que escrevo para o público teen, pela CPAD, desde 1997.

Aliás, quando escrevi meu primeiro livro, Perguntas Intrigantes que os Jovens Costumam Fazer, um expert me alertou:
“Ciro, não perca o seu tempo. Jovens e adolescentes não compram livros”. Mas eu fui teimoso, graças a Deus.

Para conhecer e/ou adquirir Adolescentes S/A e outras obras de minha autoria, clique AQUI >>

Em Cristo,

Ciro Sanches Zibordi

6 comentários:

Luis Paulo Silva disse...

Pr. Ciro este trabalho com certeza é frutífero, pois eu quando era adolescente não cheguei a comprar o Adolescetes SA mas cosegui um outro livro seu que me ajudou muito. Paz.

HELIO COSTA disse...

bom dia e a paz
certamente que ainda vou comprar esse livro para minha filha quando ela crecer mais um pouco pois so tem 03 anos

referente a livros, sei que o sr escreveu um que por sinal e muito bom, erros que os adorados devem evitar,
como lider de mocidade entre muitos trabalho na igreja graças a Deus por isso,antes de colocar um hino para que a mocidade possa cantar estive pensando na letra de uma cançao que mandei ao nobre pastor por e-mail poderia nos ajudar com um comentario sobre o aludito "hino"

grato helio costa

Hubner Braz disse...

Pastor Ciro, Confesso que esse livro junto com a alto ajuda e ajuda do Alto, são os únicos livros seus que não possuo ainda.

Mas, não concordo com o Expert de dizer: "“Ciro, não perca o seu tempo. Jovens e adolescentes não compram livros”.

Pode ser que os adolescentes não comprem por falta de estimulos, mais os jovens leitores tem crescido a cada dia.

Amo os seus livros.

Paz do Senhor

Hubner Braz

disse...

Adolescentes S/A deve ser ótimo, me parece ter uma boa linguagem entre os jovens.
Hubner meu querido, aqui minhas adolescentes adoram lê, minhas filhas gastam muito com livros, compram pela internet e vão muito na Saraiva. Paz!

claudiopimenta disse...

Realmente a maioria dos adolescentes nao tem trabalho por isso geralmente nao tem grana para comprar livros mas osp ias amigos e irmaos como foi provado oferecem esses livros aos adolescentes , sem contar os professores de ebd e lideres de jovens podem e tem indicado esses livros e os jovens tem adquirido seja por outros meios como por exemplo o emprestimo


Onde congrego por exemplo percebi que o seu livro CIRCULOU entre os jovens um livro para uns 45 jovens por esse motivo alguns irmaos resolveram comprar uns 5 exemplares para circularem TIPO as epistolas paulinas rs!rs! mas nesse caso sao as epistolas cirinas

Tamar disse...

Eles podem não comprar livros mas formam um futuro público fiel que o terá como referência.
Curiosamente é o público alvo das editoras seculares com os Crespúsculos e Harry Potters da vida.