sábado, 14 de julho de 2007

Carta aos que pensam que estou contra ALGUÉM

Meus amados irmãos que pensam que eu estou contra a cantora tal, o grupo tal, a igreja tal, saúdo-lhes com a gloriosa paz do Senhor! Amém?
Sei que nem todos podem dizer "amém", pois, se pudessem, se é que já não estão fazendo isso, "profetizariam" a minha morte ou coisa parecida... Mas eu perdôo vocês, tá bom?
Nesses últimos dois dias, este blog está sendo muito visitado... E vou logo avisando que não tenho tempo para responder a todos vocês. Por isso, talvez eu não publique alguns comentários enquanto não puder respondê-los.
Quero que saibam que eu tenho família, trabalho em uma editora muito abençoada e também, por graça de Deus, sou pregador do evangelho, escritor e articulista. Congrego na Assembléia de Deus, em Cordovil, no Rio de Janeiro. Há seis meses, criei este blog para partilhar artigos com os amigos e os meus poucos leitores (alguns milhares; nada comparável aos milhões que seguem a grupos e cantores super-populares), mas vejo que a Internet tem um poder de divulgação surpreendente, a ponto de, em pouco tempo, fazer este weblog ficar "famoso" (risos).
Diante do exposto, gostaria de fazer alguns esclarecimentos e mostrar-lhes que não sou essa pessoa antipática, perseguidora dos "pobres e indefesos", como alguns fãs de determinados cantores e grupos estão sugerindo. Peço a todos que têm pensado isso que leiam atenciosamente as respostas que tenho podido dar, abaixo dos artigos aqui publicados. Mas, aproveito a oportunidade para, de maneira geral, fazer alguns pedidos aos amados irmãos:
1) Não analisem este blog de maneira preconceituosa, lendo frases fora de contexto. Aqui não tenho falado especificamente de A, B ou C. Estou alertando quanto a práticas e mensagens erradas, condenadas pela Bíblia. Se não gostarem do meu estilo, confiram as referências bíblicas. Afinal, ninguém está acima da Palavra de Deus (Gl 1.8; 1 Pe 1.24,25; Sl 138.2).
2) Entendam que costumo omitir nomes justamente porque não quero expor ninguém. No caso dos vídeos, é inevitável, pois eles são didáticos. É melhor do que eu falar sem mostrar nada, e alguém me acusar de calúnia; se bem que, em alguns casos, nada tenho para mostrar, a não ser uma análise bíblica sem citação de nomes.
3) Compreendam que não acuso pessoas, mas também, como homem de Deus, não posso ser omisso. João Batista podia ter ficado quieto; Estêvão também, Paulo, Jesus... Há tantos e tantos exemplos...
Lya Luft escreveu, na Veja desta semana:

"Por todas as vezes em que desviamos o olhar lúcido ou recolhemos o dedo denunciador, pagaremos um alto preço durante um tempo incalculavelmente longo. E não haverá erratas".

4) Entendam que a Palavra de Deus nos manda provar (julgar) se os espíritos são de Deus (1 Jo 4.1) e examinar TUDO (1 Ts 5.21). Não podemos atentar só para a aparência, e sim para os frutos (Mt 7.15-20). E os frutos podem ser bons; ruins; bons e ruins; mais ruins do que bons; péssimos; ótimos... Ninguém é perfeito em absoluto, a não ser Deus. Daí a necessidade de julgarmos, não no sentido de caluniar (Mt 7.1,2), mas para exercer discernimento (Mt 7.15-23; 1 Tm 4.1; 2 Tm 4.1-4; 1 Co 14.29; Hb 13.9).
O próprio Senhor Jesus disse, em João 7.24:

"Não julgueis segundo a aparência, mas JULGAI segundo a reta justiça".
5) Não pensem que estou querendo destruir alguém! Quem sou eu para destruir grupos ou cantores tão poderosos? É mais fácil os que se considerarem ofendidos fazerem isso, se Deus permitir, é claro. (João Batista era um homem de Deus, e o Senhor permitiu que Herodes lhe tirasse a vida.) O problema é que os fãs de tais grupos não querem aceitar que o ser humano, por mais carismático que seja, erra! E precisa se convencer disso, a fim de que o Senhor o ajude... Mas novamente pergunto: Como um pobre desconhecido, como eu, quereria (e conseguiria) destruir megagrupos, seguidos por milhões de fãs, em todo o Brasil, e no exterior?
6) Amados irmãos, não confudam as coisas! Nada tenho contra ninguém. Mas quem ama diz a verdade. E o que tenho exposto aqui, de maneira imparcial, sem ter mágoa contra ninguém, mas é o que está escrito na Palavra de Deus. Ou não devemos mais ter compromisso com a Bíblia? Quer dizer que todos podem fazer o que bem entendem? Por que Paulo escreveu aos coríntios e aos gálatas para falar-lhes de "outro evangelho"? Por que Jesus mandou João escrever às igrejas da Ásia?
7) Compreendam que eu NUNCA vou escrever para agradar pessoas. Nunca! Escrevo, sim, para agradar a Deus, ainda que todos fiquem contra mim. Estêvão pregou, os ouvintes taparam os ouvidos e o apredejaram, porém Jesus FICOU EM PÉ, em sinal de aprovação!

Amém?!

Respeitosamente,

Ciro Sanches Zibordi

10 comentários:

Haja Hope disse...

Louvado seja DEUS por tua preciosa vida!!
Toda EMAC agradece a oportunidade de nos trazer livros tão esclarecedores.
Temos acompanhado todo o movimento por aqui risos e, estamos em oração.

A Cruz é o preço do nosso perdão,
Haja Hope & EMAC

Schneider - AD Curitiba disse...

A Paz do Senhor Pr. Ciro.

Quisera eu conhecer outros pastores com vossa coragem em desvendar os ardis do inimigo que são introduzidos encobertamente no seio evangélico.
Outro dia, no congresso dos GMUH em Camboriú, estavam cantando o grupo dos unicistas do Voz da Verdade, tão combatidos, inclusive, nas lições da E.B.D.
É lamentável que muitos dos ditos "evangélicos", não suportem a sã doutrina, amontoando para si doutores que se desviam da verdade.
Nos Estados Unidos da América, este fenômeno de shows gospel, teatro, etc, também foi observado na década de 80 e, qualquer um pode verificar por si próprio qual a situação espiritual do povo americano, de um povo que outrora foi o estopim do movimento pentecostal de nossa era e que foi o celeiro de missionários comprometidos com a verdade.

Voltemo-nos para João 3.16.

Façamos como Paulo: "Porque, se anuncio o evangelho, não tenho de que me gloriar, pois me é imposta essa obrigação; e ai de mim se não anunciar o evangelho!"
"Porque não me envergonho do evangelho de Cristo, pois é o poder de Deus para salvação de todo aquele que crê, primeiro do judeu e também do grego."

Portanto, servo de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, vai nesta tua força! Instes a tempo e fora de tempo, sabendo que "Nada podemos contra a verdade, senão pela verdade!

Que Deus o abençoe e continue dando-lhe sabedoria para discorrer a respeito dos modismos e heresias que tentam suplantar a mensagem da cruz.

É o parecer.

Carlos Roberto Silva, Pr. disse...

Olá Pastor Ciro!
Quero solidarizar-me com o prezado irmão. Em virtude de um artigo que educadamente apenas sugeria um SINAL AMARELO para determinado grupo, recebí alguns comentários negativos e por incrível que pareça, todos anônimos.
Como meu blog não é famoso, não chegou nem à casa das centenas, quanto mais milhares, mas deu para ter uma idéia do que deve estar acontecendo com o irmão.
De qualquer forma, continuo louvando a Deus pela sua vida e ministério.
O ônus do combatente espiritual é rápido, plausível e visível, porém, o bônus é invisível e de caráter eternal.
Parabéns pelo seu trabalho!
Pelas minhas atividades, imagino quanto o blog tira do seu precioso tempo, bem como de sua família.
Saiba que muitos estão sendo rica e abundantemente abençoados.
Entre esses estou eu!
Que o Senhor continue te dando Graça para persistir.
Quanto àqueles que se sentem ofendidos, lamentavelmente tratam-se de fãs que defendem o seu "show".
A Bíblia continua sendo a nossa bússola, gostem ou não.
Mesmo quem escreve, às vezes tem que cortar na própria carne, pois também temos nossas preferências pessoais, no entanto, não podem estar acima da Palavra de Deus!
Parabéns!

Guilherme disse...

Não há com expressar com palavras a tamanha admiração que tenho por Ti ( Claro que o meu apego maior é com Deus), Tu tens feito um trabalho que realmente poucos tem coragem de fazer! O incrível é que as tua "críticas" são baseadas na palavra de Deus e não em pensamentos infundados humanos! Oro para que Deus te renove a cada dia e para que nuca desanimes de sua obra....Ousadia resume a teu trabalho... Que a verdade seja dita, doa a quem doer!
Que Deus te abençoe cada dia mais..

[Guilherme de Oliveira]

kenn disse...

Muito Bom. usaram seu blog numa comunidade onde Defendem arduamente uma certa cantora Evangélica. Mas não são idólatras hein. Só a tem como referência de Salvação.
Tomei a Liberdade e Colei o end na minha Comunidade. Vai ser bom o pessoal dar uma olhadinha aqui. Mas o pessoal ficou bem, LLLOOOUUCCOOOO. Legal (rsos)
Até logo.

Ciro Sanches Zibordi disse...

Aos irmãos que me escreveram ONTEM para dizer energicamente que não concordam comigo, e a alguns até me ofenderam com duras palavras e maldições, dirijo-lhes agora uma palavra.

Agradeço-lhes por dedicarem tempo me escrevendo, mas lamento por não publicar o comentário de vocês, tampouco respondê-los. Isso se dá por algumas razões.

Primeiro, vocês escreveram um "livro", quando, para dizer o que disseram, bastava um parágrafo. Vocês precisam ser mais sucintos, pois eu não tenho o tempo que vocês têm de ficar entrando e saindo do Orkut, passando o dia e a noite no MSN, conferindo vídeos no YouTube... Ontem, eu trabalhei o dia inteiro e preguei à noite...

Segundo, alguns de vocês parece até que não sabem escrever, pois empregam palavras como "Cançaum", "Joaum"... Eu sei que esse "estilo" impera entre os internautas adolescentes, mas não cabe aqui neste espaço, não é? Amadureçam, por favor!

Terceiro, você falam, falam, falam... mas não dizem nada! O que deve prevalecer é a Palavra de Deus! Eu estou citando a Palavra, e com certeza (não tenho nenhuma dúvida), e vocês estão argumentando com palavras ocas, sem nenhuma convicção. Estão fazendo valer as suas preferências pessoais: "Eu acho", "Eu gosto"... Bem, se vocês pensam que podem ignorar trechos da Bíblia, a fim de andarem como bem entendem, vão em frente... mas cuidado com o buraaaaaaaaacooooo...

Quarto, alguns de vocês, que continuam com essa atitude reprovável de fãs, e não de servos de Deus, dizem que esse blog não lhes serve para a edificação. Bem, eu já falei e vou repetir: NÃO ESCREVO PARA AGRADAR PESSOAS. MEU COMPROMISSO É COM DEUS. Se alguém não gostar, não precisa ler. Há tantos e tantos blogs...

Ah, quero que saibam, ainda, que Deus está considerando as palavras de ofensas que dirigem contra mim. Eu oro por vocês, para que se voltem para a Palavra de Deus e deixem essas efemeridades que seguem. Oro para que recebam Jesus, não como Astro, não como Revolucionário, não como o Papai Noel, não como o "Demolidor"... Oro para que recebam a Cristo como SENHOR E SALVADOR.

Que Deus os abençoe.

CSZ

Anônimo disse...

vc é hostil
Mas até q dá pra quebrar um galho...e tirar as duvidas

Ciro Sanches Zibordi disse...

Caro Anônimo,

Agradeço-lhe pelo "elogio", mas quem defende a verdade tem de ser firme, e não frouxo.

CSZ

Anônimo disse...

Meu pastor Ciro; as perseguições das quais o senhor tem sido alvo é cumprimento do que Paulo escreveu à Timóteo. "Virão tempos em que não suportarão a sã doutrina...".

::)S@®inh@(:: disse...

Bom, para dizer a verdade, primeiro, a verdade precisa estar em nós!!!!! Foi o que um homem que dividiu a história disse...