segunda-feira, 30 de julho de 2007

Adoração extravagante?


Neste artigo procurarei discorrer com equilíbrio sobre a adoção de danças e coreografias por parte das igrejas.
A chamada adoração extravagante, com danças e todo tipo de manifestação corporal, é uma novidade que parece ter chegado para ficar no meio evangélico.
Reconheço que existem grupos chamados de ministérios de dança e coreografia nas igrejas, executados por pessoas sinceras. E eu não quero aqui ser um estraga-prazeres; porém, é necessário considerarmos este assunto segundo a Bíblia e sem preconceito:
1) O termo “extravagância” significa: “esquisitice, estroinice, dissipação, libertinagem” (Dicionário Michaelis). E, nesse caso, o adjetivo “extravagante” não pode combinar com a adoração, haja vista o que dizem estes textos sagrados: 2 Crônicas 20 (todo o capítulo precisa ser lido); Eclesiastes 5.1; Efésios 5.18,19; Colossenses 3.16; Amós 5.23; Isaías 29.13; João 4.23,24; Salmos 57.5; Neemias 8 (todo o capítulo).
2) Alguns internautas acham que eu exagerei ao comparar as coreografias e danças do megashow de 07/07/07, realizado na praça da Apoteose (Rio de Janeiro), com o que acontece em ajuntamentos de astros como Madonna (para o leitor saber do que estou falando, veja o artigo O Diabo agradece a preferência!, abaixo).

Confira:
http://cirozibordi.blogspot.com/2007/01/o-diabo-agradece-preferncia.html

Entretanto, não quis ofender uma parte do povo de Deus, e sim alertá-la quanto à imitação das práticas mundanas. Aliás, em Neemias 8.6, está escrito: “E Esdras louvou ao Senhor, o grande Deus; e todo o povo respondeu: Amém! Amém!, levantando as mãos; e inclinaram-se e adoraram o SENHOR, com o rosto em terra”. Este texto mostra que a adoração deve ser reverente, e não extravagante.
3) De acordo com os eruditos — entre eles o mestre Antonio Gilberto, que lida há anos com traduções bíblicas e é o editor da edição brasileira da Bíblia de Estudo Pentecostal (CPAD) —, a melhor tradução para Salmos 149.3 e 150.4 é mesmo “Louvem o seu nome com flauta” e “Louvai-o com o adufe e a flauta”, respectivamente. Ou seja, essas passagens não apóiam (como muitos pensam) nem incentivam a dança no culto coletivo a Deus. Ademais, ainda que alguma tradução apresente a palavra "dança", o contexto deixa claro que as passagens se referem ao povo de Israel (Sl 149.2). Leia com atenção todo o Salmo 149 e veja se é possível aplicar tudo o que ali está escrito nos dias de hoje!
4) As danças de Miriã e Davi foram patrióticas, como parte da comemoração de uma vitória, e não como parte integrante de um culto litúrgico (tanto que Davi depois ofereceu um culto a Deus sem dança). Embora Deus não tenha rejeitado aqueles gestos e manifestações pessoais, isso não é uma justificativa para se introduzir na casa de Deus ou no culto ao Senhor (independentemente do local) todo tipo de manifestações corporais do mundo, como coreografias, balé, shows de rap e bailes como parte da liturgia. Além disso, aquelas danças isoladas (de Davi e Miriã) não respaldam as chamadas night ou “baladas” gospel, etc., outro modismo perigoso.
5) Na Palavra de Deus, a Bíblia Sagrada, não vemos apoio ao chamado “ministério da dança”. Davi e Asafe, que organizaram o ministério do louvor nos tempos do Antigo Testamento, o fizeram apenas com músicos e cantores (1 Cr 25.1-7). Se Davi — que, aliás, é o mais citado pelos defensores da chamada “dança no Espírito” — e Asafe apoiassem a “adoração corporal”, teriam estabelecido, além de cantores e músicos, dançarinos, coreógrafos...
6) Não há no Novo Testamento nenhuma passagem que apóie a introdução da dança no culto público e coletivo. Isso é uma influência do secularismo (ou mundanismo, cf. Rm 12.1,2; 1 Jo 2.15-17; 2 Tm 4.10; 2 Co 4.4; Tg 4.4; Mt 7.13,14; Jo 6.60-69). Antes de me criticarem e, cheios de indignação “santa”, verberarem contra mim, dizendo que estou defendendo uma opinião particular, pessoal, e não uma verdade bíblica, procurem em todas as páginas neotestamentárias alguma passagem que corrobore as danças e as coreografias no culto a Deus... É claro que o ser humano sempre busca o que o agrada, porém Jesus disse: “Se alguém quer vir após mim, negue-se a si mesmo” (Lc 9.23).
7) E mais: uma coisa é extravasar-se, saltando, pulando, movimentando-se em um momento de extrema alegria (casos de Miriã e Davi). Isso é bíblico (Sl 9.2; At 3.8). Outra coisa, bem diferente, é dançar ao som de ritmos eletrizantes ou fazer coreografias que atraiam a atenção do público para as(os) bailarinas(os), como ocorreu no citado apoteótico megashow. Isso é antibíblico, secular (mundano) e não se coaduna com o culto a Deus em espírito e em verdade.

Ciro Sanches Zibordi
Para saber mais, leia: Evangelhos que Paulo Jamais Pregaria e Perguntas Intrigantes que os Jovens Costumam Fazer, editados pela CPAD, ambos de minha modesta autoria.

20 comentários:

Ciro Sanches Zibordi disse...

"Marco-BH" (entre aspas),

Eu sei quem você é. Se busca a verdade, deixe de se passar por outra pessoa. É um bom começo, pois os enganadores irão de mal a pior.

CSZ

Ciro Sanches Zibordi disse...

Mariana Vilela e Alisson,

Sejam mais educados, e eu terei prazer em publicar o comentário de vocês, tá bom? Quanto às críticas, tirando a parte impublicável (pois vocês nem parecem servos de Deus com essa linguagem chula), tenho a lhes dizer o seguinte:

1) Cada escritor tem um estilo. Mas o que deve prevalecer, ao final, não é o estilo, e sim o conteúdo. E, para a glória do Senhor, estou fazendo análises com base nas Escrituras.

2) Vocês estão analisando o que é dito aqui à luz da Bíblia, ou querem fazer valer as suas preferências pessoais? Por que estão incomodados? Não aceitam a realidade de estarem errados? Lembram-se daqueles que taparam os ouvidos quando Estêvão pregou? Lembram-se de Herodes ante o aviso de João Batista?

3) Se este blog não tem nada para lhes oferecer, não percam tempo por aqui, já que me acusam de não ter conhecimento nem criatividade... Procurem o blog de alguém que fale o que vocês gostam de ler e ouvir... Já leram 2 Timóteo 4.1-4?

Em todo caso, agradeço pela "audiência"...

CSZ

Samuel Sá disse...

Há pouco tempo ouvi de um pregador a seguinte afirmação: "a igreja evangélica, tal como se encontra atualmente, está fadada ao fracasso".
Ele disse isso ao verificar a necessidade de alguns de inventar tantos modismos para "segurar" o crente na igreja, tais como, rosa ungida, caneta ungida, campanha dos 7 mergulhos, etc..., louvorzão, danças, coreografias, pregadores da auto-ajuda,falta mais o que para inventarem!
Infelizmente, é o retrato tal como encontramos hoje, pastores brigando para conquistar, pasmem, outros crentes de outras igrejas, oferecendo várias "novidades", fazendo da igreja um lugar para a pessoa se sentir bem consigo mesmo, se sentir a vontade, é comum dizerem "o culto hoje foi LEGAL!, ou o "culto hoje foi meia-boca".
Parábens, ao pastor Ciro por denunciar com ousadia tudo isso.
Vai chegar um momento que não vão ter mais o que "inventar" em nossos cultos, aí ficarão somente os crentes verdadeiros, que querem compromisso com a Palavra!
Um abraço,

fabio disse...

... um dia saberemos quem tem lutado e suado sangue ... pela obra do senhor ... pelos frutos conhecereissss ... os frutos do dt eu conheço e sou um fruto do agir do espírito santo atraves da dedicaçao e unçao nestas vidas ...

Ciro Sanches Zibordi disse...

Fábio,

Você tem razão. Foi Jesus quem disse "Pelos frutos os conhecereis" (Mt 7.20). Cuidado para não deixar para perceber algo errado tarde demais... como aconteceu com os seguidores de Jim Jones, sem querer sugerir nada. Só citei o exemplo porque os seguidores daquele líder não conseguiam ver defeito nele... até que...

Deus o abençoe!

CSZ

Junior disse...

Acho que vc pegou meio pesado. Mas quem sou eu pra te julgar ?????

Ciro Sanches Zibordi disse...

Caro Junior,

Fique à vontade para fazer os seus comentários à luz da Bíblia.

Em Cristo,

CSZ

João disse...

Caro Pr Ciro
Este já é o sexto artigo desta série, e uma coisa tem me deixado intrigado, em quase todos ou em todos algumas pessoas têm insistido em não ver as verdades aqui expostas.
Me parece que essas pessoas não aceitam a verdade das Escrituras, por que será?
Certa vez participei de um culto onde teve de tudo, dança, coreografia, louvor e mais louvor, apresentações, agradecimentos, etc, etc, etc.
Ah, acho que me equivoquei, esse culto teve quase tudo, faltou a Mensagem da Palavra.
Então eu repito vossa pergunta:
QUE CULTO É ESSE VOSSO??????

Em Cristo

João Ricardo
www.ieadsape.no.comunidades.net

Ciro Sanches Zibordi disse...

Caro Alisson,

O meu maior desejo é orientar quem quer aprender. Lamento por nada poder acrescentar ao seu vasto cabedal.

Agradeço-lhe mais uma vez pela participação. Mas lembre-se de que cada um dará conta de si mesmo a Deus. E, se você acha que está certo, espero que esteja convicto mesmo de que esse seu posicionamento tenha apoio da Palavra de Deus.

Você está certo de tudo isso que defende, ou apenas tem dado vazão à satisfação da carne? Lembre-se de que, para seguir a Cristo, é preciso renunciar-se a si mesmo (Lc 9.23).

Eu, por graça de Deus, sei pouco, mas aprendi certo e jamais abrirei mão da Palavra de Deus.

Em Cristo,

CSZ

Alisson disse...

Amado Ciro,

Eu não disse que vc não me ajuda. Disse apenas que eu não concordo com alguns artigos como o adoração extravagante. Como diz a palavra: Importa que eu diminua para que o Senhor cresça.Sinceramente eu não me julgo certo, da mesma forma que não o julgo errado, porém creio que se falamos algo baseado na Palavra temos que ser coesos e coerentes. Não podemos pegar somente uma palavra, ou adaptar o versiculo ao que queremos. Isso não digo só para você, falo pra mim também, porque eu fazia isso. Eu procuro não dar vazão aquilo que é da carne porque quem é da carne é da carne e quem é do Espirito é do Espirito. Quem faz as obras da carne não pode agradar a Deus. Espero que vc entenda que não estou contra vc, ou a favor de um cantor ou um pastor. Eu creio não podemos ficar fazendo moda falando que sou fã deste ou daquele. Temos que defender a Cristo, a nossa posição nele. Devemos estar prontos para errar e aceitar. A palavra diz que é melhor uma exortação do que um beijo falso. Terminando, lembro-me da palavra de Paulo: SE SOMOS PROVADOS, É PARA SERMOS APROVADOS. Espero que vc entenda as minhas palavras.

Com amor...

Ciro Sanches Zibordi disse...

Caro Alisson,

Mais uma vez agradeço-lhe pelas palavras.

Reitero que as interpretações contidas neste blog não são baseadas no que eu acho, tampouco fundamentadas em vesículos extraídos de seus contextos. Afinal, nenhum versículo isolado tem autoridade em si mesmo. Caso contrário, teríamos base para afirmar até que todos os cristãos que morreram estarão perdidos (cf. 1 Co 15.18).

Não cabe a nós achar versículos que se coadunem com o nosso posicionamento. A Palvra de Deus tem autoridade suficiente; ela é quem deve nos guiar, e não os nossos sentimentos ou vontades (Sl 119.105; 1 Jo 2.15-17; Lc 9.23; Tg 4.4; 2 Tm 3.16,17; 1 Pe 1.24,25).

Como o irmão falou, devemos mesmo nos firmar a cada dia em Cristo e em sua gloriosa, inerrante, insubstituível Palavra.

Em Cristo,

CSZ

Ciro Sanches Zibordi disse...

Aos irmãos que me escreveram ONTEM para dizer energicamente que não concordam comigo, e a alguns até me ofenderam com duras palavras e maldições, dirijo-lhes agora uma palavra.

Agradeço-lhes por dedicarem tempo me escrevendo, mas lamento por não publicar o comentário de vocês, tampouco respondê-los. Isso se dá por algumas razões.

Primeiro, vocês escreveram um "livro", quando, para dizer o que disseram, bastava um parágrafo. Vocês precisam ser mais sucintos, pois eu não tenho o tempo que vocês têm de ficar entrando e saindo do Orkut, passando o dia e a noite no MSN, conferindo vídeos no YouTube... Ontem, eu trabalhei o dia inteiro e preguei à noite...

Segundo, alguns de vocês parece até que não sabem escrever, pois empregam palavras como "Cançaum", "Joaum"... Eu sei que esse "estilo" impera entre os internautas adolescentes, mas não cabe aqui neste espaço, não é? Amadureçam, por favor!

Terceiro, você falam, falam, falam... mas não dizem nada! O que deve prevalecer é a Palavra de Deus! Eu estou citando a Palavra, e com certeza (não tenho nenhuma dúvida), e vocês estão argumentando com palavras ocas, sem nenhuma convicção. Estão fazendo valer as suas preferências pessoais: "Eu acho", "Eu gosto"... Bem, se vocês pensam que podem ignorar trechos da Bíblia, a fim de andarem como bem entendem, vão em frente... mas cuidado com o buraaaaaaaaacooooo...

Quarto, alguns de vocês, que continuam com essa atitude reprovável de fãs, e não de servos de Deus, dizem que esse blog não lhes serve para a edificação. Bem, eu já falei e vou repetir: NÃO ESCREVO PARA AGRADAR PESSOAS. MEU COMPROMISSO É COM DEUS. Se alguém não gostar, não precisa ler. Há tantos e tantos blogs...

Ah, quero que saibam, ainda, que Deus está considerando as palavras de ofensas que dirigem contra mim. Eu oro por vocês, para que se voltem para a Palavra de Deus e deixem essas efemeridades que seguem. Oro para que recebam Jesus, não como Astro, não como Revolucionário, não como o Papai Noel, não como o "Demolidor"... Oro para que recebam a Cristo como SENHOR E SALVADOR.

Que Deus os abençoe.

CSZ

Priscila Miranda disse...

a paz do Senhor pastor Ciro....
eu te escrevi no orkut sobre o comentário q tinha deixado aqui mas que o senhor não tinha visto...
eu não consegui encontrar seu email no blog por isso to deixando aqui meu comentário... gostaria que o pastor me explicasse melhor sobre a sua posição quanto a dança na igreja...
no outro comentário tinha me baseado no versículo de I Coríntios 6.20...
como já disse, faço parte de um grupo de dança e creio que Deus tem se agradado da nossa adoração (através da dança) como fala a carta de Paulo, devemos glorificar a Deus com nossos corpos... não dançar como no mundo talvez dançassemos... mas na presença de Deus... em santidade e adoração... e creio que Deus tem recebido sim porque tem derramado da sua unção e da sua presença sobre nossas vidas...e toda a igreja tem visto essa diferença...
espero sua resposta...
um grande abraço...

Ciro Sanches Zibordi disse...

Priscila,

A resposta ficou muito longa... Vou publicá-la como artigo.

Em Cristo,

CSZ

Priscila Miranda disse...

Ok, agradeço a atenção!!!
Abraços... em Cristo...

Edilson disse...

Que Deus continue abençoando, todos que continuam levando a Palavra de Deus com tanta seriedade quanto o senhor. Seus comentários estão me motivando a não calar e falar a verdade, doa a quem doer. Que Deus sempre o mantenha com essa simplicidade. Quero ter tamanha sabedoria e coragem!
Com amor
Edilson José

fabiano vilhete disse...

por que ninguém está buscando evangelizar as pessoas estão querendo inventar moda, na minha igreja tem um grupo querendo criar "ministério de dança" mas nunca ví na biblia isso, e essas pessoas não tem cristo como alvo mas sim suas ciluetas corporais

Everton disse...

parabéns, nunca tinha visto alguém com tanta coragem.
falar é facil, mas deixar escrito em um blog é pra poucos.
conhece o site dos pregadores? fiz meu cadastro lá e seria bom o amado mostrar para esse Brasil a essencia do cristão! o endereço é wwww.pregadores.com.br ou tambem www.opastor.com.br

paz

Hudson disse...

Pr. Ciro
graças a Deus encontrei esse estudo.
Apoiadíssimo.

Onde eu assino??

Hudson disse...

Otimo blog
Excelente estudo.